Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 25

Ele mostra compaixão ao curar um leproso

Ele mostra compaixão ao curar um leproso

Enquanto Jesus e seus quatro discípulos pregam ‘nas sinagogas, em toda a Galileia’, pessoas de muitos lugares ouvem falar das coisas maravilhosas que Jesus está fazendo. (Marcos 1:39) Notícias sobre suas obras chegam até a cidade onde vive um leproso. Segundo o médico Lucas, o homem está “coberto de lepra”. (Lucas 5:12) Em estágios avançados, essa terrível doença deforma lentamente algumas partes do corpo.

Esse leproso está em uma situação deplorável e é obrigado a viver isolado das pessoas. Além disso, quando alguém se aproxima, ele deve avisar: “Impuro, impuro!” para evitar que a pessoa chegue muito perto e seja contaminada. (Levítico 13:45, 46) Mas o que esse leproso faz? Ele se aproxima de Jesus e se ajoelha diante dele, implorando: “Senhor, se apenas quiser, pode me purificar.” — Mateus 8:2.

Veja quanta fé esse homem tem em Jesus! E imagine como sua doença deve tê-lo deixado em um estado lamentável! Como Jesus reage? O que você faria se estivesse lá? Movido por compaixão, Jesus estende a mão e toca no homem. Ele lhe diz: “Eu quero! Seja purificado.” (Mateus 8:3) Parece difícil de as pessoas acreditarem, mas a lepra desaparece imediatamente.

O que você acha de um rei tão poderoso e compassivo como Jesus? O modo como Jesus lida com o leproso nos dá a certeza de que, quando Jesus for Rei sobre toda a Terra, se cumprirá a seguinte profecia bíblica: “Terá pena do humilde e do pobre, e salvará a vida dos pobres.” (Salmo 72:13) Sem dúvida, Jesus realizará o seu desejo sincero de ajudar todos os que sofrem.

Lembre-se de que, mesmo antes de curar esse leproso, o ministério de Jesus criou grande expectativa nas pessoas. Agora todos vão ouvir falar sobre esse maravilhoso milagre que ele realizou. Mas Jesus não quer que as pessoas tenham fé nele apenas por causa das coisas que outros dizem a seu respeito. Jesus sabe que a profecia diz que ele ‘não faria que a sua voz fosse ouvida na rua’, ou seja, que não contariam relatos sensacionalistas sobre ele. (Isaías 42:1, 2) Por isso, Jesus dá ao leproso a seguinte ordem: “Tenha o cuidado de não contar nada a ninguém, mas vá, mostre-se ao sacerdote e ofereça a dádiva que Moisés determinou.” — Mateus 8:4.

No entanto, como você pode imaginar, o homem fica tão feliz por ser curado que não consegue deixar de falar sobre o milagre. Ele sai e espalha por toda a parte o que aconteceu. Isso desperta tanto interesse e curiosidade nas pessoas que Jesus não consegue entrar em uma cidade sem ser reconhecido. Então ele procura ficar um tempo onde não há ninguém por perto. Mesmo assim, pessoas de toda a região vêm para ser curadas e ensinadas por ele.