Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Português

Bíblia on-line | TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO DA BÍBLIA SAGRADA (REVISÃO DE 2015)

O segundo dos Reis 10:1-36

CONTEÚDO DO LIVRO

  • Jeú mata a casa de Acabe (1-17)

    • Jonadabe se junta a Jeú (15-17)

  • Jeú mata os adoradores de Baal (18-27)

  • Resumo do reinado de Jeú (28-36)

10  Acabe+ tinha 70 filhos em Samaria. Portanto, Jeú escreveu cartas e as enviou a Samaria — aos príncipes de Jezreel, aos anciãos+ e aos que cuidavam dos filhos de Acabe.* A carta dizia:  “Quando receberem esta carta, vocês estarão com os filhos do seu senhor. Vocês têm carros de guerra, cavalos, uma cidade fortificada e armas.  Portanto, escolham o melhor e o mais qualificado* dos filhos do seu senhor e ponham-no no trono do seu pai. Então lutem pela casa do seu senhor.”  Mas eles ficaram com muito medo e disseram: “Vejam! Se nem mesmo dois reis conseguiram se manter de pé diante dele,+ como nós nos manteremos de pé?”  Assim, o encarregado do palácio,* o governador da cidade, os anciãos e os que cuidavam dos filhos de Acabe mandaram dizer a Jeú: “Somos os seus servos e faremos tudo o que disser. Não faremos rei a ninguém. Faça o que for bom aos seus olhos.”  Então Jeú lhes escreveu uma segunda carta, que dizia: “Se vocês estão do meu lado e querem me obedecer, venham a mim amanhã, nesta hora, em Jezreel, trazendo as cabeças dos filhos do seu senhor.” Os 70 filhos do rei estavam com os homens de destaque da cidade que os criavam.  Assim que receberam a carta, eles pegaram todos os 70 filhos do rei,+ mataram-nos, puseram as cabeças deles em cestos e as enviaram a ele, em Jezreel.  O mensageiro veio e lhe disse: “Trouxeram as cabeças dos filhos do rei.” Então ele disse: “Façam com elas dois montes à entrada do portão da cidade, e deixem-nas ali até de manhã.”  Quando ele saiu de manhã, ficou de pé diante de todo o povo e disse: “Vocês são inocentes.* Fui eu que conspirei contra o meu senhor e o matei,+ mas quem matou a todos estes? 10  Portanto, saibam que nem uma única palavra de Jeová, que Jeová falou contra a casa de Acabe, ficará sem cumprimento;*+ e Jeová tem feito o que falou por meio do seu servo Elias.”+ 11  Jeú matou também todos os que restavam da casa de Acabe em Jezreel, bem como todos os seus homens de destaque, seus amigos e seus sacerdotes,+ não lhe deixou nenhum sobrevivente.+ 12  Então ele partiu em direção a Samaria. A casa onde os pastores amarravam as ovelhas* ficava no caminho. 13  Jeú encontrou ali os irmãos de Acazias,+ rei de Judá, e lhes perguntou: “Quem são vocês?” Eles responderam: “Somos os irmãos de Acazias, e estamos indo perguntar se está tudo bem com os filhos do rei e com os filhos da rainha-mãe.”* 14  Ele disse imediatamente: “Peguem-nos vivos!” Portanto, pegaram-nos vivos e os mataram junto à cisterna da casa onde as ovelhas eram amarradas. Eram 42 homens, e ele não deixou nenhum deles sobreviver.+ 15  Seguindo adiante, Jeú encontrou Jonadabe,+ filho de Recabe,+ que vinha ao seu encontro. Jeú o cumprimentou* e disse: “O seu coração está plenamente de acordo* comigo, assim como o meu coração está com o seu?” Jonadabe respondeu: “Está!” “Então, dê-me a mão.” Assim, ele lhe deu a mão e Jeú o puxou para dentro do seu carro de guerra. 16  Depois disse: “Venha comigo e veja como não tolero infidelidade* para com* Jeová.”+ Assim, Jeú o levou no seu carro de guerra. 17  Então Jeú chegou a Samaria e matou todos os que restavam da casa de Acabe em Samaria; eliminou todos,+ segundo a palavra que Jeová tinha falado a Elias.+ 18  Além disso, Jeú reuniu todo o povo e lhes disse: “Acabe adorou pouco a Baal,+ mas Jeú o adorará muito mais. 19  Portanto, convoquem todos os profetas de Baal,+ todos os seus adoradores e todos os seus sacerdotes.+ Não deixem nenhum deles faltar, porque vou oferecer um grande sacrifício a Baal. Quem faltar não ficará vivo.” Mas Jeú estava agindo com astúcia, para destruir os adoradores de Baal. 20  Jeú disse também: “Proclamem* uma assembleia solene para Baal.” Então a proclamaram. 21  Depois Jeú enviou uma mensagem a todo o Israel, e todos os adoradores de Baal vieram. Nenhum deles faltou. Eles entraram na casa* de Baal,+ e a casa de Baal ficou completamente cheia. 22  Ele disse ao encarregado do vestiário: “Traga vestes para todos os adoradores de Baal.” De modo que trouxe as vestes para eles. 23  Então Jeú e Jonadabe,+ filho de Recabe, entraram na casa de Baal. Jeú disse aos adoradores de Baal: “Façam uma busca cuidadosa e certifiquem-se de que não haja aqui adoradores de Jeová, apenas adoradores de Baal.” 24  Por fim, entraram para oferecer sacrifícios e ofertas queimadas. Jeú tinha colocado do lado de fora 80 dos seus homens e tinha dito: “Quem deixar escapar um dos homens que entrego às suas mãos, morrerá no lugar dele.”* 25  Assim que ele acabou de fazer a oferta queimada, Jeú disse aos guardas* e aos oficiais: “Entrem e matem-nos! Não deixem nenhum deles escapar!”+ Os guardas e os oficiais os mataram à espada e jogaram os corpos para fora, e foram avançando até o santuário interno* da casa de Baal. 26  Então levaram para fora as colunas sagradas+ da casa de Baal e as queimaram.+ 27  Eles demoliram a coluna sagrada+ de Baal; demoliram também a casa de Baal+ e a transformaram em latrinas, que existem até hoje. 28  Assim, Jeú eliminou Baal de Israel. 29  Mas Jeú não se desviou dos pecados que Jeroboão, filho de Nebate, tinha levado Israel a cometer, no que se refere à adoração dos bezerros de ouro que ficavam em Betel e em Dã.+ 30  Jeová disse a Jeú: “Visto que você agiu bem e fez o que é certo aos meus olhos, fazendo à casa de Acabe+ segundo tudo o que estava no meu coração, quatro gerações dos seus filhos se sentarão no trono de Israel.”+ 31  Mas Jeú não teve o cuidado de andar na Lei de Jeová, o Deus de Israel, de todo o coração.+ Ele não se desviou dos pecados que Jeroboão tinha levado Israel a cometer.+ 32  Naqueles dias Jeová começou a tirar o território de Israel,* pedaço por pedaço. Hazael continuou a atacá-los em todo o território de Israel,+ 33  do Jordão para o leste, toda a terra de Gileade — o território dos gaditas, dos rubenitas e dos manassitas+ —, que vai desde Aroer, que fica junto ao vale do Arnom,* até Gileade e Basã.+ 34  Quanto aos outros acontecimentos da história de Jeú, tudo o que ele fez e todos os seus atos poderosos, não estão escritos no livro da história da época dos reis de Israel? 35  Então Jeú descansou com os seus antepassados, e o enterraram em Samaria; e Jeoacaz,+ seu filho, tornou-se rei no seu lugar. 36  O tempo* que Jeú reinou sobre Israel, em Samaria, foi 28 anos.

Notas

Lit.: “aos guardiões de Acabe”.
Ou: “reto”.
Lit.: “aquele que estava sobre a casa”.
Ou: “justos”.
Lit.: “cairá por terra”.
Aparentemente um lugar onde as ovelhas eram amarradas para ser tosquiadas.
Ou: “da senhora”.
Ou: “abençoou”.
Ou: “é reto”.
Ou: “rivalidade”.
Ou: “veja meu zelo por”.
Lit.: “Santifiquem”.
Ou: “no templo”.
Ou: “dará a sua alma pela alma dele”.
Lit.: “corredores”.
Lit.: “a cidade”, talvez uma estrutura semelhante a uma fortaleza.
Ou: “a reduzir Israel”.
Ou: “uádi Arnom”.
Lit.: “Os dias”.