Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

A Sentinela  |  Outubro de 2015

É realmente possível encontrar a Deus?

É realmente possível encontrar a Deus?

“Deus é incompreensível.” — Filo de Alexandria, filósofo do primeiro século.

‘Deus não está longe de cada um de nós.’ — Saulo de Tarso, falando a filósofos do primeiro século em Atenas.

AO LER essas duas afirmações, com qual delas você concordaria? Muitos acham que as palavras de Saulo de Tarso, também chamado de apóstolo Paulo, são fascinantes e consoladoras. (Atos 17:26, 27) A Bíblia contém outras garantias como essa. Por exemplo, numa oração, Jesus disse algo muito animador. Ele garantiu a seus seguidores que poderiam conhecer a Deus e ser abençoados por Ele. — João 17:3.

Mas filósofos como Filo tinham uma opinião diferente. Davam a entender que jamais poderíamos conhecer a Deus porque ele é totalmente incompreensível. Então, quem está com a verdade?

A Bíblia reconhece que há algumas coisas sobre Deus difíceis de os humanos entenderem. Por exemplo, não é possível medir, nem quantificar, nem sondar a profundidade da sabedoria do Criador, a sua mente brilhante e a duração de sua existência. Essas coisas estão simplesmente além da compreensão humana. Mas isso não impede que conheçamos a Deus. Na verdade, meditar nessas coisas pode nos ajudar a ‘nos achegar a Deus’. (Tiago 4:8) Vejamos alguns exemplos de coisas a respeito de Deus que são incompreensíveis. Depois veremos o que podemos compreender sobre Ele.

 Que coisas a respeito de Deus são incompreensíveis?

A ETERNA EXISTÊNCIA DE DEUS: A Bíblia ensina que Deus existe “de eternidade a eternidade”. (Salmo 90:2) Em outras palavras, Deus não teve início nem terá fim. Do ponto de vista humano, “o número dos seus anos foge ao nosso entendimento”. — Jó 36:26.

Como isso ajuda você: Deus promete lhe dar vida eterna se você conhecê-lo como amigo. (João 17:3) Não poderíamos confiar numa promessa dessas se o próprio Deus não vivesse para sempre. Apenas o “Rei da eternidade” poderia cumprir uma promessa assim. — 1 Timóteo 1:17.

A MENTE DE DEUS: A Bíblia ensina que o “entendimento [de Deus] é insondável” porque seus pensamentos são muito superiores aos nossos. (Isaías 40:28; 55:9) De forma apropriada, a Bíblia faz a seguinte pergunta retórica: “Quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo?” — 1 Coríntios 2:16, Almeida, revista e corrigida.

Como isso ajuda você: Deus é capaz de ouvir milhões de orações ao mesmo tempo. (Salmo 65:2) Ele até repara em cada pardal que cai no chão. Será que a mente de Deus pode ficar sobrecarregada, impedindo-o de dar atenção a você e ouvir suas orações? Não, pois sua mente não tem limites. Além disso, para ele, ‘você vale mais do que muitos pardais’. — Mateus 10:29, 31.

O MODO DE DEUS AGIR: A Bíblia ensina que o homem “nunca compreenderá plenamente o trabalho do verdadeiro Deus”. (Eclesiastes 3:11) Por isso, nunca saberemos tudo sobre Deus. A sabedoria por trás de como ele age não pode ser totalmente compreendida. (Romanos 11:33) Mas Deus está disposto a explicar seu modo de agir aos que querem agradá-lo. — Amós 3:7.

Não é possível medir, nem quantificar, nem sondar a profundidade da sabedoria do Criador, a sua mente brilhante e a duração de sua existência

Como isso ajuda você: Se você ler e estudar a Bíblia, sempre aprenderá coisas novas sobre Deus e como ele age. Isso significa que podemos nos achegar cada vez mais ao nosso Pai celestial, por toda a eternidade.

O que você pode compreender

O fato de não podermos compreender totalmente certas coisas a respeito de Deus não quer dizer que é impossível conhecê-lo. A Bíblia contém muitas informações que nos ajudam a conhecer melhor a Deus. Veja alguns exemplos:

O NOME DE DEUS: A Bíblia ensina que Deus escolheu um nome para si mesmo. Ele disse: “Eu sou Jeová. Esse é o meu nome.” O nome de Deus aparece cerca de 7 mil vezes na Bíblia, mais do que qualquer outro nome. — Isaías 42:8.

Como isso ajuda você: Jesus disse em sua oração-modelo: “Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome.” (Mateus 6:9) O que acha de usar o nome de Deus em suas orações? Jeová quer salvar todos os que mostram o respeito que o seu nome merece. — Romanos 10:13.

A MORADA DE DEUS: A Bíblia ensina que existem dois ‘mundos’: um mundo espiritual, onde há criaturas espirituais com corpos espirituais, e um mundo físico, ou seja, a Terra e o Universo. (João 8:23; 1 Coríntios 15:44) Na Bíblia, a palavra “céus” muitas vezes se refere ao mundo espiritual. O “lugar de morada” do Criador fica nesses “céus”. — 1 Reis 8:43.

 Como isso ajuda você: Você consegue ter uma ideia mais clara de quem é Deus. O Criador não é uma força obscura que está em todo lugar e em todas as coisas. Jeová é uma Pessoa real que vive num lugar real. Mas, mesmo morando num lugar específico, “não há criação que esteja escondida da vista dele”. — Hebreus 4:13.

A PERSONALIDADE DE DEUS: A Bíblia ensina que Jeová tem atraentes qualidades. “Deus é amor.” (1 João 4:8) Ele nunca mente. (Tito 1:2) Ele é imparcial, misericordioso, compassivo e paciente. (Êxodo 34:6; Atos 10:34) Talvez muitos não saibam que o Criador quer ter uma amizade achegada com os que o respeitam. — Salmo 25:14.

Como isso ajuda você: Você pode se tornar amigo de Jeová. (Tiago 2:23) E, quanto mais você conhecer a personalidade de Jeová, mais você entenderá os relatos bíblicos.

BUSQUE A DEUS

A Bíblia mostra claramente como Jeová Deus é. Longe de ser incompreensível, o Criador quer que você o conheça bem. Sua Palavra, a Bíblia, promete: “Se você o buscar, ele deixará que você o encontre.” (1 Crônicas 28:9) O que acha de conhecer melhor a Deus por ler os relatos bíblicos e refletir neles? Se fizer isso, a Bíblia promete que Deus ‘se achegará a você’. — Tiago 4:8.

Se você ler e estudar a Bíblia, sempre aprenderá coisas novas sobre Deus e seu modo de agir

Talvez você se pergunte: ‘Se eu não posso compreender tudo sobre o Criador, então como posso ser amigo dele?’ Pense no seguinte: será que o melhor amigo de um cirurgião precisa ser formado em medicina? Claro que não. O amigo do cirurgião pode ter uma profissão completamente diferente, e mesmo assim eles podem ser grandes amigos. O que realmente importa é que o amigo do cirurgião conhece a personalidade dele, bem como o que ele gosta e o que ele não gosta. De forma similar, você pode aprender na Bíblia o tipo de pessoa que Jeová é — exatamente o que você precisa para se tornar amigo dele.

A Bíblia não descreve o Criador de modo vago. Pelo contrário, nela encontramos o tipo de informação de que precisamos para conhecer a Deus. Gostaria de aprender mais sobre Jeová Deus? As Testemunhas de Jeová oferecem um curso da Bíblia gratuito. Convidamos você a contatar as Testemunhas de Jeová de sua região ou acessar nosso site www.jw.org.