Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 51

Naamã e a menininha israelita

Naamã e a menininha israelita

Bem longe de Israel, num lugar chamado Síria, vivia uma menininha israelita. Ela tinha sido levada para longe de sua família pelo exército da Síria. A menininha começou a trabalhar como empregada na casa de Naamã, um dos chefes do exército sírio. Ninguém ali adorava a Jeová, só a menina israelita.

Naamã tinha uma doença de pele horrível que doía bastante. A menininha queria muito ajudá-lo. Então, ela falou para a esposa de Naamã:

— Eu sei quem pode curar seu marido. Lá em Israel tem um profeta de Jeová chamado Eliseu. Ele pode curar seu marido dessa doença.

A esposa de Naamã contou isso para ele. Naamã queria muito melhorar. Então, foi para a casa de Eliseu em Israel. Como Naamã se achava um homem importante, ele esperava que Eliseu saísse para falar com ele. Mas, na verdade, Eliseu mandou o servo dele dar um recado para Naamã:

 — Vá até o rio Jordão e mergulhe nele sete vezes. Aí, você vai ficar curado.

Naamã não gostou nada disso. Ele falou:

— Eu achei que esse profeta ia me curar orando para o Deus dele e movendo a mão pra lá e pra cá. Em vez disso, ele me manda ir para um rio aqui em Israel. Os rios da Síria são muito melhores. Por que ele não me mandou pra lá?

Naamã ficou muito bravo e foi embora da casa de Eliseu. Mas os servos de Naamã conversaram com ele:

— O senhor disse que faria de tudo pra se curar. Por que não tenta fazer o que o profeta falou? Parece ser tão fácil.

Naamã fez o que seus servos disseram. Ele foi até o rio Jordão e mergulhou nele sete vezes. Quando saiu da água na sétima vez, Naamã viu que estava completamente curado! Ele ficou muito feliz e voltou para agradecer a Eliseu. Naamã disse:

— Agora eu sei que Jeová é o verdadeiro Deus.

Imagine como aquela menininha israelita deve ter ficado feliz quando viu Naamã voltando para casa totalmente curado!

“Da boca de crianças e de bebês fizeste sair louvor.” — Mateus 21:16