Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Bíblia on-line | TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO DA BÍBLIA SAGRADA (REVISÃO DE 2015)

4:1-21

CONTEÚDO DO LIVRO

  • Primeiro discurso de Elifaz (1-21)

    • Deprecia a integridade de Jó (7, 8)

    • Fala sobre a mensagem de um espírito (12-17)

    • ‘Deus não confia nos seus servos’ (18)

4  Então Elifaz,+ o temanita, disse em resposta:   “Se alguém tentar lhe falar, você ficará impaciente? Pois quem é que pode ficar calado?   Sim, você corrigia a muitos,E fortalecia as mãos fracas.   Suas palavras levantavam quem tropeçava,E você firmava os joelhos vacilantes.   Mas agora que isso lhe acontece, você se deixa abater;*Isso o afeta, e você fica desanimado.   Seu temor de Deus não lhe dá confiança? Seu caminho de integridade não lhe dá esperança?+   Por acaso você se lembra de algum inocente que tenha perecido? Quando é que os justos foram destruídos?   Tenho visto que os que aram campos de maldade*E os que semeiam desgraça também as colhem.   Morrem pelo sopro de DeusE chegam ao seu fim numa rajada da Sua ira. 10  O leão ruge, e o leão novo rosna,Mas até mesmo os dentes de leões fortes* são quebrados. 11  O leão morre por falta de presa,E os filhotes do leão são espalhados. 12  Ora, uma palavra me foi falada em segredo,E um sussurro chegou ao meu ouvido. 13  Em pensamentos perturbadores durante as visões da noite,Quando um sono profundo cai sobre os homens, 14  Um terrível tremor tomou conta de mim,Enchendo de pavor todos os meus ossos. 15  Um espírito passou pelo meu rosto;Os pelos do meu corpo* ficaram arrepiados. 16  Então ele parou,Mas não reconheci seu aspecto. Havia um vulto diante dos meus olhos;Houve um silêncio, e então ouvi uma voz: 17  ‘Será que o homem mortal pode ser mais justo do que Deus? Será que o homem pode ser mais puro do que Aquele que o fez?’ 18  Ele não confia nos seus servos,E encontra defeito nos seus anjos.* 19  Quanto mais nos que moram em casas de barro,Cujo alicerce está no pó,+Que são esmagados tão facilmente quanto uma traça! 20  São completamente esmagados do dia para a noite.Desaparecem para sempre, e ninguém percebe. 21  Não são como uma tenda cuja corda é arrancada? Eles morrem sem sabedoria.

Notas

Lit.: “você fica esgotado”.
Ou: “tramam a maldade”.
Ou: “leões novos jubados”.
Ou: “da minha carne”.
Ou: “mensageiros”.