Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Bíblia on-line | TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO DA BÍBLIA SAGRADA (REVISÃO DE 2015)

Daniel 8:1-27

CONTEÚDO DO LIVRO

  • Visão de um carneiro e um bode (1-14)

    • Um pequeno chifre age com arrogância (9-12)

    • Até terem passado 2.300 noites e manhãs (14)

  • Gabriel interpreta a visão (15-27)

    • Explicação sobre o carneiro e o bode (20, 21)

    • Um rei de aparência feroz se levantará (23-25)

8  No terceiro ano do reinado do rei Belsazar,+ eu, Daniel, tive uma visão, depois daquela que havia tido anteriormente.+  Eu tive a visão e, enquanto observava, eu estava na fortaleza* de Susã,*+ que fica na província* de Elão;+ tive a visão, e estava junto ao curso de água do Ulai.  Quando levantei os olhos, vi um carneiro+ de pé diante do curso de água, e ele tinha dois chifres.+ Os dois chifres eram compridos, porém um era mais comprido do que o outro, e o mais comprido surgiu depois.+  Vi o carneiro dar chifradas para o oeste, para o norte e para o sul, e nenhum animal selvagem conseguia ficar de pé diante dele, e ninguém podia livrar o que estivesse em seu poder.*+ Ele fazia tudo que queria e se engrandecia.  Enquanto eu olhava, apareceu um bode+ que vinha do oeste,* atravessando toda a face da terra sem tocar no chão. E o bode tinha entre os olhos um chifre notável.+  Ele vinha em direção ao carneiro de dois chifres, que eu tinha visto de pé diante do curso de água; estava correndo em direção a ele com toda a sua fúria.  Eu o vi se aproximar do carneiro, e estava cheio de fúria contra ele. Ele atacou o carneiro e quebrou-lhe os dois chifres, e o carneiro não teve forças para resistir a ele. Ele derrubou o carneiro no chão e o pisoteou, e não houve quem o livrasse do seu poder.*  Depois o bode se engrandeceu extraordinariamente, mas, assim que se tornou poderoso, o grande chifre foi quebrado; então quatro chifres notáveis surgiram em seu lugar, em direção aos quatro ventos dos céus.+  De um deles saiu outro chifre, um pequeno, e ele cresceu até ficar muito grande, em direção ao sul, em direção ao leste* e em direção à Terra Gloriosa.*+ 10  Cresceu tanto que alcançou o exército dos céus, e ele fez cair para a terra alguns do exército e algumas das estrelas, e os pisoteou. 11  Ele se engrandeceu até mesmo contra o Príncipe do exército, e o sacrifício constante* foi tirado Dele, e o lugar estabelecido do Seu santuário foi derrubado.+ 12  E um exército foi entregue, junto com o sacrifício constante,* por causa da transgressão; e o chifre continuou a lançar a verdade por terra, e agiu e foi bem-sucedido. 13  E eu ouvi um santo falando, e outro santo perguntou ao que estava falando: “Quanto tempo durará a visão sobre o sacrifício constante* e sobre a transgressão que causa desolação,+ para fazer do lugar santo e do exército coisas a serem pisoteadas?” 14  E ele me disse: “Até terem passado 2.300 noites e manhãs. E o lugar santo certamente será restabelecido na sua condição correta.” 15  Enquanto eu, Daniel, estava tendo a visão e procurando entendê-la, de repente vi na minha frente alguém que parecia um homem. 16  E ouvi a voz de um homem, vinda do meio do Ulai;+ ele gritou: “Gabriel,+ faça com que ele entenda o que viu.”+ 17  Portanto, ele se aproximou de onde eu estava. Mas, quando chegou, fiquei tão apavorado que me prostrei com o rosto por terra. Ele me disse: “Entenda, ó filho do homem, que a visão é para o tempo do fim.”+ 18  No entanto, enquanto ele falava comigo, adormeci profundamente com o rosto no chão. Então ele me tocou e me fez ficar de pé onde eu estava,+ 19  e disse: “Eu lhe mostrarei o que acontecerá na parte final do tempo da fúria,* porque a visão é para o tempo determinado do fim.+ 20  “O carneiro de dois chifres que você viu representa os reis da Média e da Pérsia.+ 21  O bode peludo representa o rei da Grécia,+ e o chifre grande que havia entre os seus olhos representa o primeiro rei.+ 22  Quanto ao chifre que foi quebrado, de modo que quatro se levantaram em seu lugar,+ haverá quatro reinos procedentes da nação dele que se levantarão, mas não com o seu poder. 23  “E na parte final desses reinos, quando os transgressores completarem suas ações,* um rei de aparência feroz, que entende declarações ambíguas,* se levantará. 24  Ele se tornará muito poderoso, mas não pelo seu próprio poder. Causará destruição de modo extraordinário,* e será bem-sucedido e tomará ação.* Ele arruinará poderosos, também o povo composto dos santos.+ 25  E, com sua astúcia, usará de falsidade para ser bem-sucedido; no coração ele se enaltecerá e, durante um período de segurança,* arruinará a muitos. Ele até mesmo se levantará contra o Príncipe dos príncipes, mas será destroçado sem a intervenção de mãos humanas. 26  “O que foi dito na visão a respeito das noites e das manhãs é verdade, mas você deve manter a visão em segredo, porque ela se refere a dias que estão muito à frente.”*+ 27  Eu, Daniel, estava exausto e fiquei doente por alguns dias.+ Depois me levantei e fui cuidar do serviço do rei;+ mas eu estava atordoado por causa da visão, e ninguém podia entendê-la.+

Notas

Ou: “na cidadela; no palácio”.
Ou: “Susa”.
Ou: “no distrito jurisdicional”.
Lit.: “sua mão”.
Ou: “poente”.
Lit.: “da sua mão”.
Ou: “nascente”.
Ou: “à Beleza”.
Ou: “regular”.
Ou: “regular”.
Ou: “regular”.
Ou: “condenação”.
Ou: “chegarem ao seu limite”.
Ou: “que é hábil em intrigas”.
Ou: “Causará devastação terrível”.
Ou: “agirá com eficiência”.
Ou, possivelmente: “e, sem avisar”.
Ou: “se refere ao futuro distante”.