Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 32

O que é permitido fazer no sábado?

O que é permitido fazer no sábado?

MATEUS 12:9-14 MARCOS 3:1-6 LUCAS 6:6-11

  • JESUS CURA UMA MÃO ATROFIADA NO SÁBADO

Em outro sábado, Jesus visita uma sinagoga, provavelmente na Galileia. Ali ele encontra um homem com a mão direita atrofiada. (Lucas 6:6) Os escribas e os fariseus ficam observando Jesus. Por quê? Eles deixam claro qual é o verdadeiro motivo, quando perguntam: “É permitido curar no sábado?” — Mateus 12:10.

Os líderes religiosos judeus acreditam que é permitido tratar um doente no sábado apenas se a vida estiver em perigo. Então, por exemplo, no sábado não é permitido colocar um osso no lugar ou enfaixar uma lesão, pois isso não apresenta risco de vida. Os escribas e os fariseus não estão questionando Jesus por estarem sinceramente preocupados com o sofrimento desse pobre homem. Eles estão procurando um motivo para condenar Jesus.

Mas Jesus conhece o pensamento distorcido deles. Sabe que adotaram um conceito rigoroso, que não é baseado nas Escrituras, sobre o que significa violar a lei por trabalhar no sábado. (Êxodo 20:8-10) Jesus já foi alvo de críticas injustas por causa de suas boas obras. Agora ele faz algo que resulta num confronto dramático. Diz ao homem com a mão atrofiada: “Levante-se e venha para o centro [da sinagoga].” — Marcos 3:3.

Virando-se para os escribas e os fariseus, Jesus diz: “Se um de vocês tiver uma ovelha, e essa ovelha cair num buraco no sábado, será que não vai agarrá-la e tirá-la dali?” (Mateus 12:11) Uma ovelha representa um investimento financeiro, assim eles não a deixariam no buraco até o dia seguinte. Pois ela poderia morrer, e isso lhes causaria prejuízo. Além disso, as Escrituras dizem: “O justo cuida dos seus animais domésticos.” — Provérbios 12:10.

Traçando um claro paralelo, Jesus continua: “Quanto mais vale um homem do que uma ovelha! Por isso, é permitido fazer algo bom no sábado.” (Mateus 12:12) Portanto, Jesus não violaria a lei do sábado por curar o homem. Os líderes religiosos não podem contradizer esse raciocínio lógico e compassivo, por isso apenas ficam calados.

Indignado e, ao mesmo tempo, triste por causa da forma errada de eles pensarem, Jesus olha em volta. Então diz ao homem: “Estenda a mão.” (Mateus 12:13) Assim que o homem estende a mão atrofiada, ela é curada. O homem fica muito feliz, mas como reagem os que estão tentando apanhar Jesus?

Em vez de ficarem felizes porque a mão do homem foi curada, os fariseus saem e conspiram imediatamente “com os partidários de Herodes contra Jesus, para matá-lo”. (Marcos 3:6) Pelo visto, esse partido político inclui membros do grupo religioso chamado saduceus. Normalmente, os saduceus e os fariseus são inimigos, mas agora estão bem unidos para se opor a Jesus.