Pular para conteúdo

Pular para sumário

 CAPÍTULO 30

Como vencer o medo

Como vencer o medo

ACHA que é fácil servir a Jeová? — O Grande Instrutor não disse que ia ser fácil. Na noite antes de ser morto, Jesus disse aos apóstolos: ‘Se o mundo os odeia, fiquem sabendo que me odiou antes de odiar vocês.’ — João 15:18.

Pedro se gabou de que ele nunca abandonaria a Jesus, mas Jesus disse que, naquela mesma noite, Pedro negaria três vezes que o conhecia. E foi exatamente o que Pedro fez! (Mateus 26:31-35, 69-75) Como isso pôde acontecer? — É que Pedro, assim como os outros apóstolos, ficou com medo.

Por que será que os apóstolos ficaram com medo? — Porque deixaram de fazer algo muito importante. Vamos ver o que foi, porque isso vai nos ajudar a servir a Jeová não importa o que os outros nos digam ou façam. Mas antes, precisamos relembrar o que aconteceu na última noite que Jesus passou com seus apóstolos.

Primeiro, eles comemoraram a Páscoa juntos. Essa era uma refeição especial que lembrava o povo de Deus, todo ano, de como Ele os tinha libertado da escravidão no Egito. Daí, Jesus iniciou uma outra refeição especial. Num capítulo à frente, vamos aprender mais sobre essa refeição e sobre como ela nos ajuda a nos lembrar de Jesus. Depois daquela refeição e de encorajar os apóstolos, Jesus os levou até o jardim de Getsêmani. Eles passavam com frequência por ali; era um de seus lugares preferidos.

Jesus se afastou um pouco para orar no jardim. Mandou também que Pedro, Tiago e João orassem. Mas eles pegaram no sono.  Jesus se afastou três vezes para orar sozinho, e nas três vezes que voltou encontrou Pedro e os outros dormindo! (Mateus 26:36-47) Por que será que Jesus disse que eles deviam ficar acordados para orar? — Vamos ver.

Por que Pedro, Tiago e João deviam ter ficado acordados?

Judas Iscariotes estava na refeição da Páscoa com Jesus e os outros apóstolos no início daquela noite. Como você talvez se lembre, Judas tinha se tornado ladrão. Agora, ia se tornar traidor. Ele conhecia o lugar no jardim de Getsêmani onde Jesus costumava se reunir com os apóstolos. Assim, mostrou aquele lugar aos soldados que queriam prender Jesus. Quando chegaram lá, Jesus perguntou-lhes: ‘Quem vocês estão procurando?’

Os soldados responderam: “Jesus.” Sem medo, Jesus respondeu: “Sou eu.” Os soldados ficaram tão surpresos com a coragem de Jesus que deram um passo para trás e caíram no chão. Daí, Jesus disse: ‘Se é a mim que estão procurando, deixem os meus apóstolos irem embora.’ — João 18:1-9.

Quando os soldados pegaram Jesus e o amarraram, os apóstolos ficaram com medo e fugiram. Mas Pedro e João queriam descobrir o que ia acontecer, de modo que os seguiram de longe. Passado algum tempo, Jesus foi levado à casa de Caifás, o sumo sacerdote. Como João era conhecido do sumo sacerdote, a mulher que vigiava o portão deixou que ele e Pedro entrassem no pátio da casa.

Os sacerdotes estavam reunidos na casa de Caifás para o julgamento. Queriam que Jesus fosse morto. Assim, trouxeram testemunhas que falaram mentiras sobre ele. Deram socos e tapas em Jesus. Enquanto isso acontecia, Pedro estava por perto.

A escrava que vigiava o portão quando Pedro e João entraram prestou mais atenção em Pedro. Ela disse: ‘Você também estava  com Jesus!’ Mas Pedro disse que nem conhecia a Jesus. Depois de algum tempo, outra moça reconheceu Pedro e disse aos que estavam por perto: “Este homem estava com Jesus.” De novo, Pedro negou que conhecia a Jesus. Pouco tempo depois, um grupo de pessoas viu Pedro e disse: ‘Você com certeza também é um deles.’ Pela terceira vez, Pedro o negou, dizendo: “Não conheço este homem!” Pedro até jurou que estava dizendo a verdade. Daí, Jesus se virou e olhou para ele. — Mateus 26:57-75; Lucas 22:54-62; João 18:15-27.

Por que Pedro ficou com tanto medo que mentiu, dizendo que não conhecia a Jesus?

Por que será que Pedro mentiu? — Isso mesmo, porque ficou com medo. Mas por que ele ficou com medo? O que ele deveria ter feito para aumentar sua coragem? Pense um pouco: O que Jesus fez para ter mais coragem? — Ele orou a Deus e este o ajudou a ter coragem. E lembre-se de que Jesus mandou três vezes que Pedro orasse e ficasse acordado, atento. Mas o que aconteceu? —

Pedro pegou no sono todas as vezes. Ele não orou e não ficou atento. Por isso, quando prenderam Jesus, Pedro foi pego  de surpresa. Mais tarde no julgamento, quando bateram em Jesus e fizeram planos para matá-lo, Pedro ficou com medo. Mas poucas horas antes, Jesus tinha dito que os apóstolos deviam esperar o quê? — Jesus disse que, assim como o mundo o odiava, ia odiá-los também.

Como você poderia se ver numa situação parecida com a de Pedro?

Agora vamos ver uma situação que a gente talvez enfrente e que é parecida com o que aconteceu com Pedro. Suponhamos que você esteja na sala de aula e os seus colegas comecem a falar mal de quem não faz juramento à bandeira ou não comemora o Natal. O que vai fazer se alguém lhe perguntar:  “É verdade que você não faz juramento à bandeira?” Ou alguém talvez diga: “A gente ouviu dizer que você não comemora nem o Natal!” Ficaria com medo de dizer a verdade? — Sentiria vontade de mentir, como Pedro? —

Depois de tudo o que aconteceu, Pedro ficou muito triste por negar que conhecia a Jesus. Quando se deu conta do que tinha feito, saiu e chorou. Depois, ele voltou a fazer a vontade de Jesus. (Lucas 22:32) Agora, pense no seguinte: O que vai nos ajudar a não ficar com muito medo e a não agir como Pedro? — Lembre-se de que Pedro não orou nem ficou acordado, atento. Então, o que é mesmo que temos de fazer para ser seguidores do Grande Instrutor? —

Sem dúvida, precisamos orar a Jeová pedindo a ajuda dele. Quando Jesus orou, sabe o que Deus fez por ele? — Enviou um anjo para fortalecê-lo. (Lucas 22:43) Será que os anjos de Deus podem nos ajudar? — A Bíblia diz: “O anjo de Jeová acampa-se ao redor dos que o temem, e ele os socorre.” (Salmo 34:7) Mas para Deus nos ajudar, não adianta só orar. Sabe o que mais precisamos fazer? — Jesus disse que seus seguidores deviam ficar acordados e atentos. Como será que podemos fazer isso? —

Precisamos prestar atenção ao que é dito nas nossas reuniões cristãs e ao que lemos na Bíblia. Mas também precisamos orar a Jeová regularmente e pedir que ele nos ajude a servi-lo. Se fizermos isso, ele vai nos ajudar a vencer o medo. Daí, quando surgir a oportunidade de falar a outros sobre o Grande Instrutor e sobre o Pai dele, vamos ficar felizes de fazer isso.

Estes textos podem nos ajudar a nunca deixar que ter medo de outras pessoas nos impeça de fazer o que é certo: Provérbios 29:25; Jeremias 26:12-15, 20-24 e João 12:42, 43.