Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Testemunhas de Jeová

Português

Os eruditos acreditam que Jesus existiu?

Os eruditos têm uma base sólida para acreditar que Jesus existiu. Com respeito às referências feitas por historiadores do primeiro e segundo séculos a Jesus e aos primeiros cristãos, a Encyclopædia Britannica, edição de 2002, diz: “Estes relatos independentes provam que nos tempos antigos nem os oponentes do cristianismo jamais duvidaram da historicidade de Jesus, que foi questionada pela primeira vez e em bases inadequadas em fins do século 18, durante o século 19 e no início do século 20.

Em 2006, o livro Jesus and Archaeology (Jesus e a Arqueologia) disse: “Hoje, nenhum erudito respeitado questiona que um judeu chamado Jesus, filho de José, tenha existido; a maioria admite prontamente que agora temos muitas informações sobre suas ações e seus ensinamentos básicos.

A Bíblia retrata Jesus como uma pessoa real. Ela fornece o nome de seus antepassados e de sua família imediata. (Mateus 1:1; 13:55) A Bíblia também menciona o nome de governantes importantes que viveram na época de Jesus. (Lucas 3:1, 2) Esses detalhes permitem que os pesquisadores confirmem a exatidão dos relatos bíblicos.

Saiba mais

A SENTINELA

Por que você pode confiar nos Evangelhos da Bíblia

Considere evidências constatadas em manuscritos antigos.

DESPERTAI!

Roma na história bíblica

Que papel a Roma antiga teve no cumprimento de profecias bíblicas?