Pular para conteúdo

Pular para sumário

Do que as crianças mais precisam

Do que as crianças mais precisam

SER pai ou mãe significa participar de uma série de eventos que, até hoje, nenhum humano conseguiu explicar satisfatoriamente. Ambos contribuem para a formação de um novo ser humano, que se desenvolve dentro da mãe. É algo tão maravilhoso que muitos se referem a isso como “o milagre do nascimento”.

Naturalmente, a responsabilidade dos pais não acaba quando o filho nasce. Muito pelo contrário. É verdade que, de início, o bebê é quase totalmente dependente dos pais, que cuidam das suas necessidades físicas. Mas à medida que cresce, a criança precisa de mais do que isso. Precisa de ajuda para se desenvolver em sentido mental, emocional, moral e espiritual.

Para se desenvolverem de forma saudável, os filhos precisam especialmente do amor dos pais. Embora seja importante os pais dizerem aos filhos que os amam, é ainda mais necessário demonstrar isso na prática. Os filhos precisam do bom exemplo dos pais. Precisam de orientação moral, de princípios em que se basear. E precisam disso desde muito pequenos. Quando os pais esperam até os filhos ficarem mais velhos para dar esse tipo de ajuda, o resultado pode ser desastroso.

Os melhores princípios que existem se encontram na Bíblia. Há muitas vantagens em usar a Bíblia para dar instrução. Uma delas é que os filhos percebem que a orientação não vem de algum humano, mas do nosso Criador, do nosso Pai celestial. Isso faz com que o conselho tenha muito mais peso.

A Bíblia incentiva os pais a se esforçarem ao máximo a fim de fixar princípios corretos na mente dos filhos. Mas à medida que os filhos crescem,  muitos pais acham difícil falar com eles sobre os assuntos realmente importantes. O objetivo deste livro, Aprenda do Grande Instrutor, é ajudar os pais nessa tarefa. Nele, você encontrará matéria para ler com seus filhos, que edifica a espiritualidade deles. Mas não é só isso: o livro deve estimular o diálogo entre as crianças e aqueles que o leem para elas.

Notará que o livro incentiva a criança a participar. Em cada capítulo, há muitas perguntas bem colocadas que são indicadas por um travessão (—). Toda vez que encontrar um travessão, pare a leitura e incentive a criança a se expressar. As crianças gostam de participar. Sem isso, elas perdem o interesse rapidamente.

O mais importante, porém, é que essas perguntas o ajudarão a discernir o que se passa na cabeça da criança. É possível que nem sempre ela responda da forma correta. Mas a matéria depois de cada pergunta foi preparada para ajudá-la a ajustar sua maneira de pensar.

Uma característica especial deste livro é o uso de mais de 230 gravuras. A maioria delas é acompanhada de legendas que estimulam a criança a se expressar levando em conta a própria gravura ou o texto lido. Por isso, use as gravuras para fazer uma recapitulação. Elas podem ser um excelente recurso didático que ajudará a fixar na mente da criança as lições ensinadas.

Quando a criança já souber ler, incentive-a a ler o livro para você e para si mesma. Quanto mais ela o ler, mais os bons conselhos ficarão gravados na mente e no coração dela. Mas a fim de fortalecer os vínculos afetivos e o respeito entre você e seu filho, não deixe de ler o livro com ele e faça isso regularmente.

Atualmente, as crianças são expostas a sexo ilícito, espiritismo e outras práticas degradantes de um modo que pareceria inimaginável há poucos anos. É preciso defendê-las contra esses ataques. Este livro faz isso de modo respeitoso, mas direto. As crianças, em especial, precisam de orientação para recorrer à Fonte de toda a sabedoria: nosso Pai celestial, Jeová Deus. Jesus, o Grande Instrutor, sempre dava esse tipo de orientação. Esperamos sinceramente que este livro ajude você e sua família a levar a vida de um modo que agrade a Jeová. Isso lhes trará bênçãos eternas!