Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 133

O corpo de Jesus é preparado e sepultado

O corpo de Jesus é preparado e sepultado

MATEUS 27:57–28:2 MARCOS 15:42–16:4 LUCAS 23:50–24:3 JOÃO 19:31–20:1

  • O CORPO DE JESUS É TIRADO DA ESTACA

  • O CORPO É PREPARADO PARA O SEPULTAMENTO

  • MULHERES ENCONTRAM O TÚMULO VAZIO

É fim de tarde, sexta-feira, 14 de nisã. O sábado 15 de nisã começará com o pôr do sol. Jesus já morreu, mas os dois ladrões ainda estão vivos. Segundo a Lei, um corpo “não deve ficar a noite toda no madeiro”, mas deve ser enterrado no mesmo dia. — Deuteronômio 21:22, 23.

Além disso, a tarde de sexta-feira é chamada de Preparação, pois é o dia em que as pessoas preparam refeições e terminam de realizar tarefas que não podem ficar para depois de sábado. Neste pôr do sol, começa um sábado duplo, ou um “grande” sábado. (João 19:31) Isso acontece porque 15 de nisã será o primeiro dia da Festividade dos Pães sem Fermento. Essa festividade dura sete dias, e o primeiro dia é sempre considerado um sábado. (Levítico 23:5, 6) Desta vez, o primeiro dia da festividade coincide com o sábado normal, o sétimo dia da semana.

Por isso, os judeus pedem a Pilatos que apresse a morte de Jesus e dos dois ladrões. Como? Por quebrar as pernas deles. Assim não será possível usarem as pernas para erguer o corpo a fim de respirar. Então os soldados quebram as pernas dos dois ladrões. Mas não quebram as pernas de Jesus, pois ele parece estar morto. Isso cumpre o Salmo 34:20: “Ele protege todos os seus ossos; nem mesmo um deles foi quebrado.”

Para eliminar qualquer dúvida de que Jesus está morto, um soldado lhe fura o lado com uma lança, atingindo a região do coração. ‘Imediatamente sai sangue e água.’ (João 19:34) Isso cumpre outra profecia: “Eles olharão para aquele que traspassaram.” — Zacarias 12:10.

José da cidade de Arimateia, “um homem rico” e membro bem-conceituado do Sinédrio, também presencia a execução. (Mateus 27:57) Ele é descrito como “um homem bom e justo”, que ‘aguarda o Reino de Deus’. Na verdade, como é ‘discípulo de Jesus, mas secretamente, pois tem medo dos judeus’, ele não apoiou a decisão do tribunal no julgamento de Jesus. (Lucas 23:50; Marcos 15:43; João 19:38) José cria coragem e pede a Pilatos o corpo de Jesus. Pilatos chama o oficial do exército, que confirma que Jesus está morto. Então Pilatos atende ao pedido de José.

José compra linho fino e tira o corpo de Jesus da estaca. Ele enrola o corpo no linho em preparação para o sepultamento. Nicodemos, ‘que foi ao encontro de Jesus pela primeira vez de noite’, ajuda na preparação. (João 19:39) Ele traz uns 33 quilos de uma mistura cara de mirra e aloés. O corpo de Jesus é enrolado em faixas que contêm esses aromas, conforme os judeus costumam fazer no sepultamento.

José tem um túmulo novo, escavado na rocha, ali perto. E o corpo de Jesus é colocado nele. Então uma grande pedra é rolada até a entrada do túmulo. Isso é feito às pressas, antes de o sábado começar. Talvez Maria Madalena e Maria, mãe de Tiago, o Menor, ajudem a preparar o corpo. Elas correm para casa a fim de “preparar aromas e óleos perfumados” para passar no corpo de Jesus depois do sábado. — Lucas 23:56.

No dia seguinte, sábado, os principais sacerdotes e os fariseus vão até Pilatos e dizem: “Nós nos lembramos de que aquele impostor dizia, enquanto ainda estava vivo: ‘Depois de três dias eu serei levantado.’ Portanto, ordene que se mantenha a sepultura em segurança até o terceiro dia, para que não venham os discípulos dele e o furtem, e digam ao povo: ‘Ele foi levantado dentre os mortos!’ Então esta última mentira seria pior do que a primeira.” Pilatos responde: “Vocês podem levar soldados. Vão, mantenham a sepultura tão segura quanto puderem.” — Mateus 27:63-65.

Bem cedo na manhã de domingo, Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago, e outras mulheres vão ao túmulo passar aromas no corpo de Jesus. Dizem umas às outras: “Quem rolará a pedra da entrada do túmulo para nós?” (Marcos 16:3) Mas ocorreu um terremoto. E o anjo de Deus tirou a pedra da entrada do túmulo, os soldados não estão ali e o túmulo parece vazio.