26:1-14

26  Jó disse em resposta:   “Como você ajudou aquele que não tem poder! Como você salvou o braço que não tem força!+   Que excelente conselho você deu àquele que não tem sabedoria!+ Quão plenamente* você revelou sua sabedoria prática!*   A quem você está tentando falar?Quem o inspirou a dizer essas coisas?*   Os que estão impotentes na morte estremecem;Estão abaixo do mar e de tudo que o habita.   A Sepultura* está nua perante Deus,*+E o lugar de destruição* está descoberto.   Ele estende os céus do norte* sobre o vazio,*+Suspende a terra sobre o nada;   Embrulha as águas nas nuvens,+De modo que as nuvens não se rompem com o peso delas;   Encobre a visão do seu trono,Estendendo sua nuvem sobre ele.+ 10  Ele demarca o horizonte* sobre a superfície das águas,+Estabelece um limite entre a luz e a escuridão. 11  As colunas do céu estremecem,Ficam espantadas com a sua censura. 12  Ele agita o mar com o seu poder,+E despedaça o monstro marinho* com o seu entendimento.+ 13  Com o seu sopro* ele limpa o céu;Sua mão traspassa a serpente arisca.* 14  E essas são apenas as beiradas dos seus caminhos;+O que ouvimos sobre ele é somente um leve sussurro! Então quem pode entender seu poderoso trovão?”+

Notas de rodapé

Ou: “abundantemente”.
Ou: “seu bom senso”.
Lit.: “E o fôlego (espírito) de quem saiu de você?”
Ou: “O Seol”, isto é, a sepultura comum da humanidade. Veja o Glossário.
Lit.: “ele”.
Ou: “E o Abadon”.
Lit.: “o norte”.
Lit.: “vácuo”.
Lit.: “um círculo”.
Lit.: “Raabe”.
Ou: “vento”.
Ou: “que desliza”.

Notas de estudo

Mídia