Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 52

O exército poderoso de Jeová

O exército poderoso de Jeová

Ben-Hadade, o rei da Síria, tentou várias vezes atacar Israel. Mas o profeta Eliseu sempre avisava ao rei de Israel o que Ben-Hadade ia fazer. Por isso, os ataques de Ben-Hadade nunca davam certo. Então, ele resolveu mandar o exército da Síria ir até a cidade de Dotã para prender Eliseu.

O exército da Síria chegou em Dotã à noite. No dia seguinte, o servo de Eliseu viu que a cidade estava cercada por um exército enorme. Ele ficou morrendo de medo e gritou:

— Eliseu, e agora? O que vamos fazer?

Eliseu respondeu:

— Não se preocupe. Tem mais gente do nosso lado do que do lado deles.

Nessa hora, Jeová fez o servo de Eliseu enxergar algo impressionante. Ele viu que todas as montanhas em volta da cidade estavam cheias de cavalos e carros de guerra de fogo.

Quando os soldados sírios tentaram prender Eliseu, ele orou:

— Jeová, por favor, faça esses homens ficarem cegos.

Os soldados não ficaram cegos de verdade, mas, de repente, eles ficaram sem saber onde estavam. Eliseu disse para eles:

 — Vocês vieram pra cidade errada. Venham comigo. Vou levar vocês até a pessoa que estão procurando.

O exército seguiu Eliseu até Samaria, a mesma cidade em que o rei de Israel morava. Quando os sírios perceberam onde estavam, já era tarde demais. O rei de Israel perguntou para Eliseu:

— Devo matar esses soldados?

Eliseu poderia ter aproveitado essa chance para se vingar. Mas sabe o que ele fez? Ele disse:

— Não mate esses homens. Dê comida pra eles e mande todos embora.

Assim, o rei de Israel mandou preparar uma mesa cheia de comida para os soldados sírios. Depois, mandou todos de volta para casa.

“Esta é a confiança que temos nele: não importa o que peçamos segundo a sua vontade, ele nos ouve.” — 1 João 5:14