Pular para conteúdo

OS JOVENS PERGUNTAM

Por que não ser o que a mídia quer? — Parte 1: Para elas

O que a mídia apresenta?

 Veja estas palavras e responda às perguntas que aparecem depois.

Coluna 1

Coluna 2

Imatura

Responsável

Rebelde

Obediente

Imoral

Decente

Superficial

Inteligente

Fofoqueira

Discreta

Falsa

Honesta

  1. Quais dessas palavras retratam melhor as adolescentes que você vê nos filmes, na TV ou nas revistas?

  2. Quais dessas palavras você gostaria que as pessoas usassem para descrever você?

É bem provável que você tenha respondido à primeira pergunta com palavras que estão na coluna 1 e à segunda pergunta com palavras da coluna 2. Então, isso é um sinal de que você quer ser melhor do que a típica adolescente que a mídia apresenta — e você não é a única. Veja por quê.

“As adolescentes que os filmes mostram são rebeldes e mal-educadas. Dá a impressão de que todas nós somos irresponsáveis, que só pensamos nas aparências e que vivemos em crise.” — Erin.

“As adolescentes dos filmes e da TV fazem de tudo pra chamar a atenção e só se preocupam com visual, roupas, popularidade e garotos.” — Natalie.

“Sempre que mostram a jovem ‘legal’, ela está bebendo, dormindo com os garotos ou se rebelando contra os pais. E quando mostram uma jovem que não faz essas coisas, ela é ou uma fanática religiosa ou uma ‘santinha’.” — Maria.

Pergunte-se: ‘Será que o meu jeito de agir, falar e vestir mostra quem eu realmente sou? Ou estou apenas imitando as adolescentes que a mídia mostra?’

 O que você deve saber

  • Muitas jovens acham que estão criando sua própria identidade, mas estão apenas copiando uma identidade que já existe. “Eu noto isso na minha irmã mais nova”, diz Karen, de 23 anos. “Ela finge ser dessas meninas que só pensam em roupas e garotos. Ela é inteligente, e eu sei que ela tem outros interesses, mas age assim porque acha que é o único jeito de ser como ‘todas as outras meninas’. E ela só tem 12 anos!”

    A Bíblia diz: “Não sejam mais moldados por este mundo.” — Romanos 12:2, Bíblia Fácil de Ler.

  • A adolescente que a mídia retrata não é exatamente o que todas as adolescentes querem ser. Alexis, de 15 anos, diz: “Na mídia, as jovens são egoístas, tontas e só fazem besteiras. Mas eu acho que a maioria de nós tem certo grau de bom senso.” Ela continua: “Nossa vida não gira em torno apenas de ficar sonhando com garotos bonitos.”

    A Bíblia diz: ‘As pessoas maduras têm as suas faculdades perceptivas treinadas [ou sentidos treinados] para distinguir tanto o certo como o errado.’ — Hebreus 5:14.

  • A imagem da “típica adolescente” ajuda as indústrias, e não as adolescentes. Reconhecendo o potencial de ganhar muito dinheiro, indústrias poderosas — como a editorial, a de moda, a de tecnologia e a de entretenimento — começam a investir nas jovens antes de elas entrarem na adolescência. “Publicitários induzem as pré-adolescentes a pensar que nunca serão populares se não tiverem as roupas, joias, maquiagens e produtos eletrônicos mais novos”, dizem as escritoras Silvana e Sondra Clark. “As pré-adolescentes são expostas constantemente a comerciais sedutores, muito antes de poderem entender o que está por trás dessa sedução.”

    A Bíblia diz: “Tudo o que há no mundo — o desejo da carne, e o desejo dos olhos, e a ostentação dos meios de vida da pessoa — não se origina do Pai, mas origina-se do mundo.” — 1 João 2:16.

Para você pensar: Quem vai sair ganhando se você se preocupar demais com as grifes mais populares da moda? Quem é que lucra se você sempre “precisar” do telefone celular mais moderno só para ser popular entre seus colegas? Com o bem-estar de quem os publicitários mais se preocupam: o seu ou o deles?

 O que você pode fazer

  • Questione os padrões que a mídia apresenta. À medida que for crescendo, você aprenderá a ver além do óbvio. Aprenda a analisar o efeito que os padrões promovidos pela mídia podem ter sobre você. “A mídia retrata a adolescente como alguém que usa mais maquiagem do que roupa”, diz Alana, de 14 anos. “Muitas meninas não percebem que isso não faz nenhuma delas parecer mais bonita. Faz parecer desesperada.”

  • Dê passos para ser a pessoa que você quer ser. Por exemplo, pense nas qualidades que você viu no começo deste artigo — aquelas que gostaria que as pessoas usassem para descrever você. Por que não tenta começar agora a desenvolver ou melhorar essas qualidades? A Bíblia diz: ‘Revistam-se da nova personalidade, a qual, por intermédio do conhecimento exato, está sendo renovada segundo a imagem Daquele que a criou’ — e não segundo a imagem promovida por publicitários. — Colossenses 3:10.

  • Encontre exemplos positivos para imitar. Podem ser pessoas de sua família, como sua mãe ou sua tia, ou outras amigas e conhecidas mais velhas que você. Nas congregações das Testemunhas de Jeová é possível encontrar muitas mulheres que são bons exemplos. — Tito 2:3-5.

Sugestão: Use o livro Imite a Sua Fé para aprender mais a respeito de mulheres dos tempos bíblicos que foram excelentes exemplos, como Rute, Ana, Abigail, Ester, Maria e Marta. Imite a Sua Fé é publicado pelas Testemunhas de Jeová e está disponível em www.jw.org.