Pular para conteúdo

Pular para sumário

 MATÉRIA DE CAPA | MENTIRAS QUE AFASTAM AS PESSOAS DE DEUS

A mentira que deixou Deus sem nome

A mentira que deixou Deus sem nome

O QUE MUITOS ACREDITAM

“Não chegamos a nenhum consenso sobre se devemos usar o nome de Deus ou não e, se devemos, qual é esse nome.” — Professor David Cunningham, Theological Studies.

O QUE A BÍBLIA DIZ

Deus disse: “Eu sou Jeová. Este é meu nome.” (Isaías 42:8) Jeová é um nome hebraico que significa “Ele Causa que Venha a Ser”. — Gênesis 2:4, nota.

Jeová quer que usemos seu nome. A Bíblia declara: “Invocai o seu nome. Tornai conhecidas entre os povos as suas ações. Fazei menção de que seu nome deve ser sublimado.” — Isaías 12:4.

Jesus usava o nome de Deus. Referindo-se a seus discípulos, ele disse numa oração a Jeová: “Eu lhes tenho dado a conhecer o teu nome e o hei de dar a conhecer.” Por que Jesus tornou conhecido o nome divino a seus discípulos? Ele continuou: “A fim de que o amor com que me amaste esteja neles e eu em união com eles.” — João 17:26.

POR QUE ISSO É IMPORTANTE

“O homem que não conhece a Deus por nome realmente não o conhece como pessoa”, escreveu o teólogo Walter Lowrie, “e, se o conhece apenas como uma força impessoal, não pode amá-lo”.

Victor ia à igreja toda semana, mas sentia que na verdade não conhecia a Deus. Ele diz: “Então aprendi que o nome de Deus é Jeová, e foi como se ele tivesse sido apresentado a mim pela primeira vez. Senti que eu finalmente estava conhecendo aquele de quem eu tanto ouvia falar. Passei a ver Deus como uma pessoa real e como meu amigo.”

E Jeová, por sua vez, se sente achegado a quem usa o nome dele. Para os ‘que pensam no seu nome’, Deus promete: “Vou ter compaixão deles assim como o homem tem compaixão do seu filho que o serve.” (Malaquias 3:16, 17) Ele também recompensa aqueles que usam seu nome. A Bíblia diz: “Todo aquele que invocar o nome de Jeová será salvo.” — Romanos 10:13.