Pular para conteúdo

Pular para sumário

SEÇÃO 9

Aprenda do Messias, o Líder

Aprenda do Messias, o Líder

DEUS predisse que designaria o Messias para ser Líder de todos os povos. Deus sabe o tipo de líder que realmente precisamos e escolheu o melhor possível. Que tipo de Líder foi o Messias? Um general poderoso? Um bom político? Um filósofo sábio? De acordo com as Escrituras Sagradas, o Messias foi um profeta sem igual, Jesus Cristo. — Mateus 23:10.

Deus fez com que Jesus nascesse perfeito, santo. Além disso, Jesus resistiu a todos os esforços de Satanás de corrompê-lo. Em palavras e ações, Jesus refletiu perfeitamente a Deus no modo como usou o poder e como mostrou justiça, sabedoria e amor. Veja o que podemos aprender do exemplo de Jesus.

Jesus generosamente ajudava outros

Usou o poder que recebeu de Deus para ajudar outros. Jesus de fato se importava com as pessoas, e usou generosamente seu poder para atender às necessidades delas. Certa vez, ele disse: “Tenho pena da multidão, porque [eles] não têm nada para comer.” (Marcos 8:2) Em seguida, Jesus alimentou de forma milagrosa aquela multidão que havia se ajuntado para ouvi-lo ensinar.

Jesus também viajava, ensinando as pessoas e “curando toda sorte de moléstias e toda sorte de enfermidades entre o povo”. (Mateus 4:23) É compreensível que multidões o seguissem e ‘procurassem tocá-lo, porque saía dele poder e ele sarava a todos’. (Lucas 6:19) De fato, Jesus “não veio para que se lhe ministrasse, mas para ministrar e dar a sua alma como resgate em troca de muitos”. (Mateus 20:28) * Quantos líderes humanos mostram uma atitude altruísta assim?

Jesus amava as crianças

Refletiu a justiça de Deus. Jesus não se apegou apenas à letra da lei de Deus, mas também ao espírito dela. As Escrituras profetizaram a respeito dele: “Agradei-me em fazer a tua vontade, ó meu Deus, e a tua lei está nas minhas partes internas.” (Salmo 40:8) Jesus tratava a todos — ricos e pobres, homens e mulheres, crianças e adultos — com dignidade, respeito e imparcialidade, assim como Deus faz. Em certa ocasião, os discípulos de Jesus censuraram os pais que levaram seus filhos até ele. Mas Jesus disse: “Deixai vir a mim as criancinhas; não tenteis impedi-las, pois o reino de Deus pertence a tais.” — Marcos 10:14.

Mostrou sabedoria divina. Jesus conhecia profundamente as pessoas. “Ele mesmo sabia o que havia no homem.” (João 2:25) Quando os inimigos de Jesus enviaram soldados para prendê-lo, até mesmo estes reconheceram: “Nunca homem algum falou como este.” Como Jesus obteve sabedoria? Ele explicou: “O que eu ensino não é meu, mas pertence àquele que me enviou.” — João 7:16, 46.

Jesus mostrava compaixão ao curar os doentes

Refletiu o amor de Deus. Jesus também tinha terna compaixão pelas pessoas. Certa vez, um homem “cheio de lepra” lhe implorou: “Senhor, se apenas quiseres, podes tornar-me limpo.” Sentindo pena, Jesus ‘estendeu a mão, tocou nele e disse-lhe: “Eu quero. Torna-te limpo.” E a lepra desapareceu-lhe imediatamente’. (Lucas 5:12, 13; Marcos 1:41, 42) Jesus realmente queria aliviar o sofrimento daquele pobre homem.

Será que Jesus também se importa com você? Ele mesmo responde: “Vinde a mim, todos os que estais labutando e que estais sobrecarregados, e eu vos reanimarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, pois sou de temperamento brando e humilde de coração, e achareis revigoramento para as vossas almas.” — Mateus 11:28, 29.

Jesus é o melhor Líder que poderíamos ter. Por isso, ele nos incentiva: ‘Aprendam de mim.’ Você aceitará esse convite caloroso? Fazer isso resultará numa vida feliz.

^ Para uma consideração sobre o resgate, veja a lição 27 do livro Seja Feliz para Sempre!.