Pular para conteúdo

As Testemunhas de Jeová evitam se envolver com outras religiões?

As Testemunhas de Jeová gostam de conversar sobre assuntos religiosos com pessoas de todas as crenças. Mas nós não participamos em cerimônias e eventos com outras religiões. A Bíblia diz que os cristãos verdadeiros precisam ser “completamente unidos”. (1 Coríntios 1:10; Efésios 4:16; Filipenses 2:2) Isso envolve mais do que apenas reconhecer a importância de mostrar amor, ter compaixão e perdoar. Para termos verdadeira união, precisamos ter as mesmas crenças. Nós sabemos que nossas crenças são baseadas no conhecimento exato da Bíblia. Se não tivéssemos essa certeza, nossa fé não teria valor. — Romanos 10:2, 3.

Participar em cerimônias de outras religiões pode prejudicar a fé de um cristão. A Bíblia deixa isso claro quando diz: “Não se ponham em jugo desigual com descrentes.” (2 Coríntios 6:14-17) Jesus indicou que seus discípulos não deviam se envolver com outras religiões. (Mateus 12:30; João 14:6) Antes de Jesus vir à Terra, Deus tinha dito aos israelitas, por meio de Moisés, que eles não deviam adorar junto com os povos de outras nações. (Êxodo 34:11-14) A Bíblia fala de uma ocasião em que pessoas que adoravam outros deuses ofereceram ajuda para os israelitas fiéis. Mas isso ia acabar levando a uma aliança religiosa. Por isso, os israelitas não aceitaram essa oferta. — Esdras 4:1-3.

As Testemunhas de Jeová estão dispostas a ouvir o que pessoas de outras religiões acreditam?

Sim. Só em 2019 nós gastamos 2.088.560.437 horas conversando com pessoas de outras religiões. Assim como o apóstolo Paulo, quando estamos pregando, nós gostamos de entender a opinião e as crenças do “maior número possível de pessoas”. (1 Coríntios 9:19-22) Ao mesmo tempo, procuramos seguir o conselho da Bíblia de mostrar “profundo respeito” pelas pessoas com quem falamos. — 1 Pedro 3:15.