Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 1

“Ide . . . e fazei discípulos”

“Ide . . . e fazei discípulos”

Visão geral de Atos dos Apóstolos e sua relação com nossos dias

1-6. Dê um exemplo real mostrando que as Testemunhas de Jeová pregam em situações muito variadas.

REBECCA, uma jovem Testemunha de Jeová de Gana, considera a escola seu território particular de pregação. Ela sempre tem publicações bíblicas em sua mochila. Nos intervalos, ela procura oportunidades para dar testemunho aos colegas. Rebecca já iniciou estudos bíblicos com vários deles.

2 Na ilha de Madagascar, perto da costa leste da África, um casal de pioneiros caminha regularmente cerca de 25 quilômetros debaixo do sol tropical. Eles fazem isso para chegar a um povoado remoto e dirigir estudos bíblicos com pessoas interessadas.

3 Para alcançar pessoas que moram ao longo dos rios Paraguai e Paraná, Testemunhas de Jeová no Paraguai e voluntários de outros 15 países trabalharam juntos para construir um barco de 130 metros cúbicos, que pode acomodar até 12 pessoas. Usando essa casa flutuante, proclamadores zelosos do Reino divulgam as boas novas em regiões que de outra forma não poderiam ser alcançadas.

4 No Extremo Norte, Testemunhas de Jeová no Alasca aproveitam uma oportunidade especial para dar testemunho durante a temporada de verão. Quando temperaturas mais amenas trazem os navios de cruzeiro cheios de turistas de muitas nacionalidades, as Testemunhas de Jeová locais ficam nas docas, expondo de modo atraente publicações bíblicas em vários idiomas. Nessa mesma região, um avião mostrou-se muito útil para chegar a povoados isolados, permitindo assim que as boas novas fossem divulgadas nas comunidades dos aleútes, atapascas, tsimshians e tlingits.

5 Larry, no Estado do Texas, EUA, tem um território especial — a casa de repouso onde mora. Apesar de estar confinado a uma cadeira de rodas por causa de um acidente, Larry mantém-se ocupado. Ele compartilha com outros a mensagem do Reino, incluindo sua esperança bíblica de que um dia, sob o governo do Reino, ele andará novamente. — Isa. 35:5, 6.

6 Para assistir a uma assembleia no norte de Mianmar, um grupo de Testemunhas de Jeová saiu de Mandalay e viajou três dias de balsa. Ansiosas para pregar as boas novas, elas levaram publicações bíblicas  e as ofereceram aos outros passageiros. Sempre que a balsa parava numa cidade ou num povoado, esses pregadores dispostos desembarcavam e logo percorriam a localidade, oferecendo publicações. Nesse meio-tempo, outros passageiros embarcavam, tornando-se um “novo território” quando os publicadores do Reino retornavam.

7. De que maneiras os adoradores de Jeová dão testemunho sobre o Reino de Deus, e qual é o objetivo deles?

7 Como mostram esses exemplos, adoradores zelosos de Jeová em todo o mundo estão ‘dando testemunho cabal a respeito do reino de Deus’. (Atos 28:23) Eles vão de casa em casa, conversam com as pessoas nas ruas e falam com elas no telefone. No ônibus, caminhando no parque ou durante o intervalo do trabalho, eles estão sempre atentos a qualquer oportunidade para dar testemunho sobre o Reino de Deus. O método pode variar, mas o objetivo é o mesmo: pregar as boas novas onde quer que haja pessoas. — Mat. 10:11.

8, 9. (a) Por que a expansão da obra de pregação do Reino é um verdadeiro milagre? (b) Que pergunta muito interessante surge, e o que precisamos fazer para obter a resposta?

8 Será que você, prezado leitor, faz parte dessa multidão de proclamadores do Reino que está ativa em mais de 235 terras? Em caso afirmativo, você contribui para a emocionante expansão da obra de pregação do Reino. O que já foi feito no campo mundial é um verdadeiro milagre. Apesar de enormes obstáculos e desafios — até mesmo proscrições e perseguição direta — as Testemunhas de Jeová estão dando testemunho cabal sobre o Reino de Deus a pessoas de todas as nações.

9 Isso levanta uma pergunta muito interessante: Por que nenhum obstáculo, nem mesmo a oposição satânica, consegue parar o avanço da obra de pregação do Reino? Para responder a essa pergunta, precisamos voltar ao primeiro século EC. Afinal, a obra que nós fazemos como Testemunhas de Jeová é uma continuação da obra que começou naquela época.

Uma comissão de amplo alcance

10. A que obra Jesus se dedicou, e o que ele sabia a respeito dessa obra?

10 O Fundador do cristianismo, Jesus Cristo, dedicou-se à pregação das boas novas do Reino de Deus; sua vida girava em torno disso. Em certa ocasião, ele explicou: “Tenho de declarar as boas novas do reino de Deus . . . , porque fui enviado para isso.” (Luc. 4:43) Jesus sabia que estava dando início a uma obra que ele não teria condições de terminar sozinho. Pouco antes de morrer, ele predisse que a mensagem do Reino seria pregada “em todas as nações”. (Mar. 13:10) Mas como isso seria feito, e por quem?

“Ide . . . e fazei discípulos de pessoas de todas as nações.” — Mateus 28:19

11. Que comissão importante Jesus deu a seus discípulos, e que apoio eles teriam para cumpri-la?

 11 Depois de sua morte e ressurreição, Jesus apareceu a seus discípulos e lhes deu esta comissão importante: “Ide, portanto, e fazei discípulos de pessoas de todas as nações, batizando-as em o nome do Pai, e do Filho, e do espírito santo, ensinando-as a observar todas as coisas que vos ordenei. E eis que estou convosco todos os dias, até à terminação do sistema de coisas.” (Mat. 28:19, 20) As palavras “estou convosco” indicavam que os seguidores de Jesus teriam seu apoio ao realizarem a obra de pregar e fazer discípulos. Eles precisariam desse apoio, pois Jesus havia predito que eles seriam “pessoas odiadas por todas as nações”. (Mat. 24:9) Os discípulos também podiam contar com outra ajuda. Pouco antes de ascender ao céu, Jesus disse-lhes que eles seriam fortalecidos pelo espírito santo para serem suas testemunhas “até à parte mais distante da terra”. — Atos 1:8.

12. Que perguntas importantes surgem, e por que é vital saber as respostas?

12 Surgem agora algumas perguntas importantes: Os apóstolos de Jesus e os outros discípulos do primeiro século levaram a sério sua comissão? Esse grupo relativamente pequeno de homens e mulheres cristãos deu testemunho cabal sobre o Reino de Deus, mesmo em face de perseguição feroz? Eles realmente tiveram apoio celestial e ajuda do espírito santo de Jeová ao realizar a obra de fazer discípulos? Essas e outras perguntas similares são respondidas no livro bíblico de Atos. É vital saber as respostas. Por quê? Conforme prometido por Jesus, a obra que ele comissionou continuaria “até à terminação do sistema de coisas”. Assim, essa comissão se estende a todos os cristãos verdadeiros, incluindo a nós que vivemos neste tempo do fim. Por isso, temos profundo interesse no registro histórico encontrado no livro de Atos.

Visão geral do livro de Atos

13, 14. (a) Quem foi o escritor do livro de Atos, e como ele obteve suas informações? (b) Qual é o conteúdo do livro de Atos?

13 Quem escreveu o livro de Atos? O livro não identifica o escritor, mas suas palavras iniciais deixam claro que foi a mesma pessoa que escreveu o Evangelho de Lucas. (Luc. 1:1-4; Atos 1:1, 2) Assim, desde os tempos antigos, Lucas, “médico amado” e historiador cuidadoso, é considerado o escritor do livro de Atos. (Col. 4:14) O livro abrange um período de aproximadamente 28 anos, desde a ascensão de Jesus em 33 EC até por volta de 61 EC, pouco antes de Paulo ser solto da prisão em Roma. O fato de Lucas incluir-se em algumas partes de sua narrativa sugere que ele estava presente em muitos dos acontecimentos que descreve. (Atos 16:8-10; 20:5; 27:1) É provável que Lucas, um pesquisador meticuloso, tenha obtido informações diretamente de Paulo, Barnabé, Filipe e outros mencionados no registro.

 14 Qual é o conteúdo do livro de Atos? Alguns anos antes, em seu Evangelho, Lucas relatou o que Jesus disse e fez. Mas, no livro de Atos, ele registrou o que os seguidores de Jesus disseram e fizeram. Portanto, Atos é um livro sobre pessoas que realizaram um trabalho extraordinário, embora muitas delas fossem vistas como ‘indoutas e comuns’. (Atos 4:13) Resumindo, o registro inspirado conta-nos como a congregação cristã foi formada e de que forma se desenvolveu. O livro de Atos mostra como os cristãos do primeiro século pregavam — seus métodos e sua atitude. (Atos 4:31; 5:42) Descreve como o espírito santo ajudou na divulgação das boas novas. (Atos 8:29, 39, 40; 13:1-3; 16:6; 18:24, 25) O livro dá continuidade ao tema da Bíblia, que envolve o Reino de Deus sob Cristo, e mostra que a divulgação da mensagem do Reino foi bem-sucedida, mesmo em face de oposição feroz. — Atos 8:12; 19:8; 28:30, 31.

15. Como uma análise do livro de Atos vai nos beneficiar?

15 Realmente, analisar o livro de Atos é emocionante e fortalece a fé. Meditar no exemplo de coragem e zelo dos primeiros seguidores de Cristo tocará nosso coração. Seremos motivados a imitar a fé dos nossos irmãos do primeiro século. Estaremos mais bem equipados para cumprir nossa comissão de ‘ir e fazer discípulos’. O livro que você está lendo agora tem por objetivo ajudá-lo a fazer um estudo cuidadoso do livro de Atos.

Uma ajuda para o estudo da Bíblia

16. Quais são os três objetivos desta publicação?

16 Quais são os objetivos desta publicação? São três: (1) fortalecer nossa convicção de que Jeová, por meio do seu espírito santo, está apoiando a obra de pregar o Reino e fazer discípulos; (2) aumentar nosso zelo no ministério por analisar o exemplo dos seguidores de Cristo do primeiro século e (3) aprofundar nosso respeito pela organização de Jeová e pelos que lideram a pregação e a supervisão das congregações.

17, 18. Qual é a estrutura deste livro, e quais características o ajudarão no estudo pessoal da Bíblia?

17 Qual é a estrutura deste livro? Notará que ele está dividido em oito seções, cada uma abrangendo um trecho do livro de Atos. O objetivo não é fazer uma análise versículo por versículo, mas ajudar-nos a extrair lições dos acontecimentos relatados e a pôr em prática o que aprendermos. No início dos capítulos há uma frase que destaca o tema do capítulo, além de uma indicação do trecho de Atos que será analisado.

18 Há outras características neste livro que serão de ajuda no estudo pessoal da Bíblia. À medida que você refletir no relato bíblico, belas  gravuras o ajudarão a visualizar acontecimentos emocionantes registrados no livro de Atos. Muitos capítulos incluem quadros que acrescentam informações úteis. Certos quadros falam a respeito da vida de algum personagem bíblico cuja fé é digna de ser imitada. Já alguns fornecem detalhes adicionais sobre lugares, acontecimentos, costumes ou outros personagens mencionados em Atos. As margens largas permitem que você faça anotações enquanto estuda.

Trabalhe com senso de urgência em seu território designado

19. Que autoanálise devemos fazer de vez em quando?

19 Este livro pode ajudar você a fazer uma autoanálise honesta. Não importa há quanto tempo você serve como publicador do Reino, de vez em quando é bom parar e analisar suas prioridades na vida e sua atitude com relação à pregação. (2 Cor. 13:5) Pergunte-se: ‘Continuo encarando o ministério com senso de urgência? (1 Cor. 7:29-31) Prego as boas novas com zelo e convicção? (1 Tes. 1:5, 6) Faço o máximo que posso na obra de pregar e fazer discípulos?’ — Col. 3:23.

20, 21. Por que a nossa comissão é tão urgente, e qual deve ser a nossa determinação?

20 Nunca nos esqueçamos da nossa comissão: realizar a importante obra de pregar e fazer discípulos. A urgência dessa comissão aumenta a cada dia que passa. O fim deste sistema se aproxima rapidamente. Nunca houve tantas vidas em jogo. Não sabemos quantas pessoas corretamente dispostas ainda podem aceitar nossa mensagem. (Atos 13:48) Mas temos a responsabilidade de ajudá-las antes que seja tarde demais. — 1 Tim. 4:16.

21 É vital, então, que imitemos o exemplo dos proclamadores zelosos do Reino que viveram no primeiro século. Desejamos que o estudo cuidadoso deste livro o motive a pregar com cada vez mais zelo e coragem, e que você seja fortalecido na sua determinação de continuar ‘dando testemunho cabal a respeito do reino de Deus’. — Atos 28:23.

DATAS IMPORTANTES NO AVANÇO DO CRISTIANISMO NO PRIMEIRO SÉCULO EC

  1. 33

    Jesus é ressuscitado

    Jesus comissiona seus seguidores a fazer discípulos

    Derramamento do espírito santo no Pentecostes

    A congregação cristã é formada

  2. c. 33-34 *

    Martírio de Estêvão

    O eunuco etíope é batizado

  3. c. 34

    Saulo de Tarso é convertido

  4. c. 34-36

    Saulo prega em Damasco

  5. c. 36

    Primeira visita de Paulo a Jerusalém como seguidor de Cristo

    Paulo visita Pedro em Jerusalém (Gál. 1:18)

  6. 36

    Cornélio é convertido

    Gentios começam a tornar-se cristãos

  7. c. 41

    O Evangelho de Mateus é escrito

    Paulo recebe a visão do “terceiro céu” (2 Cor. 12:2)

  8. c. 44

    Ágabo profetiza fome

    Martírio de Tiago (filho de Zebedeu)

    Pedro é preso e depois solto milagrosamente

  9. 44

    Herodes Agripa I morre

  10. c. 46

    A predita fome atinge o país

    Paulo leva ajuda a Jerusalém

  11. c. 47-48

    Primeira viagem missionária de Paulo

  12. c. 49

    A questão da circuncisão surge em Antioquia

    Reunião em Jerusalém

    Paulo corrige Pedro (Gál. 2:11-14)

  13. c. 49-52

    Segunda viagem missionária de Paulo

    Barnabé e Marcos pregam em Chipre

  14. c. 49-50

    Cláudio expulsa os judeus de Roma

  15. c. 50

    Lucas junta-se a Paulo em Trôade

    Paulo tem a visão de um homem da Macedônia

    Paulo visita Filipos

    A congregação filipense é formada

    A congregação tessalonicense é formada

    Paulo visita Atenas

  16. c. 50-52

    Paulo visita Corinto

    Paulo escreve 1 Tessalonicenses

    Paulo escreve Gálatas

  17. c. 51

    Paulo escreve 2 Tessalonicenses

  18. c. 52-56

    Terceira viagem missionária de Paulo

  19. c. 52-55

    Paulo visita Éfeso

  20. c. 55

    Paulo escreve 1 Coríntios

    Tito é enviado a Corinto

    Paulo escreve 2 Coríntios

  21. c. 56

    Paulo escreve Romanos

    Paulo ressuscita Êutico em Trôade

    Paulo e Lucas hospedam-se na casa de Filipe, em Cesareia

    Paulo é preso em Jerusalém

  22. c. 56-58

    Paulo é mantido sob guarda em Cesareia

    O Evangelho de Lucas é escrito

  23. c. 58

    Festo sucede Félix

  24. 58

    Herodes Agripa II ouve Paulo

  25. c. 59-61

    Paulo é preso em Roma pela primeira vez

  26. c. 60-61

    Paulo escreve Colossenses

    Paulo escreve Efésios

    Paulo escreve Filêmon

    Paulo escreve Filipenses

  27. c. 60-65

    O Evangelho de Marcos é escrito

  28. c. 61

    O livro de Atos é escrito

    Paulo escreve Hebreus

  29. c. 61-64

    Paulo escreve 1 Timóteo

    Tito é deixado em Creta (Tito 1:5)

    Paulo escreve Tito

  30. a. 62

    A Carta de Tiago é escrita

  31. c. 62-64

    1 Pedro é escrita

  32. c. 64

    2 Pedro é escrita

  33. c. 65

    Paulo é preso em Roma pela segunda vez

    Paulo escreve 2 Timóteo

    Tito vai para a Dalmácia (2 Tim. 4:10)

    Paulo é executado

^ parágrafo 48 Muitas datas são aproximadas. O símbolo “c.” significa “cerca de”; o símbolo “a.”, “antes de”.