Ir para conteúdo

Ir para índice

3 Ajuda a lidar com problemas

3 Ajuda a lidar com problemas

Existem problemas que, por enquanto, não podem ser evitados nem resolvidos. Por exemplo, se você perdeu alguém na morte ou tem uma doença crónica, a única coisa que pode fazer talvez seja aprender a lidar com a dor que sente. Será que a Bíblia pode ajudar-nos nestes casos?

DOENÇA CRÓNICA

Rose diz: “Eu tenho uma doença genética que me causa muitas dores. Essa doença limita muito o que posso fazer.” Por causa das dores, Rose nem sempre conseguia concentrar-se para estudar a Bíblia. Às vezes, ler era quase impossível. Isso deixava-a muito frustrada. Mas as palavras de Jesus em Mateus 19:26 foram de muita ajuda: “Para Deus todas as coisas são possíveis.” Rose descobriu que existem outras maneiras de estudar: ela começou a ouvir as gravações em áudio da Bíblia e das publicações bíblicas. * Ela diz: “Sem isso, não sei como teria mantido a minha fé forte.”

Às vezes, Rose fica triste porque não consegue fazer tantas coisas como antes. Quando ela fica assim, lembra-se das palavras em 2 Coríntios 8:12: “Se já existe prontidão, a dádiva é especialmente aceitável segundo o que uma pessoa tem, não segundo o que uma pessoa não tem.” Estas palavras lembram Rose de que Deus fica feliz com o que ela faz, porque ela faz tudo o que pode dentro das suas limitações.

 PERDER ALGUÉM NA MORTE

Cláudia, já mencionada, relembra: “Depois de a minha filha de 18 anos ter morrido, a dor foi tão grande que eu já não queria viver. As coisas nunca mais iam ser iguais.” Apesar disso, as palavras do Salmo 94:19 consolaram-na muito. O escritor desse salmo disse a Deus: “Quando as ansiedades me esmagaram, tu consolaste-me e acalmaste-me.” Cláudia diz: “Pedi a Jeová que me ajudasse a fazer coisas que me consolassem, que diminuíssem a minha dor.”

Cláudia decidiu manter-se ocupada num serviço voluntário muito gratificante. No entanto, ela ainda continuava a sentir que lhe faltava alguma coisa na vida. Ela comparou a sua situação a um lápis de cor. Um lápis partido ainda pode colorir. Assim, ela viu que ainda podia ajudar outros. Ela lembra-se: “Percebi que, quando usava a Bíblia para consolar as pessoas, era como se Jeová me estivesse a consolar.” Ela fez uma lista de pessoas mencionadas na Bíblia que também perderam alguém na morte. O que é que ela descobriu? Ela diz: “Todas oravam muito.” E acrescenta: “A Bíblia não vai ajudar-nos a lidar com os problemas se estiver guardada numa estante.”

Por estudar a Bíblia, Cláudia também aprendeu a concentrar-se no futuro, não no passado. O texto de Atos 24:15 consola-a muito: “Haverá uma ressurreição tanto de justos como de injustos.” Cláudia tem a certeza de que Jeová vai ressuscitar a sua filha. Ela diz: “Olhando para o futuro, já consigo ver a minha filha. Sei que o nosso próximo encontro já está marcado; é como se estivesse na agenda do meu Pai. Consigo ver-nos às duas sentadas a conversar na varanda da nossa casa. Isto é tão real na minha mente como o dia em que ela nasceu.”

^ par. 4 Essas gravações em áudio podem ser encontradas no site jw.org.

A Bíblia pode consolar-nos, mesmo nas situações mais difíceis