Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 56

Josias amava aprender sobre Jeová

Josias amava aprender sobre Jeová

Josias se tornou o rei de Judá quando tinha 8 anos. Naquela época, as pessoas faziam coisas que Jeová não gostava. Elas faziam magia e adoravam deuses falsos. Quando tinha 16 anos, Josias quis saber como era o jeito certo de adorar a Deus. Aos 20, ele destruiu todas as imagens e altares de deuses falsos que existiam em Judá. E quando tinha 26 anos, Josias mandou reformar o templo.

Durante a reforma, o sumo sacerdote Hilquias encontrou o rolo com as leis de Jeová, talvez o mesmo rolo que Moisés tinha escrito. Safã, o secretário do rei, levou o rolo até Josias e começou a ler as leis em voz alta. Quando ouviu a leitura, Josias ficou triste porque o povo não estava fazendo o que as leis de Jeová mandavam. Então, Josias disse para Hilquias:

— Jeová deve estar muito bravo com a gente. Vá e fale com ele. Jeová vai dizer o que a gente precisa fazer.

Jeová respondeu:

— Como as pessoas de Judá me abandonaram, elas vão ser castigadas. Mas isso só vai acontecer depois que Josias morrer, porque ele leu as minhas leis e quis fazer o que era certo.

Quando soube da resposta de Jeová, Josias foi ao templo e juntou ali todas as pessoas de Judá. Aí, ele leu as leis de Jeová em voz alta para todo mundo. Josias e o povo prometeram obedecer a Jeová de todo o coração.

 Josias viu que, nas leis, Jeová mandava seu povo comemorar a Páscoa todo ano. Mas as pessoas de Judá passaram muitos anos sem fazer isso. Então, Josias decidiu organizar uma Páscoa para Jeová. Ele deu muitos animais para os sacrifícios e colocou no templo um coral para cantar cânticos. Depois da Páscoa, o povo fez outra festa que durou sete dias, chamada de Festividade dos Pães sem Fermento. A última vez que o povo tinha feito uma Páscoa como aquela foi nos dias de Samuel. Josias amava mesmo aprender sobre Jeová e sobre as leis dele. E você? Também gosta de aprender sobre Jeová?

“Tua palavra é lâmpada para o meu pé, e luz para o meu caminho.” — Salmo 119:105