Ir para conteúdo

Ir para índice

 MATÉRIA DE CAPA

Pornografia – Inofensiva ou mortífera?

Pornografia – Inofensiva ou mortífera?

Hoje há pornografia * em toda a parte, e parece que é bem aceite na sociedade moderna. Pode ser encontrada na moda, publicidade, filmes, músicas e revistas, bem como na televisão, videojogos, telemóveis, tablets, sites e, até mesmo, em serviços de partilha de imagens online. Cada vez mais pessoas em mais lugares consomem mais pornografia do que em qualquer outra época da história. — Veja o quadro  “Factos sobre a pornografia”.

Além disso, a natureza da pornografia mudou. A professora universitária Gail Dines escreve: “Hoje em dia, as imagens são tão chocantes que o que era considerado pornografia pesada, agora é considerado normal.”

Como é que você vê essa tendência? Será que a pornografia é um passatempo inofensivo ou um veneno mortífero? Jesus disse: “Toda a árvore boa produz bons frutos, mas toda a árvore má produz frutos imprestáveis.” (Mateus 7:17) Que tipo de frutos é que a pornografia produz? Para saber, vejamos algumas perguntas básicas sobre a pornografia.

 Como é que a pornografia afeta as pessoas individualmente?

O QUE OS ESPECIALISTAS DIZEM: A pornografia é altamente viciadora, e alguns investigadores e terapeutas até mesmo a comparam às drogas.

Brian, * que se tornou viciado em pornografia pela Internet, conta: “Eu não conseguia evitar. Era como se eu estivesse hipnotizado. A culpa fazia-me literalmente tremer e ter dores de cabeça. Esforcei-me muito para parar, mas anos depois, eu ainda continuava viciado em pornografia.”

Pessoas que se entregam à pornografia tornam-se fechadas e muitas vezes mentem para esconder esse hábito. Não é de surpreender que muitas se sintam isoladas, envergonhadas, ansiosas, deprimidas e zangadas. Em alguns casos, até desenvolvem tendências suicidas. “Tornei-me egocêntrico e inconsequente”, diz Sérgio, que descarregava pornografia para o seu telemóvel quase todos os dias. “Sentia-me inútil, culpado, sozinho e desanimado. Tinha demasiado medo e vergonha para pedir ajuda.”

Até uma olhadela rápida ou acidental em pornografia pode afetar uma pessoa. Num depoimento diante de um comité do Senado dos Estados Unidos, Judith Reisman, uma renomada investigadora sobre os efeitos da pornografia, disse: “As imagens pornográficas ficam gravadas no cérebro e causam alterações, criando uma memória bioquímica instantânea, involuntária, mas permanente, [que é] difícil, ou até mesmo impossível, de se apagar.” Susan, de 19 anos, que foi exposta a sites pornográficos, diz: “As imagens ficaram gravadas na minha mente. Elas aparecem do nada. Acho que nunca vou conseguir apagá-las completamente.”

CONCLUSÃO: A pornografia escraviza e devasta as suas vítimas. — 2 Pedro 2:19.

Como é que a pornografia afeta as famílias?

O QUE OS ESPECIALISTAS DIZEM: “Casamentos e famílias são desfeitos por causa da pornografia.” — The Porn Trap (A Armadilha da Pornografia), de Wendy e Larry Maltz.

A pornografia destrói casamentos e famílias por:

  • Enfraquecer a confiança, a intimidade e o amor entre o casal. — Provérbios 2:12-17.

  • Incentivar o egoísmo, a indiferença emocional e a insatisfação com o cônjuge. — Efésios 5:28, 29.

  • Alimentar fantasias e desejos sexuais doentios. — 2 Pedro 2:14.

  • Induzir os seus utilizadores a forçar o cônjuge a praticar atos sexuais repulsivos. — Efésios 5:3, 4.

  • Incentivar a infidelidade emocional e física. — Mateus 5:28.

A Bíblia diz que o marido e a esposa não devem ‘agir traiçoeiramente’ um com o outro. (Malaquias 2:16) A infidelidade é o tipo de traição que pode arruinar  um casamento e levar à separação e ao divórcio, e isso por sua vez prejudica os filhos.

A pornografia também pode afetar os filhos de modo mais direto. Brian, já mencionado, explica: “Quando eu tinha uns 10 anos e estava a brincar às escondidas, encontrei por acaso umas revistas pornográficas que eram do meu pai. Comecei a vê-las às escondidas e não entendia porque é que aquelas imagens me atraíam. Isso deu início a um hábito destrutivo que durou muitos anos, até depois de me tornar adulto.” Estudos mostram que a pornografia pode influenciar adolescentes a iniciarem a sua vida sexual mais cedo, além de se tornarem promíscuos, sexualmente violentos e instáveis em sentido emocional e psicológico.

CONCLUSÃO: A pornografia envenena relacionamentos baseados no amor e resulta em sofrimento e dor. — Provérbios 6:27.

 O que é que a Bíblia diz sobre a pornografia?

A PALAVRA DE DEUS DIZ: “Amorteçam, portanto, os membros do vosso corpo com respeito a imoralidade sexual, impureza, paixão desenfreada, desejos prejudiciais e ganância, que é idolatria.” — Colossenses 3:5.

Em poucas palavras, Jeová * Deus odeia a pornografia. Isso não quer dizer que ele encare o sexo como algo vergonhoso. Jeová criou as nossas faculdades sexuais para que os casados dessem prazer um ao outro, se tornassem mais unidos emocionalmente e partilhassem a alegria de trazer filhos ao mundo. — Tiago 1:17.

Por que razão, então, podemos afirmar que Jeová é, sem dúvida nenhuma, contra a pornografia? Vejamos algumas razões:

  • Ele sabe que a pornografia pode destruir vidas. — Efésios 4:17-19.

  • Ele ama-nos e quer proteger-nos do que é prejudicial. — Isaías 48:17, 18.

  • Jeová quer preservar os casamentos e as famílias. — Mateus 19:4-6.

  • Ele quer que sejamos moralmente limpos e que respeitemos os direitos de outros. — 1 Tessalonicenses 4:3-6.

  • Ele quer que respeitemos as nossas faculdades de procriação e as usemos de maneira honrosa. — Hebreus 13:4.

  • Jeová sabe que a pornografia reflete um ponto de vista distorcido, egoísta e satânico sobre o sexo. — Génesis 6:2; Judas 6, 7.

CONCLUSÃO: A pornografia prejudica o relacionamento da pessoa com Deus. — Romanos 1:24.

No entanto, Jeová tem grande compaixão pelos que querem livrar-se das garras da pornografia. A Bíblia declara: “Jeová é misericordioso e compassivo, paciente e cheio de amor leal. Pois ele sabe bem como somos formados, lembra-se de que somos pó.” (Salmo 103:8, 14) Ele convida os humildes a recorrerem a ele ‘a fim de receberem misericórdia e encontrarem bondade imerecida para os ajudar no momento certo’. — Hebreus 4:16; veja o quadro  “Como se libertar da pornografia”.

Inúmeras pessoas conseguem libertar-se da pornografia com a ajuda de Deus. Veja o que a Bíblia diz sobre alguns que superaram maus hábitos: “Vocês foram lavados, foram santificados, foram declarados justos no nome do Senhor Jesus Cristo e com o espírito do nosso Deus.” (1 Coríntios 6:11) Assim como o apóstolo Paulo, elas podem dizer: “Para todas as coisas tenho força graças àquele que me dá poder.” — Filipenses 4:13.

Susan, que superou o seu vício em pornografia, diz: “Jeová é o único que pode ajudá-lo a recuperar-se. Se pedir a sua ajuda e orientação, poderá ter uma posição limpa diante dele. Ele nunca vai abandoná-lo.”

^ par. 3 O termo “pornografia” refere-se a matéria sexualmente explícita que tem o objetivo de excitar a pessoa que a estiver a ver, ler ou ouvir. Pode incluir imagens, bem como material escrito ou em áudio.

^ par. 8 Os nomes neste artigo foram mudados.

^ par. 25 Segundo a Bíblia, Jeová é o nome de Deus.