Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Meu Livro de Histórias Bíblicas

 HISTÓRIA 17

Gêmeos que eram diferentes

Gêmeos que eram diferentes

OS DOIS meninos, aqui, são bastante diferentes, não são? Sabe como se chamam? O caçador é Esaú, e o menino que cuida das ovelhas é Jacó.

Esaú e Jacó eram filhos gêmeos de Isaque e Rebeca. O pai, Isaque, gostava muito de Esaú, porque era bom caçador e trazia coisas para a família comer. Mas Rebeca gostava mais de Jacó, porque era um menino quieto e mansinho.

O avô Abraão ainda vivia, e podemos imaginar quanto Jacó gostava de escutá-lo falar sobre Jeová. Abraão, por fim, morreu aos 175 anos de idade, quando os gêmeos tinham 15 anos.

Quando Esaú tinha 40 anos, casou-se com duas moças da terra de Canaã. Isso entristeceu Isaque e Rebeca, porque essas mulheres não adoravam a Jeová.

Daí, certo dia, aconteceu algo que fez Esaú zangar-se muito com seu irmão Jacó. Havia chegado o tempo em que Isaque devia abençoar o filho mais velho. Já que Esaú era mais velho do que Jacó ele esperava receber essa bênção. Mas Esaú já havia antes vendido a Jacó o direito de receber a bênção. Também, quando os dois nasceram, Deus disse que Jacó ia receber a bênção. E foi assim que aconteceu. Isaque deu a bênção ao seu filho Jacó.

Depois, quando Esaú soube disso, ficou zangado com Jacó. Ficou tão zangado que disse que ia matar Jacó. Quando Rebeca soube disso, ficou muito preocupada. Ela disse ao seu marido, Isaque: ‘Será horrível se Jacó também se casar com uma moça de Canaã.’

Assim, Isaque chamou Jacó e lhe disse: ‘Não se case com uma moça de Canaã. Antes, vá até a casa de seu avô Betuel, em Harã. Case-se com uma das filhas do filho dele, Labão.’

Jacó obedeceu ao seu pai e fez logo a grande viagem até Harã, onde moravam seus parentes.