Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 99

Um guarda se torna cristão

Um guarda se torna cristão

Na cidade de Filipos, vivia uma moça que tinha um demônio dentro dela. O demônio fazia a moça adivinhar o futuro, e os patrões dela ganhavam muito dinheiro por causa disso. Quando Paulo e Silas foram para Filipos, ela ficou andando atrás deles por muitos dias, gritando:

— Estes homens são escravos do Deus Altíssimo!

Então, Paulo disse para o demônio:

— Em nome de Jesus, saia dessa moça!

Na mesma hora, o demônio saiu da moça. Quando os patrões viram que não iam mais ganhar dinheiro com a moça, ficaram muito bravos. Eles arrastaram Paulo e Silas até as autoridades e disseram:

— Estes homens estão desobedecendo às leis e perturbando a cidade toda!

Então, as autoridades mandaram bater em Paulo e Silas e mandaram prendê-los. O guarda da prisão jogou Paulo e Silas na cela mais escura e escondida da prisão e prendeu os pés deles numa madeira.

Paulo e Silas começaram a cantar músicas para Jeová, e todos os outros prisioneiros ouviam. De repente, no meio da noite, um terremoto bem forte sacudiu a prisão toda. As portas das celas se abriram com tudo, e as correntes de todos os prisioneiros se soltaram. O guarda da prisão correu até as celas e viu que todas estavam abertas. Achando que todos os prisioneiros tinham escapado, ele pegou uma espada para se matar. Bem nessa hora, Paulo gritou:

— Não se mate! A gente está aqui!

O guarda da prisão correu até Paulo e Silas e se ajoelhou na frente deles. Aí, perguntou:

— O que eu preciso fazer para ser salvo?

Eles responderam:

— Você e sua família precisam acreditar em Jesus.

Então, Paulo e Silas pregaram para o guarda da prisão, e ele e toda a sua família se tornaram cristãos.

“Prenderão e perseguirão vocês, entregando-os às sinagogas e às prisões, e vocês serão levados diante de reis e governadores por causa do meu nome. Isso resultará numa oportunidade para vocês darem testemunho.” — Lucas 21:12, 13