Ir para conteúdo

Ir para índice

 B1

A Mensagem da Bíblia

Jeová Deus tem o direito de governar. A sua forma de governar é a melhor. O seu propósito para a Terra e para a humanidade irá cumprir-se.

Depois de 4026 AEC

“A serpente” questiona o direito e o modo de Jeová governar. Jeová promete produzir um “descendente”, ou “semente”, que, por fim, esmagará a serpente, Satanás. (Génesis 3:1-5, 15, nota) Contudo, Jeová concede tempo para os humanos se governarem a si mesmos sob a influência da serpente.

1943 AEC

Jeová revela a Abraão que o “descendente” prometido virá da sua linhagem. — Génesis 22:18.

Depois de 1070 AEC

Jeová garante ao rei David, e mais tarde ao seu filho Salomão, que o “descendente” prometido virá da sua linhagem. — 2 Samuel 7:12, 16; 1 Reis 9:3-5; Isaías 9:6, 7.

29 EC

Jeová identifica Jesus como o “descendente” prometido e Herdeiro do trono de David. — Gálatas 3:16; Lucas 1:31-33; 3:21, 22.

 33 EC

A serpente, Satanás, fere o “descendente” prometido ao causar a morte de Jesus. Jeová ressuscita Jesus para a vida no céu e aceita o valor sacrificial da sua vida perfeita, fornecendo a base para o perdão de pecados e para a vida eterna aos descendentes de Adão. — Génesis 3:15; Atos 2:32-36; 1 Coríntios 15:21, 22.

1914 EC ou pouco depois

Jesus lança a serpente, Satanás, do céu para a Terra, restringindo-o à Terra por “pouco tempo”. — Apocalipse 12:7-9, 12.

Futuro

Jesus aprisiona Satanás durante mil anos e, então, destrói-o, simbolicamente esmagando-lhe a cabeça. O propósito original de Jeová para a Terra e a humanidade cumpre-se, o seu nome é santificado e o seu modo de governar é vindicado. — Apocalipse 20:1-3, 10; 21:3, 4.