Pular para conteúdo

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Selecione o idioma Português

Ezequiel 16:1-63

CONTEÚDO DO LIVRO

  • O amor de Deus por Jerusalém (1-63)

    • Encontrada como uma criança abandonada (1-7)

    • Deus a adorna e entra num pacto matrimonial com ela (8-14)

    • Ela se torna infiel (15-34)

    • Punida como adúltera (35-43)

    • Comparada a Samaria e Sodoma (44-58)

    • Deus se lembra do seu pacto (59-63)

16  Recebi novamente a palavra de Jeová:  “Filho do homem, exponha a Jerusalém suas práticas detestáveis.+  Diga: ‘Assim diz o Soberano Senhor Jeová a Jerusalém: “Sua origem e seu nascimento foram na terra dos cananeus. Seu pai era amorreu,+ e sua mãe era hitita.+  Quanto ao seu nascimento, no dia em que você nasceu, não cortaram o seu cordão umbilical, nem a lavaram com água para deixá-la limpa, nem a esfregaram com sal, nem a enrolaram com panos.  Ninguém teve dó de você a ponto de fazer-lhe alguma dessas coisas. Ninguém teve compaixão de você. Pelo contrário, você foi jogada no campo aberto, pois você* foi odiada no dia em que nasceu.  “‘“Quando passei por ali, vi você esperneando no seu próprio sangue e, enquanto você estava deitada ali no seu sangue, eu disse: ‘Continue vivendo!’ Sim, eu lhe disse enquanto você estava deitada ali no seu sangue: ‘Continue vivendo!’  Fiz de você uma multidão muito grande, como as plantas que brotam no campo. Você cresceu, desenvolveu-se e passou a usar os enfeites mais belos. Seus seios ficaram firmes e os seus cabelos cresceram, mas você ainda estava nua e exposta.”’  “‘Quando eu passei e a vi, notei que você já tinha idade para expressões de amor. De modo que estendi minha roupa* sobre você+ e cobri a sua nudez, fiz um juramento e entrei num pacto com você’, diz o Soberano Senhor Jeová, ‘e você se tornou minha.  Além disso, eu a lavei com água, limpei o seu sangue e passei óleo na sua pele.+ 10  Então a vesti com uma roupa bordada e dei-lhe sandálias de couro da melhor qualidade.* Eu a envolvi com linho fino e a vesti com roupas caras. 11  Eu a enfeitei com adornos, coloquei pulseiras nos seus braços* e um colar no seu pescoço. 12  Coloquei também uma argola no seu nariz, brincos nas suas orelhas e uma bela coroa na sua cabeça. 13  Você se enfeitava com ouro e prata, e se vestia com linho fino, tecidos caros e uma roupa bordada. Sua comida era farinha fina, mel e azeite. Você se tornou extremamente bela,+ e estava pronta para tornar-se rainha.’”* 14  “‘Sua fama* começou a se espalhar pelas nações+ por causa da sua beleza, pois era perfeita devido ao meu esplendor, que eu tinha posto sobre você’,+ diz o Soberano Senhor Jeová.” 15  “‘Mas você começou a confiar na sua beleza,+ e se tornou prostituta devido à sua fama.+ Você se prostituiu fartamente com todos os que passavam,+ e a sua beleza se tornou deles. 16  Você pegou algumas das suas roupas e fez com elas altos sagrados coloridos, onde se prostituía.+ Essas coisas não deveriam ocorrer; jamais deveriam acontecer. 17  Além disso, você pegou as belas joias* de ouro e de prata que eu tinha lhe dado, fez com elas imagens de homens e se prostituiu com elas.+ 18  Você pegou as suas roupas bordadas e as* cobriu com elas, e ofereceu-lhes o meu óleo e o meu incenso.+ 19  E o pão que eu tinha lhe dado — feito de farinha fina, azeite e mel, que eu tinha lhe dado para comer — você também ofereceu a elas como aroma agradável.*+ Foi exatamente isso o que aconteceu’, diz o Soberano Senhor Jeová.” 20  “‘Você pegou os filhos e as filhas que havia gerado para mim+ e os sacrificou a imagens para que fossem consumidos+ — não bastavam os seus atos de prostituição? 21  Você matou os meus filhos e os ofereceu como sacrifício, queimando-os no fogo.*+ 22  Enquanto fazia todas essas coisas detestáveis e se prostituía, você não se lembrava dos dias da sua juventude, quando estava nua e exposta, e esperneava no seu próprio sangue. 23  Depois de cometer toda essa maldade, ai! ai de você!’+ diz o Soberano Senhor Jeová. 24  ‘Você construiu uma elevação e fez um alto sagrado em cada praça. 25  Você construiu seus altos sagrados no lugar mais destacado de cada rua e fez da sua beleza algo detestável, oferecendo-se* a todos os que passavam,+ multiplicando os seus atos de prostituição.+ 26  Você se prostituiu com os filhos do Egito,+ seus vizinhos devassos,* e me ofendeu com os seus incontáveis atos de prostituição. 27  Por isso estenderei a mão contra você e reduzirei a sua porção de alimento.+ Vou entregá-la à mercê* daquelas que a odeiam,+ as filhas dos filisteus, que ficaram chocadas com a sua conduta obscena.+ 28  “‘Visto que você não conseguia se satisfazer, você se prostituiu então com os filhos da Assíria.+ Mas, mesmo depois de se prostituir com eles, você ainda não ficou satisfeita. 29  Então você aumentou a sua prostituição, estendendo-a à terra dos comerciantes* e aos caldeus,+ mas nem assim ficou satisfeita. 30  Como estava doente* o seu coração’,* diz o Soberano Senhor Jeová, ‘quando você fez todas essas coisas, agindo como uma prostituta descarada!+ 31  Mas, quando você construiu sua elevação no lugar mais destacado de cada rua e fez seu alto sagrado em cada praça, não agia como uma prostituta, pois não queria receber pagamento. 32  Você é uma esposa adúltera, que recebe estranhos em vez do seu marido!+ 33  Todas as prostitutas recebem presentes,+ mas, no seu caso, você é quem dá presentes a todos os que a desejam ardentemente.+ Você os suborna para que venham de todas as partes até você, para que você se prostitua com eles.+ 34  Você é o oposto das outras mulheres que se prostituem. Ninguém se prostitui do jeito como você faz! Você paga aos outros, em vez de eles lhe pagarem. Você faz justamente o contrário.’ 35  “Portanto, ó prostituta,+ ouça a palavra de Jeová. 36  Assim diz o Soberano Senhor Jeová: ‘Você se excedeu na sua paixão ardente e expôs a sua nudez na sua prostituição com os seus amantes e com todos os seus ídolos detestáveis e repugnantes,*+ aos quais você até mesmo sacrificou o sangue dos seus filhos.+ 37  Portanto, vou reunir todos os seus amantes, aos quais você dava prazer, todos os que você amou e todos os que você odiou. Vou reuni-los contra você de todas as partes, vou expor-lhes a sua nudez e eles a verão completamente nua.+ 38  “‘E vou aplicar a você a punição que cabe às mulheres adúlteras+ e às que derramam sangue,+ e o seu sangue será derramado com furor e ciúme.+ 39  Vou entregá-la nas mãos deles, e eles derrubarão as suas elevações e demolirão os seus altos sagrados.+ Arrancarão as suas roupas,+ pegarão as suas belas joias*+ e a deixarão nua e exposta. 40  Eles trarão contra você uma multidão,+ eles a apedrejarão+ e a matarão com suas espadas.+ 41  Queimarão as suas casas com fogo+ e executarão em você o julgamento diante dos olhos de muitas mulheres. Porei fim à sua prostituição,+ e você vai parar de pagar a eles. 42  Saciarei meu furor contra você,+ e minha indignação se desviará de você;+ vou me acalmar e não me sentirei mais ofendido.’ 43  “‘Visto que você não se lembrou dos dias da sua juventude+ e me deixou irado com tudo o que fez, eu farei as consequências do seu proceder recair sobre a sua própria cabeça’, diz o Soberano Senhor Jeová, ‘e você não continuará mais na sua conduta obscena e nas suas práticas detestáveis. 44  “‘Todos os que citam provérbios aplicarão este provérbio a você: “Tal mãe, tal filha!”+ 45  Você é mesmo filha de sua mãe, que desprezava o marido e os filhos. E é mesmo irmã de suas irmãs, que desprezavam o marido e os filhos. A mãe de vocês era hitita, e seu pai era amorreu.’”+ 46  “‘Sua irmã mais velha é Samaria,+ que mora ao norte de você* com as filhas dela,*+ e sua irmã mais nova é Sodoma,+ que mora ao sul de você* com as filhas dela.+ 47  Você não só andou nos caminhos delas e imitou as práticas detestáveis delas, mas em pouco tempo se corrompeu ainda mais do que elas em toda a sua conduta.+ 48  Tão certo como eu vivo’, diz o Soberano Senhor Jeová, ‘sua irmã Sodoma e as filhas dela nunca fizeram o que você e suas filhas fizeram. 49  Este foi o erro de Sodoma, sua irmã: ela e as filhas dela+ eram orgulhosas,+ tinham fartura de alimento+ e viviam despreocupadas,+ mas não ajudaram os oprimidos e os pobres.+ 50  Elas continuaram arrogantes+ e praticaram coisas detestáveis diante de mim,+ de modo que achei necessário eliminá-las.+ 51  “‘Samaria+ também não cometeu nem a metade dos seus pecados. Você fez muito mais coisas detestáveis do que as suas irmãs, a ponto de fazê-las parecer justas por causa de todas as suas práticas detestáveis.+ 52  Agora, suporte a sua humilhação, pois você justificou a conduta das suas irmãs.* Em vista do seu pecado, ao agir de modo mais detestável do que elas, elas são mais justas do que você. Então agora envergonhe-se e suporte a humilhação de fazer as suas irmãs parecer justas.’ 53  “‘E vou reunir os cativos delas: os cativos de Sodoma e das filhas dela e os cativos de Samaria e das filhas dela; vou reunir também os seus cativos junto com eles,+ 54  para que você suporte a sua humilhação; você se sentirá humilhada por causa do que fez, que serviu de consolo para elas. 55  Quanto às suas próprias irmãs, Sodoma e suas filhas voltarão a ser como antes, e Samaria e suas filhas voltarão a ser como antes. Você e suas filhas também voltarão a ser como antes.+ 56  Sodoma, sua irmã, não era digna de ser mencionada por você na época em que você era orgulhosa, 57  antes de a sua própria maldade ser exposta.+ Agora as filhas da Síria e as vizinhas dela insultam você, e as filhas dos filisteus,+ todos ao seu redor, tratam você com desprezo. 58  Você sofrerá as consequências da sua conduta obscena e das suas práticas detestáveis’, diz Jeová.” 59  “Pois assim diz o Soberano Senhor Jeová: ‘Agora farei com você exatamente o que você fez,+ porque você desprezou o juramento, violando o meu pacto.+ 60  Mas eu me lembrarei do pacto que fiz com você nos dias da sua juventude e estabelecerei com você um pacto permanente.+ 61  Você se lembrará da sua conduta e se sentirá humilhada+ ao acolher as suas irmãs, tanto as mais velhas como as mais novas; e eu as darei a você como filhas, mas não por causa do pacto feito com você.’ 62  “‘E eu vou estabelecer com você o meu pacto, e você terá de saber que eu sou Jeová. 63  Então, quando eu fizer expiação em seu favor, apesar de todas as coisas que você fez,+ você se lembrará dessas coisas e se envergonhará tanto que nem abrirá a boca por causa da sua humilhação’,+ diz o Soberano Senhor Jeová.”

Notas de rodapé

Ou: “sua alma”.
Ou: “saia”.
Ou: “sandálias de pele de foca”.
Ou: “nas suas mãos”.
Ou: “pronta para uma posição real”.
Lit.: “Seu nome”.
Ou: “os belos ornamentos”.
Isto é, as imagens de homens.
Ou: “apaziguador; calmante”. Lit.: “repousante”.
Ou: “fazendo-os passar pelo fogo”.
Lit.: “abrindo suas pernas”.
Lit.: “seus vizinhos grandes de carne”.
Ou: “alma”.
Lit.: “terra de Canaã”.
Ou: “fraco”.
Ou, possivelmente: “Como estou furioso com você”.
O termo hebraico talvez esteja relacionado a uma palavra para “esterco” e é usado como expressão de desprezo.
Ou: “os seus belos ornamentos”.
Lit.: “à sua esquerda”.
Provavelmente se refere a aldeias dependentes.
Lit.: “à sua direita”.
Ou: “você intercedeu pelas suas irmãs”.