Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 61

Davi torna-se rei

Davi torna-se rei

SAUL tentou de novo capturar Davi. Levou consigo 3 mil dos melhores soldados. Quando Davi soube disso, mandou espiões para saber onde Saul e seus homens se acampavam à noite. Daí, Davi perguntou a dois de seus homens: ‘Quem vai comigo ao acampamento de Saul?’

‘Eu vou’, disse Abisai. Abisai era filho da irmã de Davi, Zeruia. Enquanto Saul e seus homens dormiam, Davi e Abisai foram quietinhos ao acampamento. Ali apanharam a lança e a moringa de Saul, do lado dele. Ninguém os viu nem ouviu, porque estavam dormindo.

Vemos aqui Davi e Abisai. Escaparam e subiram num morro. Davi gritou para o chefe do exército de Israel: ‘Abner, por que não protege seu senhor, o rei? Veja onde estão a lança e a moringa dele!’

Saul despertou. Reconheceu a voz de Davi e perguntou: ‘É você, Davi?’ Está vendo Saul e Abner lá embaixo?

‘Sim, meu senhor e rei’, respondeu Davi. E perguntou: ‘Por que procura prender-me? O que fiz de mal? Aqui está a sua lança, ó rei. Mande um dos homens buscá-la.’

‘Agi mal’, admitiu Saul. ‘Fiz uma tolice.’ Então Davi foi embora, e Saul voltou para casa. Mas Davi pensou: ‘Qualquer dia desses, Saul vai me matar. Vou fugir para a terra dos filisteus.’ E foi o que fez. Davi conseguiu enganar os filisteus, fazendo-os crer que estava do lado deles.

Algum tempo depois, os filisteus foram lutar contra Israel. Na batalha, tanto Saul como Jonatã foram mortos. Davi ficou muito triste e compôs uma bela canção, que diz: ‘Estou triste por tua causa, meu irmão Jonatã. Como eu gostava de você!’

Então, Davi voltou a Israel, à cidade de Hébron. Havia guerra entre os que escolheram o filho de Saul, Is-bosete, para ser rei, e os outros que queriam a Davi. Por fim, os homens de Davi venceram. Davi tinha 30 anos quando se tornou rei. Governou por sete anos e meio em Hébron. Alguns dos filhos que lhe nasceram ali foram Amnom, Absalão e Adonias.

Chegou o tempo de Davi e seus homens subirem para capturar uma bela cidade chamada Jerusalém. Joabe, outro filho da irmã de Davi, Zeruia, chefiou a luta. Davi o recompensou por torná-lo chefe do exército. Então, Davi começou a reinar em Jerusalém.