Levítico 19:1-37

19  E Jeová falou mais a Moisés, dizendo:  “Fala à assembléia inteira dos filhos de Israel, e tens de dizer-lhes: ‘Deveis mostrar-vos santos,+ porque eu, Jeová, vosso Deus, sou santo.+  “‘Cada um de vós deve temer sua mãe e seu pai,*+ e deveis guardar os meus sábados.+ Eu sou Jeová, vosso Deus.  Não vos vireis para deuses que nada valem*+ e não deveis fazer para vós deuses fundidos.+ Eu sou Jeová, vosso Deus.  “‘Ora, caso ofereçais a Jeová um sacrifício de participação em comum,+ deveis sacrificá-lo para ganhar aprovação para vós.+  Deve ser comido no dia de vosso sacrifício e logo no dia seguinte, mas o que sobrar até o terceiro dia deve ser queimado em fogo.+  Porém, se é que for comido no terceiro dia, é uma coisa imunda.+ Não será aceito com aprovação.+  E quem* o comer, responderá pelo seu erro,+ porque profanou uma coisa sagrada de Jeová; e essa alma tem de ser decepada do seu povo.  “‘E quando ceifardes a colheita da vossa terra, não deves ceifar completamente o canto do teu campo e não deves apanhar a respiga da tua colheita.+ 10  Tampouco deves rebuscar as sobras+ do teu vinhedo e não deves apanhar as uvas espalhadas do teu vinhedo. Deves deixá-los para o atribulado e para o residente forasteiro.+ Eu sou Jeová, vosso Deus. 11  “‘Não deveis furtar+ e não deveis enganar,+ e não deveis tratar com falsidade, qualquer um ao seu colega.+ 12  E não deveis jurar mentira em meu nome,+ de modo a profanares o nome de teu Deus. Eu sou Jeová. 13  Não deves defraudar o teu próximo+ e não deves roubar.+ A remuneração dum trabalhador contratado não deve ficar contigo a noite toda até à manhã.+ 14  “‘Não deves invocar o mal sobre um surdo e não deves pôr obstáculo diante dum cego;+ e tens de ter temor de teu Deus.+ Eu sou Jeová. 15  “‘Não deveis fazer injustiça no julgamento. Não deves tratar com parcialidade ao de condição humilde+ e não deves dar preferência à pessoa do grande.+ Com justiça deves julgar o teu colega. 16  “‘Não deves estar andando entre o teu povo com o objetivo de caluniar.+ Não te deves pôr de pé contra o sangue do teu próximo.+ Eu sou Jeová. 17  “‘Não deves odiar teu irmão no teu coração.+ Decerto deves repreender o teu colega,+ para que não leves o pecado junto com ele. 18  “‘Não deves tomar vingança+ nem ter ressentimento contra os filhos do teu povo;+ e tens de amar o teu próximo como a ti mesmo.+ Eu sou Jeová. 19  “‘Deveis guardar os meus estatutos: Não deves cruzar dois tipos dos teus animais domésticos. Não deves semear teu campo com dois tipos de sementes+ e não te deves vestir de uma roupa de dois tipos de fios mesclados.+ 20  “‘Ora, caso um homem se deite com uma mulher e tenha uma emissão de sêmen, sendo ela serva designada a outro homem e ela não tenha sido de algum modo remida, nem se lhe tenha dado a liberdade, deve haver* punição.* Não devem* ser mortos, porque ela não fora posta em liberdade. 21  E ele tem de trazer a Jeová a sua oferta pela culpa, à entrada da tenda de reunião, um carneiro de oferta pela culpa.+ 22  E o sacerdote tem de fazer expiação por ele perante Jeová com o carneiro da oferta pela culpa, pelo pecado que cometeu; e o pecado que cometeu tem de ser-lhe perdoado.+ 23  “‘E quando entrardes no país e tiverdes de plantar qualquer árvore para alimento, então tereis de considerar seu fruto impuro, como seu “prepúcio”. Por três anos continuará para vós incircunciso. Não deve ser comido. 24  Mas no quarto ano, todo o seu fruto+ se tornará algo santo de exultação festiva para Jeová.+ 25  E no quinto ano podeis comer do seu fruto, a fim de acrescentardes para vós os seus produtos.+ Eu sou Jeová, vosso Deus. 26  “‘Não deveis comer coisa alguma com sangue.+ “‘Não deveis procurar presságios+ e não deveis praticar a magia.+ 27  “‘Não deveis cortar curtas as vossas madeixas laterais* ao redor, e não deves destruir a extremidade de tua barba.+ 28  “‘E não vos deveis fazer cortes na carne em prol duma alma* falecida+ e não deveis fazer tatuagem em vós. Eu sou Jeová. 29  “‘Não profanes a tua filha por fazer dela uma prostituta,+ para que o país não cometa prostituição, nem o país deveras se encha de moral desenfreada.+ 30  “‘Deveis guardar os meus sábados+ e deveis ter espanto reverente do meu santuário.+ Eu sou Jeová. 31  “‘Não vos vireis para médiuns espíritas*+ e não consulteis prognosticadores profissionais de eventos,+ de modo a vos tornardes impuros por eles. Eu sou Jeová, vosso Deus. 32  “‘Deves levantar-te diante do cabelo grisalho+ e tens de mostrar consideração para com a pessoa dum homem idoso,+ e tens de ter temor de teu Deus.+ Eu sou Jeová. 33  “‘E caso um residente forasteiro resida contigo no vosso país, não deveis maltratá-lo.+ 34  O residente forasteiro que reside convosco deve tornar-se para vós como o vosso natural; e tens de amá-lo como a ti mesmo,+ pois vos tornastes residentes forasteiros na terra do Egito.+ Eu sou Jeová, vosso Deus. 35  “‘Não deveis cometer injustiça no julgamento,+ na medida, no peso+ ou na medida de líquidos. 36  Deveis mostrar ter balanças exatas,+ pesos* exatos, um efa exato e um him exato. Sou Jeová, vosso Deus, que vos fiz sair da terra do Egito. 37  De modo que tendes de guardar todos os meus estatutos e todas as minhas decisões judiciais, e tendes de cumpri-los.+ Eu sou Jeová.’”

Notas de rodapé

Segundo MVg; LXXSyVgc: “seu pai e sua mãe”.
“Para ídolos”, LXXVg.
“Quem”, SamLXXSy; M: “aqueles que”.
Sam acrescenta: “para ele”.
Ou “uma investigação”.
“Devem”, MLXX; Sam: “deve”.
Lit.: “o canto (a extremidade) da vossa cabeça”.
Lit.: em prol duma alma”, isto é, duma alma falecida. Hebr.: la·né·fesh; gr.: psy·kheí. Veja 21:11 n.; Núm 6:6 n.
“Médiuns espíritas.” Agentes usados como instrumentos dum demônio de adivinhação. LXX: “ventríloquos”; lat.: má·gos, “astrólogos”. Veja At 16:16.
Lit.: “pedras”.