Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Bíblia on-line | TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO DA BÍBLIA SAGRADA (REVISÃO DE 2015)

Segundo João 21:1-25

CONTEÚDO DO LIVRO

  • Jesus aparece aos seus discípulos (1-14)

  • Pedro confirma seu amor por Jesus (15-19)

    • “Alimente as minhas ovelhinhas” (17)

  • Futuro do discípulo que Jesus amava (20-23)

  • Conclusão (24, 25)

21  Depois disso, Jesus apareceu novamente aos discípulos junto ao mar de Tiberíades. Ele apareceu do seguinte modo:  estavam juntos Simão Pedro, Tomé (que era chamado Gêmeo),+ Natanael,+ de Caná da Galileia, os filhos de Zebedeu+ e mais dois dos seus discípulos.  Simão Pedro lhes disse: “Vou pescar.” Eles lhe disseram: “Nós vamos com você.” Assim, foram e entraram no barco, mas durante aquela noite não apanharam nada.+  Ao amanhecer, Jesus estava na praia, mas os discípulos não perceberam que era Jesus.+  Então Jesus lhes perguntou: “Filhos, vocês têm alguma coisa* para comer?” Eles responderam: “Não.”  Ele lhes disse: “Lancem a rede do lado direito do barco e acharão.” Então eles a lançaram, mas não conseguiram recolhê-la, por causa da grande quantidade de peixes.+  Então, o discípulo a quem Jesus amava+ disse a Pedro: “É o Senhor!” Ao ouvir que era o Senhor, Simão Pedro vestiu* sua roupa, pois estava nu,* e se lançou no mar.  Mas os outros discípulos vieram no pequeno barco, arrastando a rede cheia de peixes, pois não estavam longe da terra, a apenas cerca de 90 metros.*  Quando desembarcaram em terra, viram ali um fogo, com peixe sobre as brasas, e pão. 10  Jesus lhes disse: “Tragam alguns dos peixes que vocês acabaram de apanhar.” 11  Então Simão Pedro subiu a bordo e puxou a rede para a terra; ela estava cheia de peixes, 153 peixes grandes. Embora houvesse tantos, a rede não se rompeu. 12  Jesus lhes disse: “Venham comer.” Nenhum dos discípulos tinha coragem de lhe perguntar quem ele era, porque sabiam que era o Senhor. 13  Jesus foi, pegou o pão e deu a eles, e fez o mesmo com o peixe. 14  Essa foi a terceira vez+ que Jesus apareceu aos discípulos depois de ter sido levantado dentre os mortos. 15  Quando terminaram de comer, Jesus perguntou a Simão Pedro: “Simão, filho de João, você me ama mais do que a estes?” Ele lhe respondeu: “Sim, Senhor; o senhor sabe que eu o amo.”* Ele lhe disse: “Alimente os meus cordeiros.”+ 16  Novamente ele lhe perguntou, pela segunda vez: “Simão, filho de João, você me ama?” Ele lhe respondeu: “Sim, Senhor; o senhor sabe que eu o amo.”* Ele lhe disse: “Pastoreie as minhas ovelhinhas.”+ 17  Ele lhe perguntou pela terceira vez: “Simão, filho de João, você me ama?”* Pedro ficou triste por ele lhe perguntar pela terceira vez: “Você me ama?”* Por isso, ele lhe disse: “Senhor, o senhor sabe todas as coisas. O senhor sabe que eu o amo.”* Jesus lhe disse: “Alimente as minhas ovelhinhas.+ 18  Digo-lhe com toda a certeza: Quando você era mais jovem, você se vestia e andava por onde queria. Mas, quando envelhecer, estenderá as mãos, e outro homem o vestirá e o levará para onde você não quer.” 19  Disse isso para indicar com que tipo de morte ele glorificaria a Deus. Depois de dizer isso, disse-lhe: “Continue a me seguir.”+ 20  Pedro se virou e viu que o discípulo que Jesus amava+ os seguia, aquele que na refeição havia se encostado no peito dele e dito: “Senhor, quem é que o trai?” 21  Portanto, quando o viu, Pedro disse a Jesus: “Senhor, e o que acontecerá a este homem?” 22  Jesus lhe disse: “Se eu quiser que ele permaneça até eu vir, o que importa isso a você? Continue você a me seguir.” 23  Assim, espalhou-se entre os irmãos que esse discípulo não ia morrer. No entanto, Jesus não lhe disse que ele não ia morrer, mas disse: “Se eu quiser que ele permaneça até eu vir, o que importa isso a você?” 24  Esse é o discípulo+ que dá testemunho dessas coisas e que escreveu essas coisas, e nós sabemos que o testemunho dele é verdadeiro. 25  De fato, há também muitas outras coisas que Jesus fez. Se fossem escritas em todos os detalhes, suponho que o próprio mundo não poderia conter os rolos escritos.+

Notas

Ou: “algum peixe”.
Ou: “cingiu-se de”.
Ou: “pouco vestido”.
Lit.: “cerca de 200 côvados”. Veja Ap. B14.
Ou: “que eu tenho afeição pelo senhor”.
Ou: “que eu tenho afeição pelo senhor”.
Ou: “você tem afeição por mim”.
Ou: “Você tem afeição por mim?”
Ou: “que eu tenho afeição pelo senhor”.