Pular para conteúdo

Pular para sumário

 MATÉRIA DE CAPA: SERÁ QUE DEUS É CRUEL?

Por que alguns dizem que Deus é cruel?

Por que alguns dizem que Deus é cruel?

ALGUNS acham a pergunta “Será que Deus é cruel?” um tanto absurda. Mas muitos concluem, ou pelo menos supõem, que Deus é cruel. Por quê?

Muitos que sobrevivem a desastres naturais se perguntam: ‘Por que Deus permite que essas coisas aconteçam? É por indiferença? Ou por crueldade mesmo?’

Outros ficam incomodados quando leem a Bíblia e se deparam com relatos como o do Dilúvio nos dias de Noé. Eles se perguntam: ‘Por que um Deus amoroso causou a morte de tantas pessoas? Será que ele é cruel?’

Você já se fez essas perguntas? Fica sem saber o que responder quando alguém diz que Deus é cruel? Antes de qualquer coisa, vejamos a resposta a outra pergunta.

POR QUE ODIAMOS A CRUELDADE?

Em poucas palavras, odiamos a crueldade porque temos um senso de certo e errado. Nesse sentido, somos bem diferentes dos animais. Deus nos fez “à sua imagem”. (Gênesis 1:27) O que isso quer dizer? Ele nos criou com a capacidade de refletir suas qualidades e padrões de moral. Assim, se Deus nos deu um senso de certo e errado, e nós por natureza odiamos a crueldade, isso não prova que Deus também a odeia?

Essa lógica está de acordo com a Bíblia, pois Deus nos garante: “Meus caminhos são mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos, do que os vossos pensamentos.” (Isaías 55:9) Afirmar que Deus é cruel é o mesmo que dizer que nossos caminhos são superiores aos dele — o oposto do que diz esse texto. Não seria melhor procurar saber mais antes de adotar essa atitude? Em vez de questionar se Deus é cruel, talvez seja melhor tentar entender por que alguns de seus atos parecem cruéis. Primeiro, vejamos o que “crueldade” realmente significa.

Crueldade envolve a motivação da pessoa. Quem é cruel gosta de ver os outros sofrerem ou não se importa com sua dor. Assim, se um pai disciplina o filho porque gosta de fazê-lo sofrer, ele é cruel. Mas, se disciplina o filho para ensiná-lo ou protegê-lo, ele é amoroso. Nem sempre é fácil discernir a motivação de alguém. Você mesmo já deve ter percebido isso se alguma vez foi mal-interpretado.

Vamos considerar dois motivos que levam alguns a pensar que Deus é cruel: os desastres naturais que vemos hoje e os julgamentos divinos registrados na Bíblia. Será que os fatos mostram que Deus é cruel?