Salmos 132:1-18

Cântico das Subidas. 132  Ó Jeová, lembra-te de DaviE de todo o seu sofrimento,+   De como ele jurou a JeováE fez um voto ao Poderoso de Jacó:+   “Não entrarei na minha tenda, na minha casa.+ Não me deitarei no meu leito, na minha cama;   Não deixarei que os meus olhos durmamNem que as minhas pálpebras descansem,   Até que eu encontre um lugar para Jeová,Uma morada excelente* para o Poderoso de Jacó.”+   Ouvimos falar dela* em Efrata;+Nós a encontramos na região da floresta.*+   Entremos na morada* dele;+Curvemo-nos diante do apoio para os seus pés.+   Levanta-te, ó Jeová, e vem para o teu lugar de descanso,+Tu e a Arca do teu poder.+   Que os teus sacerdotes se vistam de justiça,E os teus leais gritem de alegria. 10  Por causa de Davi, teu servo,Não rejeites o* teu ungido.+ 11  Jeová jurou a Davi;Ele certamente não voltará atrás na sua palavra: “Porei no seu tronoUm dos seus descendentes.*+ 12  Se os seus filhos guardarem o meu pactoE acatarem os preceitos* que lhes ensino,+Os filhos deles tambémSentarão no seu trono para sempre.”+ 13  Pois Jeová escolheu Sião;+Ele a desejou como sua morada,+ e disse: 14  “Este é o meu lugar de descanso para sempre;Aqui habitarei,+ pois esse é o meu desejo. 15  Eu a abençoarei grandemente com provisões;Fartarei de pão os seus pobres.+ 16  Seus sacerdotes, vestirei de salvação;+E os seus leais gritarão de alegria.+ 17  Ali farei crescer o poder* de Davi. Preparei uma lâmpada para o meu ungido.+ 18  Vestirei de vergonha os inimigos dele;Mas, em sua cabeça, a coroa* florescerá.”+

Notas de rodapé

Ou: “Um grandioso tabernáculo”.
Pelo visto se refere à Arca.
Ou: “nos campos da floresta”.
Ou: “no grandioso tabernáculo”.
Lit.: “Não voltes para trás a face do”.
Lit.: “do fruto do seu ventre”.
Ou: “as advertências”.
Lit.: “chifre”.
Ou: “o diadema”.

Notas de estudo

Mídia