Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

O Que a Bíblia Realmente Ensina?

 APÊNDICE

O que é o Seol ou Hades?

O que é o Seol ou Hades?

NAS línguas originais, a Bíblia usa a palavra hebraica sheʹóhl e sua equivalente grega haí·des mais de 70 vezes. As duas se relacionam com a morte. Algumas traduções da Bíblia vertem-nas por “sepultura”, “inferno” ou “cova”. No entanto, na maioria das línguas não existem palavras que transmitam o sentido exato desses termos hebraico e grego. De modo que a Tradução do Novo Mundo usa as palavras “Seol” e “Hades” nas notas. O que essas palavras realmente significam? Vejamos como são usadas em diferentes textos bíblicos.

Eclesiastes 9:10 diz: “Não há trabalho, nem planejamento, nem conhecimento, nem sabedoria na Sepultura [“no Seol”, nota], o lugar para onde você vai.” Será que isso significa que o Seol se refere a um túmulo específico, ou individual, no qual talvez tenhamos sepultado uma pessoa amada? Não. Quando a Bíblia se refere a um lugar específico de sepultamento, ou túmulo, ela usa outras palavras hebraicas e gregas, não sheʹóhl e haí·des. (Gênesis 23:7-9; Mateus 28:1) Também, a Bíblia não usa a palavra “Seol” para se referir a um túmulo em que várias pessoas são sepultadas juntas, como no caso de um túmulo de família ou uma sepultura coletiva. — Gênesis 49:30, 31.

Então, a que tipo de lugar “Seol” se refere? A Palavra de Deus indica que “Seol” ou “Hades” se refere a algo muito mais abrangente do que até mesmo uma grande sepultura coletiva. Por exemplo, Isaías 5:14 diz que a Sepultura, ou o Seol, “ampliou a si mesma e escancarou a boca além dos limites”. Embora o Seol já tenha engolido, por assim dizer, um incontável número de mortos, parece que sempre anseia mais. (Provérbios 30:15, 16) Diferentemente de qualquer túmulo literal, que pode receber apenas um número limitado de mortos, ‘a Sepultura nunca se sacia’. (Provérbios 27:20) Isto é, o Seol nunca fica cheio. Não tem limites. Portanto, Seol ou Hades não é um lugar literal num local específico. Em vez disso, é a sepultura comum da humanidade, o lugar figurativo onde se encontra a maioria dos humanos falecidos.

 O ensino bíblico da ressurreição nos ajuda a compreender melhor o sentido de “Seol” e “Hades”. A Palavra de Deus associa o Seol e o Hades com o tipo de morte da qual haverá uma ressurreição. * (Jó 14:13; Atos 2:31; Apocalipse 20:13) A Palavra de Deus mostra também que aqueles que estão no Seol, ou Hades, incluem não só os que serviram a Jeová, mas também muitos que não o serviram. (Gênesis 37:35; Salmo 55:15) Portanto, a Bíblia ensina que haverá “uma ressurreição tanto de justos como de injustos”. — Atos 24:15.

^ parágrafo 1 Em contraste com isso, os mortos que não serão ressuscitados são mencionados como estando na “Geena”, não no Seol, ou Hades. (Mateus 5:30; 10:28; 23:33) Assim como o Seol e o Hades, a Geena também não é um lugar literal.