Josué 18:1-28

  • Distribuição do restante das terras em Silo (1-10)

  • Herança de Benjamim (11-28)

18  Então toda a assembleia de Israel se reuniu em Silo+ e armou ali a tenda de reunião,+ pois a terra já estava subjugada diante deles.+  Mas ainda havia sete tribos dos israelitas que não tinham recebido a sua herança.  De modo que Josué disse aos israelitas: “Até quando vocês ficarão esperando para ir tomar posse da terra que Jeová, o Deus dos seus antepassados, lhes deu?+  Escolham três homens de cada tribo para que eu os envie; eles devem ir e percorrer a terra, fazendo um levantamento dela conforme a herança de cada tribo. Depois eles devem voltar a mim.  Eles devem dividir a terra em sete partes.+ Judá continuará no seu território ao sul,+ e a casa de José continuará no seu território ao norte.+  Façam o levantamento da terra, dividindo-a em sete partes; depois tragam-no para mim, e eu lançarei sortes+ aqui para vocês perante Jeová, nosso Deus.  Mas os levitas não terão nenhuma parte da terra entre vocês,+ visto que a sua herança é o sacerdócio de Jeová;+ e Gade, Rubem e a meia tribo de Manassés+ já receberam sua herança do lado leste do Jordão, que Moisés, o servo de Jeová, lhes deu.”  Os homens se prepararam para ir, e Josué ordenou aos que iam fazer o levantamento da terra: “Vão, percorram a terra e façam um levantamento dela; depois voltem a mim, e eu lançarei sortes para vocês perante Jeová aqui em Silo.”+  Então os homens foram e percorreram a terra, fazendo um levantamento dela. Eles a dividiram em sete partes, segundo as cidades, registrando tudo num livro. Depois voltaram a Josué, ao acampamento em Silo. 10  Josué lançou então sortes para eles em Silo, perante Jeová.+ Ali Josué distribuiu a terra aos israelitas, conforme a porção devida a cada tribo.+ 11  A sorte saiu para a tribo de Benjamim, segundo as suas famílias, e o território que lhes foi designado por sortes ficou entre o povo de Judá+ e o povo de José.+ 12  No lado norte, o limite começava no Jordão, e o limite ia até a encosta norte de Jericó,+ subia pelo monte na direção oeste e se estendia até o deserto de Bete-Áven.+ 13  E o limite continuava dali até Luz, na encosta sul de Luz, isto é, Betel;+ o limite descia até Atarote-Adar,+ no monte ao sul de Bete-Horom Baixa.+ 14  E o limite se estendia do lado oeste e virava para o sul, desde o monte que fica em frente a Bete-Horom, ao sul; terminava em Quiriate-Baal, isto é, Quiriate-Jearim,+ uma cidade de Judá. Esse era o lado oeste. 15  O lado sul começava na extremidade de Quiriate-Jearim e o limite se estendia para o oeste; seguia até a fonte das águas de Neftoa.+ 16  O limite descia até a extremidade do monte que fica em frente ao vale do Filho de Hinom,+ no norte do vale* de Refaim,+ descia até o vale de Hinom, até a encosta sul dos jebuseus,+ e descia a En-Rogel.+ 17  Depois seguia para o norte e se estendia até En-Semes, e então até Gelilote, que fica em frente à subida de Adumim,+ e descia até a pedra+ de Boã,+ filho de Rubem. 18  E prosseguia para a encosta norte em frente ao Arabá e descia até o Arabá. 19  E o limite continuava até a encosta norte de Bete-Hogla,+ e o limite terminava na baía norte do mar Salgado,*+ na extremidade sul do Jordão. Esse era o limite sul. 20  No lado leste, o Jordão serviu como limite. Esses eram todos os limites da herança dos descendentes de Benjamim, segundo as suas famílias. 21  E as cidades da tribo de Benjamim, segundo as suas famílias, eram: Jericó, Bete-Hogla, Emeque-Queziz, 22  Bete-Arabá,+ Zemaraim, Betel,+ 23  Avim, Pará, Ofra, 24  Quefar-Amonai, Ofni e Geba+ — 12 cidades e seus povoados. 25  Gibeão,+ Ramá, Beerote, 26  Mispa, Quefira, Moza, 27  Requém, Irpeel, Tarala, 28  Zela,+ Ha-Elefe, Jebusi, isto é, Jerusalém,+ Gibeá+ e Quiriate — 14 cidades e seus povoados. Essa foi a herança dos descendentes de Benjamim, segundo as suas famílias.

Notas de rodapé

Ou: “da baixada”.
Isto é, o mar Morto.