Josué 20:1-9

20  Jeová disse então a Josué:  “Diga aos israelitas: ‘Escolham para vocês cidades de refúgio,+ a respeito das quais lhes falei por meio de Moisés,  a fim de que o homicida que matar alguém,* sem querer ou acidentalmente,* fuja para lá. E elas servirão de refúgio para vocês contra o vingador do sangue.+  Ele deve fugir para uma dessas cidades,+ ficar de pé à entrada do portão da cidade+ e expor o seu caso diante dos anciãos daquela cidade. Então eles devem acolhê-lo na cidade e lhe dar um local para morar entre eles.  Caso o vingador do sangue o persiga, não devem entregar o homicida nas suas mãos, pois ele matou o seu próximo acidentalmente,* sem que o tenha odiado antes.+  Ele deve morar naquela cidade até comparecer perante a assembleia para julgamento,+ e deve permanecer nela até a morte do sumo sacerdote+ em exercício naqueles dias. Então o homicida poderá voltar para a cidade de onde fugiu; ele poderá entrar na sua cidade e na sua casa.’”+  Por isso, eles consagraram* Quedes,+ na Galileia, na região montanhosa de Naftali; Siquém,+ na região montanhosa de Efraim; e Quiriate-Arba,+ isto é, Hebrom, na região montanhosa de Judá.  Na região do Jordão, ao leste de Jericó, eles selecionaram no deserto, no planalto,* Bezer,+ da tribo de Rubem; Ramote,+ em Gileade, da tribo de Gade; e Golã,+ em Basã, da tribo de Manassés.+  Essas se tornaram as cidades designadas para todos os israelitas e para os residentes estrangeiros que moravam entre eles, a fim de que qualquer um que sem querer matasse alguém* pudesse fugir para lá+ e não ser morto pelo vingador do sangue antes de comparecer perante a assembleia para julgamento.+

Notas de rodapé

Ou: “golpear uma alma”.
Ou: “sem saber”.
Ou: “sem saber”.
Ou: “separaram”.
Ou: “platô”.
Ou: “uma alma”.

Notas de estudo

Mídia