Pular para conteúdo

Pular para sumário

Lembra-se?

Lembra-se?

 Lembra-se?

Gostou de ler os números recentes de A Sentinela? Em caso afirmativo, veja se consegue responder às seguintes perguntas.

• O que era a Poliglota Complutense e qual a sua importância?

Era uma Bíblia multilíngüe, impressa com colunas paralelas contíguas, com o melhor texto disponível naquela época em hebraico, grego e latim, junto com algumas partes em aramaico. Essa Bíblia poliglota foi um grande passo na produção de um texto exato das línguas originais. — 15/4, páginas 28-31.

• Como os humanos podem alegrar a Deus?

Jeová, como pessoa viva e real, tem a capacidade de pensar, agir e sentir. Ele é o “Deus feliz”, e tem prazer em realizar seu objetivo. (1 Timóteo 1:11; Salmo 104:31) Quanto mais sensíveis formos aos sentimentos de Deus, mais apercebidos ficamos do que podemos fazer para alegrar Seu coração. — 15/5, páginas 4-⁠7.

• Por que permitiu Davi que sua esposa, Mical, tivesse uma imagem de terafim?

Quando o Rei Saul tramou matar Davi, Mical ajudou este a escapar, colocando no leito dele uma imagem que talvez tivesse a forma de um homem. Ela tinha esse terafim porque talvez seu coração não estivesse plenamente com Deus. Davi ou não tinha conhecimento da imagem ou a tolerou por Mical ser a filha do Rei Saul. (1 Crônicas 16:25, 26) — 1/6, página 29.

• Qual era o motivo básico do decreto de Deus referente ao sangue?

Segundo o que Deus declarou após o Dilúvio, na Lei Mosaica e no decreto registrado em Atos 15:28, 29, o motivo básico era direcionar a atenção para o sacrifício envolvendo o sangue derramado de Jesus. Somente por meio desse sangue é que podemos obter perdão e ter paz com Deus. (Colossenses 1:20) — 15/6, páginas 14-19.

• Quantos milagres de Jesus são mencionados na Bíblia?

Os relatos evangélicos mencionam 35 milagres. Mas o número exato de milagres de Jesus, incluindo os não relatados, não é revelado. (Mateus 14:14) — 15/7, página 5.