Pular para conteúdo

Pular para sumário

 MATÉRIA DE CAPA

A dor de perder alguém que amamos

A dor de perder alguém que amamos

“Deus sabe o que é melhor para nós, querida. . . . Não chore.”

Uma mulher chamada Bárbara * estava no funeral do seu pai, que tinha morrido num acidente de carro. Alguém se aproximou e disse essas palavras no ouvido dela.

Bárbara amava muito seu pai. Embora sua amiga tivesse boa intenção, suas palavras só aumentaram a dor dela. Bárbara não parava de pensar: ‘Como a morte do meu pai pode ter sido melhor para mim?’ Anos depois, Bárbara escreveu um livro e falou sobre o que aconteceu. O que ela disse deixou claro que ela ainda estava triste com a morte do pai.

Bárbara percebeu que pode levar bastante tempo para superar a dor, principalmente quando quem morreu era alguém bem próximo. Não é de admirar que a Bíblia chame a morte de “o último inimigo”. (1 Coríntios 15:26) A morte invade a nossa vida e muitas vezes nos pega de surpresa. Ela leva embora as pessoas que amamos. Ninguém pode impedi-la nem escapar dos estragos que ela causa. Por isso, é natural nos sentir perdidos quando temos que enfrentar a morte e suas consequências.

Você talvez se pergunte: ‘Quanto tempo leva para superar a dor da morte? Como lidar com a dor de perder alguém? Como posso consolar os que perderam pessoas queridas? Existe alguma esperança para os que morreram?’

^ parágrafo 4 O nome foi mudado.