Ir para conteúdo

Ir para índice

 ESTUDO 45

Como o espírito santo nos ajuda

Como o espírito santo nos ajuda

“Para todas as coisas tenho força graças àquele que me dá poder.” — FIL. 4:13.

CÂNTICO 104 Espírito Santo – Um Presente de Deus

O QUE VAMOS VER *

1-2. (a) O que nos ajuda a seguir em frente apesar dos problemas? Explique. (b) O que vamos ver neste estudo?

“QUANDO penso no problema que enfrentei, vejo que nunca teria conseguido lidar com ele sozinho.” Já alguma vez disse algo assim? Muitos de nós, sim. Talvez tenha dito isso depois de pensar em como teve força para suportar uma doença grave ou a morte de uma pessoa querida. Ao olhar para trás, percebe que só conseguiu seguir em frente porque o espírito santo de Jeová lhe deu “o poder além do normal”. — 2 Cor. 4:7-9.

2 Nós também dependemos do espírito santo para não ceder às influências deste mundo mau. (1 João 5:19) Além disso, temos de lutar contra “forças espirituais malignas”. (Efé. 6:12) Neste estudo, vamos ver duas maneiras de o espírito santo nos ajudar a lidar com todas estas pressões. Depois, vamos ver o que precisamos de fazer para receber o máximo de ajuda possível do espírito santo.

O ESPÍRITO SANTO DÁ-NOS PODER

3. Qual é uma maneira de o espírito santo nos ajudar quando temos problemas?

3 Uma maneira de o espírito santo nos ajudar é por nos dar poder, ou força, para cuidarmos das nossas responsabilidades, apesar dos problemas. O apóstolo Paulo sentia que só conseguia servir a Jeová porque confiava no “poder do Cristo” para lidar com as suas dificuldades. (2 Cor. 12:9) Durante a sua segunda viagem missionária, Paulo trabalhou bastante não apenas na obra de pregação, mas também para ganhar o sustento. Ele ficou em Corinto, na casa de Áquila e Priscila, que fabricavam tendas. Como tinha essa mesma profissão, Paulo dedicava parte do seu tempo a trabalhar com eles. (Atos 18:1-4) O espírito  santo deu a Paulo o poder para trabalhar e ganhar o sustento e, ao mesmo tempo, realizar as suas atividades de pregação.

4. Que luta é que Paulo teve, de acordo com 2 Coríntios 12:7b-9?

4 Leia 2 Coríntios 12:7b-9. Nestes versículos, Paulo escreveu que lutava contra “um espinho na carne”. O que é que ele quis dizer? Se você tivesse um espinho enfiado na sua pele, sem dúvida, sentiria muitas dores. Por isso, Paulo queria dizer que estava a enfrentar algum tipo de problema pessoal muito doloroso. Ele disse que a sua provação era “um anjo de Satanás” enviado para ‘esbofeteá-lo’ (ou: ‘espancá-lo’, nota) continuamente. Talvez Satanás e os seus demónios não tenham causado as provações de Paulo. No entanto, é provável que, quando essas forças malignas notaram que Paulo já tinha um “espinho”, ficaram desejosas de enfiá-lo ainda mais, por assim dizer, só para lhe causar mais dores. O que fez Paulo?

5. Como é que Jeová respondeu às orações de Paulo?

5 Paulo queria livrar-se do “espinho”. Ele admite: “Três vezes supliquei ao Senhor [Jeová] pedindo que o afastasse de mim.” Apesar das orações de Paulo, o espinho na carne continuou lá. Será que isso quer dizer que Jeová ignorou as orações de Paulo? É claro que não! Jeová respondeu às orações dele. É verdade que Deus não removeu o problema, mas deu a Paulo força para suportá-lo. Jeová disse: “O meu poder está a ser aperfeiçoado na fraqueza.” (2 Cor. 12:8, 9) Com a ajuda de Deus, Paulo pôde continuar alegre e manter a paz interior! — Fil. 4:4-7.

6. (a) Como é que Jeová talvez responda às nossas orações? (b) Como é que os textos citados no parágrafo podem ajudá-lo a ter mais força?

6 Já passou por alguma situação parecida com a de Paulo? Implorou a Jeová para livrá-lo de um problema, só que, apesar das suas orações sinceras, o seu problema continuou – ou até piorou? Por causa disso, achou que Jeová estava triste consigo? Se esse for o seu caso, lembre-se do exemplo de Paulo. Assim como Jeová respondeu às orações dele, vai responder às suas! Talvez Jeová não remova o seu problema, mas, por meio do espírito santo, ele vai dar-lhe a força de que precisa para aguentar a provação. (Sal. 61:3, 4) Você até pode ser “derrubado”, mas Jeová não vai abandoná-lo. — 2 Cor. 4:8, 9; Fil. 4:13.

O ESPÍRITO SANTO FAZ-NOS SEGUIR EM FRENTE

7-8. (a) Em que sentido é o espírito santo como o vento? (b) Como é que Pedro descreveu o modo de o espírito santo agir?

7 Qual é outra maneira de o espírito santo nos ajudar? Ele age como o vento que empurra um barco que navega num mar agitado. Quando passamos por um “mar” de problemas, o espírito santo faz-nos seguir em frente e leva-nos ao nosso porto seguro – o novo mundo que Deus prometeu.

8 Por ter sido pescador, o apóstolo Pedro sabia muito sobre navegação. É interessante que, para descrever o modo como o espírito santo age, Pedro usou uma expressão que parece estar ligada à navegação. Ele escreveu: “A profecia nunca foi produzida pela vontade do homem, mas os homens falaram da parte de Deus, conforme eram movidos por espírito santo.” A palavra grega traduzida como “movidos” significa literalmente “conduzidos; impelidos”. — 2 Ped. 1:21; nota.

9. Que quadro mental é que o apóstolo Pedro criou por usar a palavra “impelidos”?

9 Que quadro mental é que Pedro criou ao usar a palavra “impelidos”? Lucas, o escritor do livro de Atos, usou uma variação da mesma palavra grega para descrever um navio que era ‘levado’ pelo vento. (Atos 27:15) Como  disse certo estudioso bíblico, quando Pedro escreveu que os escritores da Bíblia foram “impelidos”, ele usou “uma metáfora marítima fascinante”. Portanto, o que Pedro quis dizer é que, assim como um barco é impelido pelo vento para completar a sua viagem, os escritores e profetas que escreveram a Bíblia foram impelidos pelo espírito santo para completar a sua tarefa. O mesmo estudioso disse: “Os profetas içaram as suas velas, por assim dizer.” Jeová fez a parte dele – mandou “o vento”, ou seja, o espírito santo. E os escritores da Bíblia fizeram a parte deles. Trabalharam seguindo a orientação desse espírito.

PASSO 1: Participe regularmente em atividades espirituais

PASSO 2: Dê o seu melhor ao participar nessas atividades (Veja o parágrafo 11.) *

10-11. Que dois passos precisamos de dar para sermos guiados pelo espírito santo? Faça uma ilustração.

10 Obviamente, a época de escrever livros da Bíblia inspirados por espírito santo já acabou. No entanto, Jeová continua a fazer a parte dele: usa o espírito santo para guiar o seu povo. Se quisermos ser guiados pelo espírito santo, temos de analisar se estamos a fazer a nossa parte. Como?

11 Pense nesta comparação. Para aproveitar o vento ao máximo, o marinheiro precisa de fazer duas coisas. Primeiro, ele precisa de colocar o seu barco onde o vento está a soprar. Afinal, se o marinheiro ficar parado num porto muito longe do vento, o seu barco não vai sair do lugar. Segundo, ele precisa de levantar as velas do barco e abri-las ao máximo. Mesmo que esteja muito vento, o barco só vai seguir em frente se as velas estiverem bem abertas a apanhar vento. Da mesma maneira, só vamos conseguir perseverar com a ajuda do espírito santo de Jeová. Para aproveitarmos ao máximo o espírito santo, dois passos são necessários. Primeiro, temos de ficar onde o espírito de Jeová está “a soprar”. Para isso, temos de participar em atividades que são influenciadas pelo espírito de Deus. Segundo, temos de “içar as nossas velas” o máximo possível, ou seja, dar o nosso melhor nessas atividades.  (Sal. 119:32) Se seguirmos estes passos, o espírito santo vai fazer-nos seguir em frente no meio deste mar de oposições e dificuldades em que vivemos. Vai ajudar-nos a perseverar na nossa viagem até ao novo mundo de Deus.

12. O que vamos ver agora?

12 Até aqui, vimos duas maneiras de o espírito santo nos ajudar. Primeiro, ele dá-nos poder e ajuda-nos a continuar fiéis apesar de provações. Segundo, o espírito santo faz-nos seguir em frente e ajuda-nos a continuar no caminho que leva à vida eterna. Agora, vamos ver quatro coisas que devemos fazer para aproveitar ao máximo a ajuda do espírito santo.

COMO APROVEITAR AO MÁXIMO A AJUDA DO ESPÍRITO SANTO

13. De acordo com 2 Timóteo 3:16, 17, o que é que as Escrituras podem fazer por nós, mas o que temos de fazer?

13 Primeiro, estude a Palavra de Deus. (Leia 2 Timóteo 3:16, 17.) A palavra grega traduzida como “inspirada por Deus” significa literalmente “soprada por Deus”. Deus usou o seu espírito santo para “soprar”, ou colocar, os seus pensamentos na mente dos escritores da Bíblia. Quando lemos a Bíblia e meditamos no que lemos, as instruções de Deus entram na nossa mente e coração. Esses pensamentos inspirados motivam-nos a fazer mudanças na vida para agradar a Jeová. (Heb. 4:12) No entanto, para que o espírito santo nos ajude, temos de reservar tempo para estudar a Bíblia regularmente e para meditar profundamente no que lemos. Só assim é que a Palavra de Deus vai influenciar tudo o que dizemos e fazemos.

14. (a) Porque podemos dizer que “o vento está a soprar” nas nossas reuniões? (b) Como podemos assistir às reuniões com as nossas “velas abertas”?

14 Segundo, adore a Deus nas reuniões. (Sal. 22:22) De certa forma, as reuniões são ocasiões em que “o vento está a soprar”. O espírito santo de Jeová está presente nas reuniões. (Apo. 2:29) Porque podemos dizer isso? Porque, quando estamos reunidos para adorar juntamente com os nossos irmãos, oramos a pedir espírito santo, cantamos cânticos baseados na Palavra de Deus e escutamos instruções bíblicas dadas por irmãos que foram designados por espírito santo. Esse mesmo espírito santo ajuda as irmãs a preparar e a apresentar as suas partes. Mas para que o espírito santo nos ajude, temos de ir para as reuniões preparados para participar nelas. Quando fazemos isso, é como se estivéssemos com as nossas “velas abertas”.

15. Como é que o espírito santo nos ajuda na obra de pregação?

15 Terceiro, participe na pregação. Quando usamos a Bíblia para pregar e ensinar, deixamos que o espírito santo nos ajude no nosso trabalho. (Rom. 15:18, 19) No entanto, para aproveitarmos ao máximo essa ajuda, temos de participar regularmente na pregação e usar a Bíblia sempre que possível. Algo que pode ajudar-nos a ter melhores resultados na pregação é usar as sugestões das conversas sobre a Bíblia do Manual de Atividades.

16. Qual é a forma mais direta de conseguirmos espírito santo?

16 Quarto, ore a Jeová. (Mat. 7:7-11; Luc. 11:13) A forma mais direta de conseguir espírito santo é pedi-lo em oração a Jeová. Nada pode impedir que as nossas orações cheguem a Jeová. E nada pode impedir que o espírito santo de Deus chegue até nós – nem as paredes de uma prisão e nem mesmo Satanás. (Tia. 1:17) Como devemos orar se quisermos aproveitar ao máximo a ajuda do espírito santo? Para responder, vamos ver uma ilustração que encontramos apenas no Evangelho de Lucas. *  Ela vai ajudar-nos a aprender mais sobre oração.

ORE COM PERSISTÊNCIA

17. Que lição aprendemos da ilustração em Lucas 11:5-9, 13?

17 Leia Lucas 11:5-9, 13. A ilustração de Jesus mostra como devemos orar a pedir espírito santo. Nessa ilustração, o homem conseguiu o que precisava “por causa da sua persistência e ousadia”. Apesar de ser meia-noite, ele não teve medo de pedir ajuda ao seu amigo. * O que é que essa ilustração nos ensina sobre as orações? Jesus disse: “Persistam em pedir, e ser-vos-á dado; persistam em procurar, e encontrarão; persistam em bater, e ser-vos-á aberto.” Então, qual é a lição para nós? Se queremos receber a ajuda do espírito santo, temos de orar e pedi-lo com persistência.

18. De acordo com a ilustração de Jesus, porque podemos confiar que Jeová vai dar-nos o seu espírito santo?

18 A ilustração de Jesus também nos ajuda a ver porque é que Jeová vai dar-nos espírito santo. O homem da ilustração queria ser um bom anfitrião. Ele não tinha nada para oferecer ao hóspede que tinha chegado tão tarde, mas sentia-se na obrigação de fazer isso. Jesus disse que o homem da ilustração foi ajudado por causa da sua persistência e ousadia. O que é que Jesus queria destacar? Se um humano imperfeito está disposto a ajudar um amigo persistente, quanto mais o nosso Pai, Jeová, que é bondoso, está disposto a ajudar aqueles que lhe pedem espírito santo com persistência! Por isso, podemos orar com confiança. Jeová vai responder-nos se lhe pedirmos espírito santo. — Sal. 10:17; 66:19.

19. Porque podemos ter a certeza de que seremos vencedores?

19 Satanás não desiste de tentar derrubar-nos. No entanto, podemos ter a certeza de que seremos vencedores. Porquê? Porque o espírito santo nos ajuda de duas maneiras. Primeiro, ele dá-nos o poder de que precisamos para superar provações. Segundo, é a força que “sopra as nossas velas”, ajudando-nos a seguir em frente no serviço a Jeová até que cheguemos ao novo mundo. Por isso, esteja decidido a aproveitar ao máximo a ajuda que o espírito santo dá!

CÂNTICO 41 “Ouve a Minha Oração”

^ par. 5 Neste estudo, vamos entender como o espírito santo de Jeová pode ajudar-nos a perseverar quando passamos por problemas. Também vamos aprender o que temos de fazer para receber o máximo de ajuda possível do espírito santo.

^ par. 16 De todos os escritores dos Evangelhos, Lucas foi o que mais destacou a importância da oração na vida de Jesus. — Luc. 3:21; 5:16; 6:12; 9:18, 28, 29; 18:1; 22:41, 44.

^ par. 17 Veja a nota de estudo “persistência e ousadia” nas Referências Para o Manual de Atividades de julho de 2018, página 4.

^ par. 60 IMAGENS: PASSO 1: Um irmão e uma irmã chegam ao Salão do Reino. Por se reunirem com outros cristãos, eles participam numa ocasião em que o espírito santo está presente. PASSO 2: Eles estão preparados para participar na reunião. Estes dois passos também se aplicam às outras atividades consideradas neste artigo: estudar a Palavra de Deus, participar na pregação e orar a Jeová.