Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 20

O segundo milagre em Caná

O segundo milagre em Caná

MARCOS 1:14, 15 LUCAS 4:14, 15 JOÃO 4:43-54

  • JESUS PREGA QUE “O REINO DE DEUS ESTÁ PRÓXIMO”

  • ELE CURA UM JOVEM À DISTÂNCIA

Após uns dois dias em Samaria, Jesus vai para sua terra. Ele realizou uma grande obra de pregação na Judeia, mas não está voltando à Galileia para descansar. Em vez disso, ele começa um ministério ainda maior na região onde cresceu. Talvez Jesus não espere ser bem recebido, pois ele havia dito: “Um profeta não recebe honra na sua própria terra.” (João 4:44) Em vez de ficarem com ele, seus discípulos voltam para casa, para suas famílias e para suas antigas profissões.

Qual é a mensagem que Jesus começa a pregar? “O Reino de Deus está próximo. Arrependam-se e tenham fé nas boas novas.” (Marcos 1:15) E qual é a reação das pessoas? Muitos galileus recebem bem a Jesus e lhe dão honra, não só por causa de sua mensagem, mas porque alguns deles estavam na Páscoa em Jerusalém poucos meses antes e viram os impressionantes sinais que Jesus realizou. — João 2:23.

Onde Jesus começa seu grande ministério na Galileia? Pelo visto em Caná, onde ele transformou água em vinho em uma festa de casamento. Dessa vez, Jesus fica sabendo que um jovem está muito doente, quase morrendo. Ele é filho de um funcionário do rei Herodes Antipas, o rei que mais tarde mandou decapitar João Batista. Esse funcionário ouve dizer que Jesus veio da Judeia para Caná. Então ele sai de sua terra natal, em Cafarnaum, e viaja a Caná para encontrar Jesus. Muito triste, o funcionário lhe diz: “Senhor, venha antes que meu filhinho morra.” — João 4:49.

Talvez a resposta de Jesus deixe o homem maravilhado: “Pode ir; seu filho está vivo.” (João 4:50) O funcionário de Herodes acredita em Jesus e vai embora para sua cidade. No caminho, ele encontra seus escravos ansiosos para lhe dar a boa notícia de que seu filho está vivo e passa bem. ‘A que hora ele melhorou?’, pergunta o homem, tentando entender o que aconteceu.

Eles respondem: “A febre o deixou ontem, à sétima hora.” — João 4:52.

O funcionário percebe que foi a mesma hora em que Jesus disse: “Seu filho está vivo.” Depois disso, esse homem muito rico, sua família e todos os seus escravos se tornam discípulos de Cristo.

Assim, Jesus realiza dois milagres em Caná: transforma água em vinho e cura um rapaz à distância de uns 25 quilômetros. É claro que esses não são os únicos milagres que ele realiza. Mas esse segundo milagre em Caná é importante porque indica o momento de sua volta à Galileia. Sem dúvida, ele é um profeta aprovado por Deus. Mas até que ponto esse ‘profeta receberá honra na sua própria terra’?

Isso vai ficar claro quando Jesus voltar para sua casa, em Nazaré. O que acontecerá lá?