VEJA o homem na água. Ele está em apuros, não está? Aquele peixe está para engoli-lo! Sabe quem é o homem? Seu nome é Jonas. Vejamos como se meteu nessa encrenca.

Jonas era profeta de Jeová. Foi pouco depois da morte do profeta Eliseu que Jeová disse a Jonas: ‘Vá para a grande cidade de Nínive. A maldade do povo ali é muito grande, e eu quero que você lhes fale sobre isso.’

Mas Jonas não quis ir. Por isso, embarcou num navio que ia na direção oposta. Jeová não gostou que Jonas fugiu. De modo que causou uma grande tempestade. Esta ficou tão forte que o navio estava em perigo de afundar. Os marinheiros ficaram com medo e clamaram aos seus deuses, pedindo ajuda.

Por fim, Jonas disse a eles: ‘Eu adoro a Jeová, o Deus que fez o céu e a Terra. E estou fugindo para não fazer o que Jeová me mandou.’ Os marinheiros perguntaram: ‘O que devemos fazer para que acabe a tempestade?’

‘Lancem-me no mar, e o mar se acalmará de novo’, disse Jonas. Os marinheiros não quiseram fazer isso, mas a tempestade piorou, e por isso jogaram Jonas ao mar. A tempestade parou logo e o mar ficou novamente calmo.

Quando Jonas afundou na água, foi engolido por um grande peixe. Mas não morreu. Ficou três dias e três noites na barriga do peixe. Jonas estava muito triste de não ter obedecido a Jeová indo para Nínive. Sabe o que ele fez?

Jonas orou a Jeová, pedindo ajuda. Jeová fez então o peixe vomitar Jonas em terra seca. Daí, Jonas foi para Nínive. Não nos ensina isso quão importante é que façamos o que Jeová manda?

O livro bíblico de Jonas.