Pular para conteúdo

Pular para sumário

O que a Bíblia nos diz

O que a Bíblia nos diz

“Esta é a história dos céus e da terra no tempo em que foram criados.” (Gênesis 2:4) É assim que a Bíblia resume como o nosso planeta veio a existir. Mas será que o que a Bíblia diz está de acordo com os fatos científicos? Veja alguns exemplos.

O princípio: Os céus literais e a Terra são criados.

Será que o Universo sempre existiu?

Gênesis 1:1 diz: “No princípio Deus criou os céus e a terra.”

Até a segunda metade do século 20, muitos cientistas de destaque acreditavam que o Universo sempre existiu. Mas, com base em descobertas mais recentes, a maioria dos cientistas agora reconhece que o nosso Universo teve realmente um começo.

Como a Terra era no começo?

Gênesis 1:2, 9 diz que, no começo, a Terra era “vazia e deserta” e estava coberta de água.

Essa descrição é apoiada por descobertas científicas modernas. O biólogo Patrick Shih diz que, no começo, nosso planeta tinha “uma atmosfera sem oxigênio, impossível de se respirar . . . e uma aparência desértica que lembrava muito o cenário de um filme de ficção científica”. A revista Astronomy diz: “Novas pesquisas sugerem que nosso planeta era um mundo de água com pouca ou nenhuma terra à vista.”

 Como nossa atmosfera foi mudando com o tempo?

Gênesis 1:3-5 indica que, no início, apenas uma luz difusa atingia a Terra. Foi só mais tarde que o Sol e a Lua puderam ser vistos da superfície da Terra. — Gênesis 1:14-18.

A Bíblia não diz que todas as formas de vida foram criadas em 6 dias de 24 horas

O Centro de Pesquisa Ambiental do Smithsonian diz que, no começo, nossa atmosfera permitia que apenas pouca luz atingisse a Terra. Ele diz também: “Gotículas de metano no ar cobriam a Terra toda como uma neblina.” Mais tarde, “a neblina de metano se dissipou e o céu ficou azul”.

Em que sequência a vida apareceu na Terra?

Gênesis 1:20-27 diz que primeiro foram criados os peixes; depois vieram os pássaros, os animais terrestres e, por fim, os humanos. Os cientistas acreditam que os primeiros peixes apareceram muito antes dos primeiros mamíferos e que os humanos apareceram muito tempo depois.

A Bíblia não diz que os seres vivos continuariam sempre iguais, sem mudanças ao longo do tempo

 O que a Bíblia não diz?

Algumas pessoas afirmam que o que a Bíblia diz é diferente daquilo que os cientistas descobriram. Mas, geralmente, essas afirmações são baseadas em um entendimento errado sobre o que a Bíblia realmente diz.

A Bíblia não diz que o Universo ou a Terra tem apenas 6 mil anos. Em vez disso, ela diz apenas que a Terra e o Universo foram criados “no princípio”. (Gênesis 1:1) Mas a Bíblia não diz exatamente quando esse princípio foi.

A Bíblia não diz que todas as formas de vida na Terra foram criadas em seis dias de 24 horas. Na verdade, ela usa a palavra “dia” para se referir a períodos de tempo. Por exemplo, ela diz que a criação de nosso planeta e da vida nele — durante os seis “dias” criativos mencionados em Gênesis capítulo 1 — ocorreu no período de tempo chamado de ‘o dia em que Jeová * Deus fez a terra e o céu’. (Gênesis 2:4) Isso indica que cada um dos seis “dias” criativos pode se referir a períodos de tempo extremamente longos.

A Bíblia não diz que os seres vivos continuariam sempre iguais, sem mudanças ao longo do tempo. O livro de Gênesis diz que os animais foram criados “segundo as suas espécies”. (Gênesis 1:24, 25) A Bíblia e a ciência não usam a palavra “espécie” com o mesmo significado. Na Bíblia, o significado é mais abrangente. O que a Bíblia chama de “espécie” pode incluir seres vivos que, segundo a ciência, são de muitas espécies ou variedades. Então é possível que seres vivos que eram da mesma “espécie” (no sentido bíblico) e que viviam em uma mesma comunidade tenham sofrido algumas mudanças com o passar do tempo.

 O que você acha?

Como vimos, a Bíblia descreve em termos simples e exatos o início do Universo, como a Terra era no começo e como a vida surgiu. Será então que a Bíblia também é exata quando fala Daquele que criou essas coisas? A Enciclopédia Britânica, em inglês, diz: “Acreditar que a vida surgiu a partir de um evento sobrenatural não é tão contrário assim ao que a ciência moderna descobriu.” *

^ parágrafo 17 A Bíblia mostra que Jeová é o nome de Deus.

^ parágrafo 20 A Enciclopédia Britânica não afirma que a vida foi criada.