Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Bíblia on-line | TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO DA BÍBLIA SAGRADA (REVISÃO DE 2015)

O segundo dos Reis 17:1-41

CONTEÚDO DO LIVRO

  • Oseias, rei de Israel (1-4)

  • Queda de Israel (5, 6)

  • Israel é levado ao exílio por causa de apostasia (7-23)

  • Estrangeiros são trazidos para as cidades samaritanas (24-26)

  • Religião mista dos samaritanos (27-41)

17  No décimo segundo ano de Acaz, rei de Judá, Oseias,+ filho de Elá, tornou-se rei sobre Israel, em Samaria, e reinou por nove anos.  Ele fazia o que era mau aos olhos de Jeová, mas não tanto quanto os reis de Israel que reinaram antes dele.  Salmaneser, rei da Assíria, veio contra ele,+ e Oseias se tornou seu servo e começou a lhe pagar tributo.+  No entanto, o rei da Assíria ficou sabendo que Oseias estava envolvido numa conspiração, porque ele tinha enviado mensageiros a Sô, rei do Egito,+ e não levava mais o tributo ao rei da Assíria, como nos anos anteriores. Por isso, o rei da Assíria o manteve preso e amarrado numa prisão.  O rei da Assíria invadiu o país inteiro; ele chegou a Samaria e a cercou por três anos.  No nono ano de Oseias, o rei da Assíria tomou Samaria.+ Depois ele levou o povo de Israel para o exílio+ na Assíria, e fez que morassem em Hala e em Habor, junto ao rio Gozã,+ e nas cidades dos medos.+  Isso aconteceu porque o povo de Israel tinha pecado contra Jeová, seu Deus, que os havia tirado da terra do Egito, do domínio de Faraó, rei do Egito.+ Eles adoraram* outros deuses,+  seguiram os costumes das nações que Jeová havia expulsado de diante dos israelitas e os costumes que os reis de Israel tinham estabelecido.   Os israelitas buscaram coisas que não eram certas aos olhos de Jeová, seu Deus. Construíram altos sagrados em todas as suas cidades,+ desde a torre de vigia até a cidade fortificada.* 10  Eles ergueram para si colunas sagradas e postes sagrados*+ em toda colina elevada e debaixo de toda árvore frondosa;+ 11  e, em todos os altos sagrados, faziam fumaça sacrificial, assim como fizeram as nações que Jeová tinha expulsado de diante deles.+ Faziam coisas más para ofender a Jeová. 12  Eles continuaram a servir a ídolos repugnantes,*+ sobre os quais Jeová lhes tinha dito: “Não façam isso!”+ 13  Jeová continuou a advertir Israel e Judá por meio de todos os seus profetas e de todos os videntes,+ dizendo: “Recuem dos seus maus caminhos!+ Guardem meus mandamentos e meus decretos, segundo toda a lei que ordenei aos seus antepassados e que lhes transmiti por meio dos meus servos, os profetas.” 14  Mas eles não escutaram, e continuaram tão obstinados quanto os* seus antepassados que não tinham mostrado fé em Jeová, seu Deus.+ 15  Eles continuaram a rejeitar os seus decretos, o pacto+ que ele havia feito com os antepassados deles e as advertências* que lhes tinha dado como aviso,+ e seguiam ídolos inúteis,+ tornando-se eles mesmos inúteis.+ Assim, imitaram as nações ao redor deles, que Jeová lhes tinha proibido imitar.+ 16  Abandonaram todos os mandamentos de Jeová, seu Deus, fizeram duas estátuas de metal* em forma de bezerro+ e um poste sagrado,*+ curvaram-se diante de todo o exército dos céus+ e serviram a Baal.+ 17  Eles também queimaram seus filhos e suas filhas no fogo,*+ praticaram adivinhação,+ procuraram presságios* e se entregaram* a fazer o que era mau aos olhos de Jeová, ofendendo-o. 18  Por isso, Jeová ficou muito irado com Israel e os removeu da sua vista.+ Não deixou restar ninguém, somente a tribo de Judá. 19  Nem mesmo Judá guardou os mandamentos de Jeová, seu Deus;+ eles também seguiram os costumes que Israel seguiu.+ 20  Jeová rejeitou todos os descendentes de Israel, os humilhou e os entregou nas mãos de saqueadores, até tê-los expulsado de diante de si. 21  Ele arrancou Israel da casa de Davi, e eles fizeram rei a Jeroboão, filho de Nebate.+ Mas Jeroboão levou Israel a se desviar de seguir a Jeová e a cometer um grande pecado. 22  E o povo de Israel cometeu os mesmos pecados que Jeroboão tinha cometido.+ Não se desviaram deles, 23  até que Jeová removeu Israel da sua vista, assim como tinha falado por meio de todos os seus servos, os profetas.+ Portanto, Israel foi levado da sua terra para o exílio na Assíria,+ onde continuam até hoje. 24  Depois, o rei da Assíria trouxe gente de Babilônia, Cuta, Ava, Hamate e Sefarvaim,+ e os estabeleceu nas cidades de Samaria, no lugar dos israelitas; eles tomaram posse de Samaria e moraram nas suas cidades. 25  Quando começaram a morar ali, não temiam* a Jeová. Por isso, Jeová enviou contra eles leões,+ que mataram alguns deles. 26  O rei da Assíria foi informado: “As nações que o senhor levou para o exílio e estabeleceu nas cidades de Samaria não sabem como adorar o Deus do país. Por isso, ele está enviando contra eles leões, que os estão matando, visto que ninguém sabe como adorar o Deus do país.” 27  Em vista disso, o rei da Assíria ordenou: “Façam com que um dos sacerdotes que vocês levaram de lá para o exílio volte a fim de morar lá e lhes ensinar como adorar o Deus do país.” 28  Assim, um dos sacerdotes que eles tinham levado de Samaria para o exílio voltou a morar em Betel,+ e ele começou a lhes ensinar como deviam temer* a Jeová.+ 29  No entanto, cada nação fez o seu próprio deus,* e elas os colocaram nos santuários dos altos sagrados que os samaritanos tinham feito; cada nação fez isso nas cidades em que morava. 30  Assim, os homens de Babilônia fizeram Sucote-Benote, os homens de Cute fizeram Nergal, os homens de Hamate+ fizeram Asima 31  e os avitas fizeram Nibaz e Tartaque. Os sefarvitas queimavam seus filhos no fogo para Adrameleque e para Anameleque, deuses de Sefarvaim.+ 32  Embora eles temessem a Jeová, designaram homens do povo em geral para ser sacerdotes de altos sagrados, e esses oficiavam para eles nos santuários dos altos sagrados.+ 33  Assim, eles temiam a Jeová, mas adoravam os seus próprios deuses, de acordo com a religião* das nações de onde tinham sido trazidos.+ 34  Até hoje eles seguem suas religiões* anteriores. Nenhum deles adora* a Jeová e ninguém cumpre seus decretos, suas decisões judiciais, nem a Lei e o mandamento que Jeová deu aos filhos de Jacó, cujo nome ele mudou para Israel.+ 35  Quando Jeová fez com eles um pacto,+ ele lhes ordenou: “Não temam a outros deuses, e não se curvem diante deles, nem os sirvam, nem ofereçam sacrifícios a eles.+ 36  Mas é a Jeová que vocês devem temer,+ aquele que os tirou da terra do Egito com grande poder e com braço estendido;+ é diante dele que devem se curvar e é a ele que devem oferecer sacrifícios. 37  E vocês sempre devem cumprir cuidadosamente os decretos, as decisões judiciais, a Lei e o mandamento que ele escreveu para vocês.+ Não temam a outros deuses. 38  Não esqueçam o pacto que fiz com vocês+ e não temam a outros deuses. 39  Mas é a Jeová, seu Deus, que vocês devem temer, pois é ele quem os livrará das mãos de todos os seus inimigos.” 40  Mas eles não obedeceram e seguiram sua religião anterior.*+ 41  Assim, essas nações passaram a temer a Jeová,+ mas também serviam às suas próprias imagens esculpidas. E até hoje tanto os seus filhos como os seus netos estão fazendo assim como os seus antepassados fizeram.

Notas

Lit.: “temeram”.
Isto é, em todos os lugares, tanto nos pouco habitados como nos populosos.
O termo hebraico talvez esteja relacionado a uma palavra para “esterco” e é usado como expressão de desprezo.
Lit.: “endureceram sua cerviz como a cerviz dos”.
Ou: “os lembretes”.
Ou: “estátuas fundidas”.
Lit.: “fizeram seus filhos e suas filhas passar pelo fogo”.
Ou: “sinais”.
Lit.: “venderam”.
Ou: “não adoravam”.
Ou: “adorar”.
Ou: “os seus próprios deuses”.
Ou: “os costumes religiosos”.
Ou: “seus costumes religiosos”.
Lit.: “teme”.
Ou: “seus costumes religiosos anteriores”.