O Cântico de Salomão 8:1-14

8  “Quem me dera que você fosse como um irmão meu,Amamentado aos seios da minha mãe! Então, se o encontrasse lá fora, eu o beijaria,+E ninguém me desprezaria.   Eu o conduziriaE o levaria à casa da minha mãe,+Aquela que me educou. Eu lhe daria vinho aromatizado para beberE suco fresco de romãs.   Sua mão esquerda estaria sob a minha cabeça,E sua mão direita me abraçaria.+   Eu as ponho sob juramento, ó filhas de Jerusalém: Não tentem despertar nem suscitar em mim amor até que este o queira.”+   “Quem é essa que vem subindo do deserto,Apoiada no seu querido?” “Debaixo da macieira eu despertei você. Ali a sua mãe sentiu dores de parto. Ali ela o deu à luz com dores de parto.   Ponha-me como selo sobre o seu coração,Como selo sobre o seu braço,Pois o amor é tão forte como a morte,+E a devoção exclusiva é tão implacável como a Sepultura.* Suas chamas são um fogo ardente, a chama de Jah.*+   Águas turbulentas não podem extinguir o amor,+Nem podem os rios levá-lo na correnteza.+ Se um homem oferecesse todas as riquezas da sua casa em troca do amor,Essas seriam completamente desprezadas.”*   “Temos uma irmãzinha,+E ela ainda não tem seios. O que faremos por nossa irmãNo dia em que for pedida em casamento?”   “Se ela for uma muralha,Construiremos sobre ela um parapeito de prata;Mas, se ela for uma porta,Nós a fecharemos com uma tábua de cedro.” 10  “Sou uma muralha,E meus seios são como torres. Assim, eu me tornei aos olhos deleComo alguém que encontra paz. 11  Salomão tinha um vinhedo+ em Baal-Hamom. Ele confiou o vinhedo a lavradores.* Cada um deles lhe dava mil peças de prata pelos seus frutos. 12  Eu tenho o meu próprio vinhedo à minha disposição. As mil peças de prata* lhe pertencem, ó Salomão,E duzentas pertencem aos que tomam conta dos seus frutos.” 13  “Ó você que mora nos jardins,+Os companheiros prestam atenção à sua voz. Deixe-me também ouvi-la.”+ 14  “Corra, meu querido,Seja veloz como uma gazela+Ou como um filhote de corçaSobre os montes de bálsamo.”*

Notas de rodapé

Ou: “o Seol”, isto é, a sepultura comum da humanidade. Veja o Glossário.
“Jah” é uma forma reduzida do nome Jeová.
Ou, possivelmente: “Ele seria completamente desprezado”.
Ou: “guardiões”.
Lit.: “Os mil”.
Ou: “especiarias”.

Notas de estudo

Mídia