Ir para conteúdo

Um membro do clero obtém respostas

Um membro do clero obtém respostas

Certo dia, enquanto Elisa, uma Testemunha de Jeová, dirigia um estudo bíblico em casa de uma senhora interessada, a estudante recebeu visitas inesperadas. À sua porta, estava um membro do clero acompanhado pela esposa. Elisa sabia que o único filho daquele casal tinha falecido recentemente.

Quando Elisa apresentou os seus pêsames sinceros ao sacerdote e à esposa, eles começaram a chorar amarguradamente. Depois, zangado, o sacerdote disse: “Não consigo entender como é que Deus permitiu uma provação destas! Como é que ele é capaz de levar o meu único filho? Sirvo a Deus há 28 anos, faço muitas coisas boas, e é assim que ele me recompensa! Porque é que Deus matou o meu filho?”

Elisa explicou ao casal que Deus não tinha levado o filho deles, e conversaram sobre assuntos como o resgate, a ressurreição e as razões por que Deus permite que aconteçam coisas más. Tanto o sacerdote como a esposa disseram a Elisa que ela tinha acabado de lhes dar as respostas que eles tinham pedido nas suas orações.

Na semana seguinte, o sacerdote e a esposa voltaram e assistiram ao estudo bíblico daquela senhora. Elisa estava a considerar, no livro O Que a Bíblia Realmente Ensina, o capítulo intitulado “Uma esperança segura para os seus entes queridos falecidos”, e o casal participou ativamente no estudo.

Mais tarde, ambos assistiram ao congresso especial das Testemunhas de Jeová em Tbilisi, na Geórgia, e ficaram profundamente comovidos com o amor e a união extraordinários que observaram – qualidades que já há muito tempo tentavam incutir nos membros da sua igreja, mas sem êxito.