Ir para conteúdo

OS JOVENS PERGUNTAM

Como devo encarar críticas construtivas?

Como devo encarar críticas construtivas?

 Faz um teste

De vez em quando, todos nós precisamos de críticas construtivas, ou seja, conselhos que nos ajudem a melhorar o nosso trabalho ou a nossa atitude. Com isto em mente, considera os seguintes cenários.

  1. O teu professor diz-te que o último trabalho que lhe entregaste pareceu ter sido feito à pressa. “Tens de te esforçar mais e gastar mais tempo na tua pesquisa,” diz ele.

    Como é que reages à crítica construtiva?

    1. Rejeito-a. (“O professor não gosta de mim.”)

    2. Aceito-a. (“Vou seguir o conselho dele no meu próximo trabalho.”)

  2. A tua mãe diz-te que o teu quarto está uma confusão – apesar de o teres acabado de limpar.

    Como é que reages à crítica construtiva?

    1. Rejeito-a. (“A minha mãe nunca está satisfeita.”)

    2. Aceito-a. (“Admito que podia ter feito melhor.”)

  3. A tua irmã mais nova diz que não gosta da tua atitude de mandão e que lhe estejas sempre a dizer o que fazer.

    Como é que reages à crítica construtiva?

    1. Rejeito-a. (“Mandão? Eu? E ela? E quem é ela para me criticar?”)

    2. Aceito-a. (“Acho que podia ser mais simpático para ela.”)

Alguns jovens têm sido comparados a flores de estufa – tão frágeis que mirram e ficam ressequidos à mais pequena dose de crítica construtiva. Tu também és assim? Se sim, tu é que ficas a perder. Porquê? Porque aprender a lidar com críticas construtivas é uma habilidade importante que te vai ajudar bastante, tanto agora como na vida adulta.

Não rejeites o que precisas de ouvir só porque não queres ouvi-lo

 Porque é que eu preciso de críticas construtivas?

  • Porque não és perfeito. A Bíblia diz: “Pois todos nós cometemos erros muitas vezes.” (Tiago 3:2, nota) Por essa razão, todos precisam de conselhos construtivos.

    “Eu tento lembrar-me de que somos todos imperfeitos e de que cometer erros faz parte da vida. Por isso, quando sou corrigido, eu tento aprender com isso para evitar repetir aquele erro.” — David.

  • Porque podes sempre melhorar. A Bíblia diz: “Dá instrução ao sábio, e ele irá tornar-se mais sábio.” (Provérbios 9:9) As críticas construtivas podem beneficiar-te – mas só se as aceitares.

    “Eu costumava ter uma atitude errada perante as críticas. Eu pensava que, por ser criticada, ficava mal vista. Mas agora eu aceito as críticas construtivas e até peço que me dêem sugestões. Quero saber em que é que posso melhorar.” — Selena.

Claro, pedir críticas construtivas é uma coisa. Mas, quando elas aparecem sem as termos pedido, é outra história. Natalie lembra-se de ter recebido um cartão com conselhos que ela não tinha pedido: “Eu fiquei chocada e desanimada. Eu estava a esforçar-me tanto e tudo o que recebi em troca foi conselhos!”

Alguma vez te aconteceu algo parecido? Se sim, como é que podes lidar com isso?

 Como conseguir aceitar críticas construtivas?

  • Escuta.

    A Bíblia diz: “O homem de conhecimento controla as suas palavras, e o homem de discernimento mantém a calma.” (Provérbios 17:27) Não interrompas a pessoa que está a falar contigo. E não respondas impulsivamente. Podes dizer coisas das quais te arrependerás depois!

    “Quando recebo uma crítica, tenho a tendência de ficar na defensiva. Mas, em vem disso, devia aprender com a correção e tentar fazer melhor da próxima vez.” — Sara.

  • Foca-te na mensagem, não no mensageiro.

    Podes sentir-te tentado a apontar as falhas da pessoa que te está a criticar. Mas é bem melhor seguir o conselho da Bíblia, que diz: “Todos devem estar prontos para ouvir, mas não devem precipitar-se a falar, nem irritar-se com facilidade.” (Tiago 1:19) Numa crítica, quase sempre existe alguma verdade. Não desperdices o que tu precisas de ouvir só porque não queres ouvi-lo.

    “Quando os meus pais me corrigiam, eu costumava ficar chateado e só dizia: ‘Eu sei, eu sei.’ Mas, quando eu presto mesmo atenção e aplico os conselhos deles, os resultados são muito melhores.” — Edward.

  • Mantém uma visão equilibrada sobre ti mesmo.

    O facto de receberes críticas construtivas não faz de ti um fracasso. Simplesmente quer dizer que tu tens falhas, tal como toda a gente. Até a pessoa que está a corrigir-te precisa de críticas construtivas de vez em quando. Na verdade, a Bíblia diz: “Não há nenhum homem justo na terra que faça sempre o que é bom.” — Eclesiastes 7:20.

    “Uma amiga fez-me uma crítica construtiva que eu achava que não precisava. Eu agradeci-lhe pela honestidade dela, mas fiquei ofendida. Contudo, com o tempo, eu apercebi-me de que a crítica dela continha alguma verdade. Graças ao conselho dela, consegui ver no que é que eu precisava de melhorar – algo em que eu provavelmente nem teria reparado se ela não tivesse dito nada.” — Sophia.

  • Estabelece um alvo.

    A Bíblia diz que “quem é prudente aceita correção”. (Provérbios 15:5) Quando a aceitares, vais conseguir ultrapassar quaisquer sentimentos feridos e poderás começar a esforçar-te para melhorar na área que te foi indicada. Cria um plano de ação e anota o teu progresso durante os meses que se seguirem.

    “A capacidade de lidar com as críticas está relacionada com a honestidade, porque tu tens de ser honesto contigo mesmo para admitires os teus erros, pedir desculpa por eles, e aprender como melhorar.” — Emma.

Conclusão: A Bíblia diz: “As pessoas aprendem umas com as outras, assim como o ferro afia o próprio ferro.” (Provérbios 27:17, Bíblia na Linguagem de Hoje) A crítica construtiva é uma ferramenta que te pode afiar, tanto agora como quando te tornares um adulto.