Pular para conteúdo

Pular para sumário

Todas as curas milagrosas são de Deus?

Todas as curas milagrosas são de Deus?

 Nossos Leitores Perguntam

Todas as curas milagrosas são de Deus?

Não há dúvida de que Jeová Deus tem o poder de curar. Também não há dúvida de que ele pode dar esse poder a seus adoradores. Por exemplo, na época dos apóstolos, as curas milagrosas eram um dos dons especiais do espírito santo. O apóstolo Paulo escreveu: “A manifestação do espírito é dada a cada um com um objetivo proveitoso. Por exemplo, a um, por intermédio do espírito, é dada a palavra de sabedoria, . . . a outro, dons de curar, por aquele um espírito, . . . a outro, o profetizar, . . . a outro, línguas diferentes.” — 1 Coríntios 12:4-11.

No entanto, nessa mesma carta aos coríntios, Paulo também escreveu que os dons milagrosos do espírito santo de Deus cessariam. Ele disse: “Quer haja dons de profetizar, serão eliminados; quer haja línguas, cessarão; quer haja conhecimento, será eliminado.” — 1 Coríntios 13:8.

Durante o primeiro século, Jesus Cristo e os apóstolos realizaram curas milagrosas. Naquela época da história cristã os dons do espírito, incluindo a capacidade de realizar curas, serviam para glorificar a Deus e eram sinais da aprovação e das bênçãos de Jeová sobre a recém-estabelecida congregação cristã. Mas depois de ficar plenamente desenvolvida e estabelecida, a congregação cristã se destacaria pela demonstração de fé, esperança e amor inabaláveis como evidência da aprovação de Deus, e não pela demonstração de dons especiais. (João 13:35; 1 Coríntios 13:13) Assim, por volta do ano 100 EC, as curas milagrosas como sinal do favor de Deus cessaram. *

Mas você talvez pergunte: ‘Por que eu continuo ouvindo falar de pessoas que foram curadas de forma milagrosa?’ Por exemplo, uma reportagem num jornal falava de um homem que supostamente sofria de câncer. Ele tinha tumor na cabeça, nos rins e até mesmo nos ossos. Seu futuro parecia sombrio, até o dia em que Deus “falou” com ele. Alguns dias depois, segundo a reportagem, o seu câncer tinha desaparecido.

Ao ouvir uma história assim, seria bom se perguntar: ‘Essa reportagem é baseada em fatos? Há evidências médicas documentadas que confirmem que isso realmente aconteceu? E mesmo que pareça ter ocorrido uma cura, será que a Bíblia ensina que é Deus que está por trás de todas as supostas curas milagrosas?’

A resposta a essa última pergunta é especialmente importante. Jesus alertou seus seguidores: “Vigiai-vos dos falsos profetas . . . Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome e não expulsamos demônios em teu nome, e não fizemos muitas obras poderosas [milagres] em teu nome?’ Contudo, eu lhes confessarei então: Nunca vos conheci! Afastai-vos de mim, vós obreiros do que é contra a lei.” — Mateus 7:15, 21-23.

Fica claro que as chamadas curas milagrosas podem se originar de uma fonte que não seja Deus. Para não ser enganado por aqueles que alegam realizar milagres em nome Dele, precisamos obter conhecimento exato sobre Deus, usar a capacidade de raciocínio que ele nos deu e aprender a identificar aqueles que estão fazendo sua vontade. — Mateus 7:16-19; João 17:3; Romanos 12:1, 2.

[Nota(s) de rodapé]

^ parágrafo 5 Pelo visto, com a morte dos apóstolos, a transmissão dos dons cessou, e os dons milagrosos do espírito cessaram por completo quando aqueles que os haviam recebido morreram.