Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Testemunhas de Jeová

Português

OS JOVENS PERGUNTAM

Por que rejeitar a pornografia?

 Será que você consegue?

Se você gosta de navegar na internet, prepare-se: mais cedo ou mais tarde você irá se deparar com algum tipo de pornografia. Hayley, de 17 anos, diz: “Você nem precisa mais procurar por ela. É ela que procura por você.”

A pornografia pode ser tentadora até para aqueles que estão resolvidos a passar longe dela. “Eu tinha prometido para mim mesmo que nunca baixaria a guarda. Mas eu baixei”, admite Greg, de 18 anos. “É um erro pensar que isso nunca vai acontecer com você.”

O acesso à pornografia hoje é muito mais fácil do que antes. E com o sexting os jovens conseguem até mesmo fabricar e distribuir sua própria pornografia.

Conclusão: Você tem que encarar um desafio muito maior do que aquele que seus pais ou avós enfrentaram quando tinham a sua idade. A pergunta é: será que você consegue rejeitar a pornografia? — Salmo 97:10.

A resposta é sim — mas só se você escolher rejeitá-la. Em primeiro lugar, você precisa estar convencido de que a pornografia é má. Vamos ver agora alguns mitos e fatos sobre ela.

 Mitos e fatos

Mito: A pornografia não vai me prejudicar.

Fato: A pornografia faz com sua mente o que o cigarro faz com seus pulmões. Ela polui você. Ela rebaixa o que Deus criou para ser um laço eterno e poderoso entre duas pessoas. (Gênesis 2:24) Com o tempo, ela pode fazer você ficar indiferente quanto ao que é certo e ao que é errado. Por exemplo, de acordo com alguns especialistas, homens que veem regularmente pornografia têm mais chances de achar que atos de violência contra mulheres são normais.

A Bíblia fala de pessoas que ‘ficam além de todo senso moral’. (Efésios 4:19) A consciência dessas pessoas fica tão insensível que elas já nem sentem mais remorso de fazer coisas ruins.

Mito: A pornografia pode ensinar sobre sexo.

Fato: O que a pornografia ensina é a ganância. Ela reduz as pessoas a meros objetos que só existem para satisfazer os prazeres egoístas dos outros. Não é de surpreender que um estudo tenha concluído que pessoas com o hábito de ver pornografia têm mais dificuldade de conseguir satisfação sexual no casamento.

A Bíblia diz que os cristãos devem eliminar toda “fornicação [ou “imoralidade sexual”], impureza, apetite sexual, desejo nocivo e cobiça” — que são justamente as coisas que a pornografia promove. — Colossenses 3:5.

Mito: Quem rejeita pornografia tem uma visão antiquada sobre sexo.

Fato: Quem rejeita a pornografia tem um ponto de vista elevado sobre sexo. Entende que o sexo é um presente dado por Deus para fortalecer os laços entre um homem e uma mulher casados e comprometidos um com o outro. Aqueles que encaram o sexo dessa maneira têm mais chance de conseguir satisfação sexual no casamento.

A Bíblia é direta quando fala de sexo. Por exemplo, ela diz aos maridos: “Alegra-te com a esposa da tua mocidade”, e continua: “Que te extasies constantemente com o seu amor.” — Provérbios 5:18, 19.

 Como rejeitar a pornografia

Mas e se você sentir que a vontade de ver pornografia é grande demais para resistir? A tabela “Como rejeitar a pornografia” pode ajudá-lo.

Tenha certeza de que você pode sim rejeitar a tentação de ver pornografia. E você pode aprender também a parar de ver pornografia, se já tiver começado. Vale muito a pena se esforçar em fazer isso!

Veja o caso de Calvin, que admitiu ter começado a ver pornografia quando tinha uns 13 anos. Ele conta: “Eu sabia que era errado, mas eu simplesmente não conseguia resistir à tentação de ver. E depois que eu via ficava me sentindo péssimo. Até que um dia o meu pai descobriu — e, para falar a verdade, me senti até aliviado, porque eu podia receber a ajuda que eu precisava.”

Calvin aprendeu a rejeitar a pornografia. Ele diz: “Ter me envolvido com a pornografia foi um enorme erro. E até hoje eu pago por ele, porque as imagens ainda ficam passando na minha cabeça. Às vezes, eu ainda sinto aquela vontade de ver coisas que não devo. Mas então penso em como o meu futuro pode ser feliz, limpo e incrível se eu fizer as coisas do modo de Jeová.”