Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Despertai!  |  Julho de 2013

Conheça o discreto gato-do-deserto

Conheça o discreto gato-do-deserto

Após uma gestação de dois meses, a fêmea tem em média três filhotes

UM GATO-DO-DESERTO sai de sua toca na calada da noite. Ele para e olha ao redor, atento a qualquer barulho. Daí, bem agachado, quase rastejando, ele começa sua caça silenciosa sobre a areia do deserto.

De repente, o gato salta sobre sua presa distraída — um roedor. A caçada continua durante a noite toda. O que sobra da refeição, ele enterra na areia. Ao amanhecer, ele volta para a toca e dificilmente sai durante o dia. Veja algumas características interessantes desse animal discreto:

  • Com sua audição aguçada, ele consegue localizar a presa mesmo se ela estiver embaixo do solo

  • Para encontrar parceiras, o macho produz um som agudo similar a um latido. A audição sensível da fêmea consegue detectar esse chamado a uma longa distância

  • Graças a uma camada de pelo em suas patas, o gato-do-deserto não afunda na areia. Essa camada também o protege das temperaturas extremas da areia

  •  O lado de dentro da orelha é coberto com uma grossa pelagem branca, que impede que a areia carregada pelo vento entre no ouvido

  • É difícil rastrear o gato-do-deserto porque o pelo espesso na sola de suas patas deixa suas pegadas quase invisíveis

  • A presa do gato-do-deserto contém todo o líquido que ele precisa

  • A areia do deserto de Karakum pode chegar a 80°C. Em outras épocas, a temperatura do ar pode cair para -25°C