Pular para conteúdo

Pular para sumário

 PERGUNTA 6

Como enfrentar a pressão para fazer o que é errado?

Como enfrentar a pressão para fazer o que é errado?

POR QUE É BOM PENSAR NISSO

Quando você toma suas próprias decisões, não se torna um robô na mão de outros. Em vez disso, é você quem controla sua vida.

O QUE VOCÊ FARIA?

Imagine a seguinte cena: Bruno vê dois colegas de escola se aproximando e já sente um frio na barriga. Esta semana eles já ofereceram maconha para ele duas vezes. E parece que não desistiram.

Um dos colegas fala:

“Por que você tá tão nervoso, cara? Eu tenho uma coisa aqui que vai te deixar bem relaxado!”

O colega dá um tapinha nas costas de Bruno, enquanto tira do bolso um cigarro de maconha.

Bruno vê seu colega acendendo o baseado. Seu coração acelera.

Ele diz: “Desculpa aí, mas eu já disse que não . . .”

O outro colega fala: “Deixa de ser medroso, cara!”

Bruno respira fundo e diz: “Eu não sou medroso! É que . . .”

Daí seu colega chega mais perto, põe a mão no ombro dele e fala baixinho: “Experimenta, cara. É só um baseado.”

Ele põe o cigarro cada vez mais perto da boca de Bruno, enquanto o outro colega diz: “Relaxa, a gente não conta pra ninguém. Fica só entre a gente.”

Se você fosse o Bruno, o que faria?

 PARE E PENSE!

Será que, antes de começar a usar maconha, os colegas de Bruno pensaram bem? Será que eles tomaram essa decisão por conta própria? É possível que não. A maioria se deixa levar pela pressão de outros. Para ser aceitos, acabam fazendo o que os colegas fazem. Assim, os colegas é que controlam a vida deles.

Se você enfrentar uma situação parecida, como pode fazer diferente da maioria?

  1. PREPARE-SE PARA ENFRENTAR A PRESSÃO

    A Bíblia diz: “Quem é prudente vê o perigo e se esconde, mas os inexperientes vão em frente e sofrem as consequências.” — Provérbios 22:3.

    Muitas vezes, é possível “ver o perigo” com antecedência. Por exemplo, você está chegando na escola e vê um grupo de colegas fumando maconha. Se você já imaginar o que pode acontecer, vai estar mais preparado para enfrentar a pressão.

  2. PENSE NAS CONSEQUÊNCIAS

    A Bíblia diz: “Mantenham uma boa consciência.” — 1 Pedro 3:16.

    Pergunte-se: ‘Se eu fizer o que todo mundo faz, como vou me sentir?’ É verdade que, se você fizer o que seus colegas querem, de início eles talvez parem de pegar no seu pé. Mas como vai ficar sua consciência depois? Será que você deve deixar de ser quem você é só para agradar outros? — Êxodo 23:2.

  3. TOME UMA DECISÃO

    A Bíblia diz: “O sábio é cauteloso.” — Provérbios 14:16.

    Mais cedo ou mais tarde, todos nós temos que tomar nossas decisões e enfrentar as consequências. A Bíblia fala de pessoas que tomaram boas decisões na vida, como José, Jó e Jesus. Mas ela também fala de alguns que tomaram péssimas decisões, como Caim, Esaú e Judas. E você, o que vai fazer?

O exemplo bíblico de Daniel nos incentiva a ser decididos no coração. (Daniel 1:8) Assim, se você refletir nas consequências e tomar sua decisão com antecedência, vai descobrir que não é tão difícil dizer o que você pensa. E isso vai fazer você se sentir bem.

Fique tranquilo: você não precisa dar um sermão nos seus colegas. Às vezes, basta dizer não de modo firme. Ou você pode dizer outra coisa que mostre que você não vai mudar de ideia. Por exemplo:

  • “Tô fora!”

  • “Eu não sou disso.”

  • “Fala sério! Você sabe que eu não faço esse tipo de coisa.”

O segredo é não demorar para responder e fazer isso de modo claro e firme. Você talvez fique surpreso de ver como eles vão desistir rápido!

 QUANDO SEUS COLEGAS NÃO DEIXAM VOCÊ EM PAZ

Se você fizer o que seus colegas querem, vai ser como um robozinho nas mãos deles

O que você pode fazer se seus colegas não param de pegar no seu pé? Alguns talvez digam: “Qual é o problema? Você tá com medo?” Não ligue para o que eles dizem. Eles só querem assustar você. Como você pode reagir a isso?

  • Você pode entrar no jogo. Por exemplo, diga: “Você tá certo. Eu tô com medo.” Daí, explique por que você não vai fazer o que eles querem.

  • Você pode virar o jogo. Fale por que você não vai fazer algo errado. Daí, diga algo que vai fazer seu colega pensar. Por exemplo: “Não dá pra acreditar que alguém como você caiu nessa de fumar!”

Se seus colegas continuarem zoando você, vá embora! Lembre-se: se você não sair do local, a pressão vai aumentar! Quando você vai embora, fica claro que não vai deixar ninguém controlar sua vida.

É verdade que não dá para fugir totalmente da pressão dos colegas. Mas você pode decidir o que fazer, deixar clara a sua decisão e mostrar que tem o controle da situação. No final das contas, a escolha é sua! — Josué 24:15.