Salmo 46:1-11

Ao regente. Dos filhos de Corá,+ em As Donzelas.* Um cântico. 46  Deus* é para nós refúgio e força,+Uma ajuda encontrada prontamente durante aflições.+   Por isso é que não temeremos, ainda que a terra passe por uma mudança+E ainda que os montes cambaleiem para dentro do coração do vasto mar;+   Ainda que as suas águas sejam turbulentas [e] espumem,+Ainda que os montes tremam diante do seu alvoroço.+ Selá.   Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus,+O santíssimo grandioso tabernáculo* do Altíssimo.+   Deus está no meio [da cidade];*+ ela não será abalada.+Deus a ajudará ao surgir a manhã.+   As nações ficaram turbulentas,+ os reinos foram abalados;Ele fez soar* a sua voz, a terra passou a dissolver-se.+   Jeová* dos exércitos está conosco;+O Deus* de Jacó é para nós uma altura protetora.+ Selá.   Vinde, observai as atividades de Jeová,*+Como ele tem posto eventos assombrosos na terra.+   Ele faz cessar as guerras até a extremidade* da terra.+Destroça o arco e retalha a lança;+As carroças* ele queima no fogo.+ 10  “Cedei, e sabei que eu sou Deus.+Vou ser exaltado entre as nações,+Vou ser exaltado na terra.”+ 11  Jeová* dos exércitos está conosco;+O Deus de Jacó é para nós uma altura protetora.+ Selá.

Notas de rodapé

“As Donzelas.” Hebr.: ‛Ala·móhth. Veja 1Cr 15:20 n.
“Deus.” Hebr.: ’Elo·hím.
“Grandioso tabernáculo.” Lit.: “tabernáculos”, pl., para denotar grandiosidade. Veja 42:5 n.: “salvação”.
Lit.: “dela”, referindo-se à cidade.
Lit.: “deu”.
Veja Ap. 1C sec. 10.
“O Deus de.” Hebr.: ’Elo·héh.
Veja Ap. 1C sec. 10.
Veja Je 25:31, 33 n.
“Carroças”, MSy; LXXVg: “escudos grandes”.
Veja Ap. 1C sec. 10.