Pular para conteúdo

O que a Bíblia diz sobre as origens do Halloween?

A resposta da Bíblia

A Bíblia não faz nenhuma menção ao Halloween, ou Dia das Bruxas. Mas as antigas origens e os atuais costumes dessa celebração provam que ela se baseia em crenças falsas sobre os mortos e os espíritos do mal, ou demônios. — Veja “História e costumes do Halloween”.

A Bíblia alerta: “Não haja em seu meio alguém que . . . consulte espíritos ou . . . que invoque os mortos.” (Deuteronômio 18:10-12, Bíblia Pastoral) Embora alguns encarem o Halloween como diversão inofensiva, a Bíblia mostra que suas práticas não são. Em 1 Coríntios 10:20, 21, a Bíblia diz: “Não quero que vocês tomem parte nas coisas dos demônios. Vocês não podem beber do cálice do Senhor e também do cálice dos demônios.” — Bíblia na Linguagem de Hoje.

História e costumes do Halloween

  1. Samhain: De acordo com a Enciclopédia Barsa, “o Halloween tem origem nas festas pagãs de Samhain, celebradas pelos celtas durante a Idade Média, na Bretanha e na Irlanda . . . Durante os festejos, imensas fogueiras eram acesas no alto das colinas para afugentar os maus espíritos e acreditava-se que as almas dos mortos visitassem suas casas nesse dia.” No entanto, a Bíblia ensina claramente que os mortos “não estão cônscios de absolutamente nada”. (Eclesiastes 9:5) Assim, eles não podem entrar em contato com os vivos.

  2. Usar fantasias e ir de casa em casa pedindo doces: De acordo com o livro Halloween—An American Holiday, An American History (Halloween: um Feriado Americano, uma História Americana), alguns celtas se vestiam de fantasmas para que os espíritos os confundissem com um deles e não os incomodassem. Outros ofereciam doces aos espíritos a fim de apaziguá-los. Na Europa medieval, os clérigos católicos adotaram costumes pagãos locais e incentivavam os fiéis a ir de casa em casa vestindo fantasias e pedindo pequenos presentes em troca de uma oração pelos mortos. Por outro lado, a Bíblia não permite misturar práticas da religião falsa com a adoração de Deus. — 2 Coríntios 6:17.

  3. Fantasmas, vampiros, lobisomens, bruxas e zumbis: Já por muito tempo, essas criaturas têm sido relacionadas ao mundo espiritual maligno. A Bíblia é clara ao dizer que devemos nos opor aos espíritos maus, não festejar com eles. — Efésios 6:12.

  4. Abóboras decoradas: Na Bretanha medieval, “pessoas iam de porta em porta pedindo comida em troca de uma oração pelos mortos” e carregavam “velas dentro de nabos esculpidos, que simbolizavam uma alma presa no purgatório”. (Halloween—From Pagan Ritual to Party Night [Halloween: Ritual Pagão Transformado em Noite de Festa]) Outros dizem que essas velas eram usadas para afastar espíritos maus. Durante o século 19, na América do Norte, os nabos foram substituídos por abóboras, que eram mais fáceis de encontrar, bem como de esvaziar e esculpir. As crenças por trás desse costume — a imortalidade da alma, o purgatório e as orações pelos mortos — não se baseiam na Bíblia. — Ezequiel 18:4.