Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 90

Com a mulher junto ao poço

Com a mulher junto ao poço

JESUS parou junto a um poço, em Samaria, para descansar. Seus discípulos foram à cidade comprar comida. A mulher com quem Jesus está falando veio buscar água. Ele lhe disse: ‘Dê-me de beber.’

A mulher ficou muito surpresa. Sabe por quê? Porque Jesus era judeu e ela era samaritana. E a maioria dos judeus não gostava dos samaritanos. Nem falavam com eles! Mas Jesus queria bem a todos. Por isso, ele disse: ‘Se soubesse quem lhe pediu água para beber, você lhe teria pedido água que dá vida e ele lhe teria dado.’

‘Senhor’, disse a mulher, ‘o poço é profundo e o senhor não tem nem mesmo um balde. Donde tiraria a água que dá vida?’

‘Se você beber água desta fonte, vai ficar de novo com sede’, explicou Jesus. ‘Mas a água que eu vou dar fará a pessoa viver para sempre.’

‘Senhor’, disse a mulher, ‘dê-me desta água! Assim, nunca mais terei sede. E não vou mais ter de vir para cá para tirar água’.

A mulher achou que Jesus falou sobre água real. Mas ele falou sobre a verdade a respeito de Deus e seu Reino. Essa verdade é como água que dá vida. Pode dar a alguém vida eterna.

Jesus disse então à mulher: ‘Vá chamar seu marido e volte.’

‘Não tenho marido’, respondeu ela.

‘Falou certo’, disse Jesus. ‘Mas você já teve cinco maridos, e o homem com quem vive agora não é seu marido.’

A mulher ficou abismada porque era verdade. Como sabia Jesus essas coisas? Sabia porque era o Prometido por Deus, e Deus lhe deu essa informação. Naquele instante, voltaram os discípulos de Jesus, que ficaram surpresos de vê-lo falar com uma samaritana.

O que aprendemos disso? Aprendemos que Jesus era bondoso com pessoas de todas as raças. E nós também devemos ser assim. Não devemos achar alguém ruim só porque é de certa raça. Jesus quer que todos conheçam a verdade que conduz à vida eterna. E nós devemos ajudar outros a aprendê-la.